O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Vencedoras da tripla de troféus Women's Champions League, EURO e Mundial

Doze jogadoras ganharam a principal prova de clubes e de selecções europeia no mesmo ano. Agora, cinco jogadoras de Espanha e Barcelona alcançaram um feito inédito no Mundial Feminino.

Mariona Caldentey fez história após conquistar no mesmo ano a Women's Champions League, com o Barcelona, e o Mundial Feminino, com a Espanha
Mariona Caldentey fez história após conquistar no mesmo ano a Women's Champions League, com o Barcelona, e o Mundial Feminino, com a Espanha FIFA via Getty Images

A Taça UEFA Feminina disputou-se pela primeira vez em 2001/02, e volvidos quase 25 anos, apenas 17 jogadoras ganharam o principal título do futebol feminino de clubes europeu e o Women's EURO ou o Campeonato do Mundo Feminino no mesmo ano.

Até agora, apenas jogadoras alemãs tinham conseguido uma dobradinha: cinco em 2005 e 2009 e duas em 2013. O Lyon conquistou a UEFA Women's Champions League em 2017 e 2022, mas em nenhuma das ocasiões jogadoras que participaram na fase final fizeram o mesmo no jogo decisivo do Women's EURO.

No total, menos de 40 jogadoras conquistaram os dois títulos, sendo a mais recente Keira Walsh, que ajudou a Inglaterra a vencer o EURO 2022 antes de conquistar pela primeira vez a Champions League ao serviço do Barcelona em 2022/3.

Walsh, tal como Lucy Bronze, falhou a dobradinha por pouco no Mundial Feminino de 2023, perdendo para Irene Paredes, Aitana Bonmatí, Alexia Putellas, Mariona Caldentey e Salma Paralluelo, colegas no Barcelona, a final frente à Espanha, que assim fez história. Da selecção espanhola que triunfou por 1-0 em Sydney também fizeram parte Cata Coll e Laia Codina, suplentes não-utilizadas há menos de três meses quando o Barcelona bateu o Wolfsburgo por 3-2 em Eindhoven.

Para serem consideradas vencedoras da dobradinha as jogadoras têm de disputar e vencer ambas as finais no mesmo ano civil.

Vencedoras da dobradinha Taça UEFA Feminina/UEFA Women's Champions League-UEFA Women's EURO

2005: Turbine Potsdam e Alemanha
Britta Carlson
Ariana Hingst
Anja Mittag
Conny Pohlers
Petra Wimbersky

Linda Bresonik, Inka Grings e Simone Laudehr festejam o triunfo da Alemanha no  Women's EURO  em 2009
Linda Bresonik, Inka Grings e Simone Laudehr festejam o triunfo da Alemanha no Women's EURO em 2009Bongarts/Getty Images

2009: Duisburgo e Alemanha
Fatmire Alushi
Linda Bresonik
Inka Grings
Annike Krahn
Simone Laudehr

2013: Wolfsburgo e Alemanha
Lena Goessling
Nadine Kessler

Vencedoras da dobradinha Taça UEFA Feminina/UEFA Women's Champions League-Campeonato do Mundo Feminino

2023: Barcelona e Espanha

Aitana Bonmatí
Mariona Caldentey
Salma Paralluelo
Irene Paredes
Alexia Putellas

Todas as jogadoras que participaram e venceram a Taça UEFA Feminina/UEFA Women's Champions League e o UEFA Women's EURO

Fatmire Alushi (Duisburgo 2009, Turbine Potsdam 2010 e Alemanha 2009)
Nadine Angerer (Potsdam 2005 e Alemanha 2009, 2013)
Saskia Bartusiak (Frankfurt 2006, 2008 e Alemanha 2009, 2013)
Linda Bresonik (Duisburgo 2009 e Alemanha 2009)
Lucy Bronze (Lyon 2018, 2019, 2020, Barcelona 2023 e Inglaterra 2022)
Britta Carlson (Turbine Potsdam 2005 e Alemanha 2005)
Kerstin Garefrekes (Frankfurt 2006, 2008, 2015 e Alemanha 2005, 2009)
Lena Goessling (Wolfsburgo 2013, 2014 e Alemanha 2013)
Inka Grings (Duisburgo 2009 e Alemanha 2005, 2009)
Sarah Günther (Frankfurt 2008 e Alemanha 2005)
Ariane Hingst (Turbine Potsdam 2005 e Alemanha 1997, 2001, 2005)
Steffi Jones (Frankfurt 2002, 2006 e Alemanha 1997, 2001, 2005)
Nadine Kessler (Turbine Potsdam 2010, Wolfsburg 2013, 2014 e Alemanha 2013)
Annike Krahn (Duisburgo 2009 e Alemanha 2009, 2013)
Simone Laudehr (Duisburgo 2009, Frankfurt 2015 e Alemanha 2009, 2013)
Renate Lingor (Frankfurt 2002, 2006 e Alemanha 2001, 2005)
Dzsenifer Marozsán (Frankfurt 2015, Lyon 2017, 2018, 2019, 2020 e Alemanha 2013)
Lieke Martens (Barcelona 2021 e Países Baixos 2017)
Sandra Minnert (Frankfurt 2002 e Alemanha 1997, 2005)
Anja Mittag (Turbine Potsdam 2005, 2010 e Alemanha 2005, 2013)
Jutta Nardenbach (Frankfurt 2002 e (West) Alemanha 1989, 1991)
Babett Peter (Turbine Potsdam 2010 e Alemanha 2009)
Conny Pohlers (Turbine Potsdam 2005, Frankfurt 2008, Wolfsburg 2013 e Alemanha 2005)
Birgit Prinz (Frankfurt 2002, 2006, 2008 e Alemanha 1995, 1997, 2001, 2005, 2009)
Silke Rottenberg (Frankfurt 2008 e Alemanha 1997, 2001, 2005)
Célia Šašić (Frankfurt 2015 e Alemanha 2009, 2013)
Bianca Schmidt (Turbine Potsdam 2010, Frankfurt 2015 e Alemanha 2013)
Sandra Smisek (Frankfurt 2006, 2008 e Alemanha 1997, 2001, 2005)
Shanice van de Sanden (Lyon 2018, 2019, 2020 e Países Baixos 2017)
Keira Walsh (Barcelona 2023 e Inglaterra 2022)
Petra Wimbersky (Turbine Potsdam 2005, Frankfurt 2008 e Alemanha 2005)
Pia Wunderlich (Frankfurt 2002 e Alemanha 1997, 2001)
Tina Wunderlich (Frankfurt 2002, 2006, 2008 e Alemanha 1995)

Nota: A Taça UEFA Feminina passou a ser designada UEFA Women's Champions League em 2009/10