Espanha nos quartos-de-final, Rússia aguarda

Rússia 1-1 Espanha Golos de Verónica Boquete e Elena Terekhova ditaram um empate que coloca as espanholas nos quartos-de-final e deixa as russas à espera de um sorteio.

Espanha e Rússia empataram a um golo em Norrköping, resultado que coloca as espanholas nos quartos-de-final como segundas classificadas do Grupo C e que deixa as russas à espera do resultado de um sorteio que ditará se serão elas ou a Dinamarca a ocupar a derradeira vaga destinada às duas melhores terceiras classificadas da fase de grupos.

A Rússia necessitava da vitória, enquanto à Espanha o empate chegava para carimbar o passaporte para os quartos-de-final, mas foram as espanholas que mais atacaram nos primeiros minutos, instalando-se no meio-campo russo. Adriana deixou um primeiro aviso aos cinco minutos e, aos 14, depois de uma excelente jogada individual pela esquerda da mesma Adriana, sempre muito irrequieta, a Espanha chegou mesmo ao golo, com Verónica Boquete a encostar a bola para o fundo das redes.

Motivada pelo tento, a selecção espanhola quase elevou para 2-0 poucos instantes mais tarde, valendo à Rússia três fantásticas intervenções consecutivas da sua guarda-redes, Elvira Todua, primeiro a defender um remate em arco de Adriana e, depois, a defender também as recargas de Alexia Putellas e Boquete.

À passagem da meia-hora, contudo, as jogadoras russas pareceram despertar e, depois de Elena Morozova errar o alvo por pouco num desvio já dentro da grande área espanhola, Elena Terekhova restabeleceu mesmo a igualdade aos 43 minutos, ao concluir da melhor forma uma bonita jogada de contra-ataque.

O intervalo surgiu com as equipas empatadas e, logo no arranque do segundo tempo, a Rússia ficou muito perto de dar a volta ao marcador, mas Ainhoa Tirapu, com uma excelente defesa, negou o golo a Morozova. A Espanha não tardou a responder e ficou, também ela, muito perto de marcar num espectacular remate de Boquete à trave. Logo depois, foi Vicky Losada a errar o alvo por muito pouco, antes de Adriana, com um remate cruzado, acertar na parte de fora do poste da baliza da Rússia

A Rússia pressionou nos minutos finais, em busca do golo que lhe garantiria de imediato o apuramento, mas o 1-1 manteve-se até ao apito final. A Espanha vai, assim, enfrentar a Noruega nos quartos-de-final, enquanto a Rússia fica à espera que a sorte lhe permita seguir para a fase seguinte da prova.

Topo