Women's EURO 2021 começa em Old Trafford

Old Trafford foi confirmado como palco do jogo de abertura, quando faltam 500 dias para o arranque da fase final em Inglaterra.

UEFA.com upload
UEFA.com upload

O estádio do Manchester United, Old Trafford, foi anunciado como palco do jogo de abertura do UEFA Women's EURO 2021 em Inglaterra, quando faltam 500 dias para o pontapé de saída, a 7 de Julho desse ano.

O estádio, com capacidade para 74.000 pessoas, faz parte dos nove recintos a serem utilizados no torneio de 16 equipas e que terá 31 jogos, e cuja final está marcada para 1 de Agosto de 2021, em Wembley, o mesmo local onde terminará neste Verão a equivalente prova masculina, o UEFA EURO 2020. A anfitriã Inglaterra participará na partida inicial e também jogará na fase de grupos em Brighton & Hove e em Southampton; haverá igualmente jogos em Milton Keynes, Brentford, Sheffield United, Rotherham, Wigan & Leigh e no Academy Stadium do Manchester City.

Phil Neville sobre o Women's EURO, Old Trafford
Phil Neville sobre o Women's EURO, Old Trafford

"Ter o primeiro jogo de um Campeonato da Europa no nosso próprio país num dos mais históricos e emblemáticos campos da Premier League, acho que é uma enorme declaração de intenções por parte da FA quanto ao modo como está a ser organizado o torneio", afirmou ao UEFA.com o treinador de Inglaterra, Phil Neville.

"Jogar em Wembley é o que sonham as minhas jogadoras; jogar num Wembley Stadium lotado, num Old Trafford e em Southampton lotados, é o que elas sempre sonharam."

Mais de 700.000 bilhetes estarão disponíveis para a fase final, sendo que os recordes da competição de 247.841, relativo ao torneio (Holanda 2017), e de 41.301 numa única partida (final de 2013 em Solna), deverão ser batidos.

Nadine Kessler sobre o UEFA Women's EURO 2021
Nadine Kessler sobre o UEFA Women's EURO 2021

"É exactamente o que pretendemos, é um enorme sinal começarmos em Old Trafford e terminamos em Wembley", disse Nadine Kessler, responsável pelo futebol feminino na UEFA.

"Estabelecemos uma excelente base não apenas para realizar um grande evento internacional, mas também para usar o EURO Feminino, mais do que nunca, para deixar um legado que é pan-europeu, não apenas em Inglaterra, mas nos nossos membros, de modo a espalhar a grandeza do futebol feminino e conseguir atrair mais raparigas para a modalidade na Europa."