O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

O ano no futebol feminino

O próximo ano será decerto marcante no futebol feminino europeu, mas 2008 proporcionou também vários momentos inesquecíveis, como o apuramento para o UEFA WOMEN'S EURO 2009™ e o recorde do Frankfurt.

As holandesas comemoram o apuramento para a fase final do Europeu de 2009
As holandesas comemoram o apuramento para a fase final do Europeu de 2009 ©KNVB

O próximo será certamente marcante para o futebol feminino europeu, mas 2008 também proporcionou vários momentos inesquecíveis.

Emoção na corrida ao EURO
A fase final do UEFA WOMEN'S EURO 2009™ vai ser disputada entre 23 de Agosto e 10 de Setembro, na Finlândia, que conta ter uma média superior a dez mil espectadores nos estádios, na primeira edição a ser disputada por 12 países. Os organizadores esperam, pelo menos, tanta animação como a que se verificou na fase de qualificação. A Alemanha, a detentora do título, e a Suécia, venceram todos os jogos e foram as únicas selecções a assegurar o apuramento antes da última jornada. Os outros quatro grupos ficaram com a decisão adiada para uma ronda em que os segundos classificados receberam os líderes. Em dois casos as equipas da casa conseguiram levar a melhor, com a França a bater a Islândia, por 2-1, e a Dinamarca a superiorizar-se à Ucrânia, por 1-0, enquanto a Inglaterra esteve a perder por 2-0 em Espanha, mas conseguiu o empate que precisava, e a Noruega impôs um nulo à Rússia.

"Play-offs"
Naquele momento, a Itália era o único dos oito finalistas de 2005 que ainda não tinha garantido a qualificação, mas as italianas carimbaram o passaporte no "play-off", ao baterem a República Checa com um resultado total de 3-1. Islândia, Ucrânia e Holanda garantiram a primeira presença na fase final de um Europeu ao baterem a República da Irlanda, Eslovénia e Espanha, respectivamente, enquanto a Rússia repetiu a proeza de 2001, mas só afastou a Escócia por ter marcado mais golos fora de casa. O sorteio da fase final foi realizado em Helsínquia, a 18 de Novembro, clique aqui para consultar o calendário completo.

Bronze para a Alemanha
Antes do final da fase de qualificação, Alemanha, Suécia e Noruega, representaram a Europa nos Jogos Olímpicos de Pequim. Suécia e Noruega caíram nos quartos-de-final, enquanto a Alemanha foi batida pelo Brasil na ronda seguinte. As alemãs garantiram a medalha de bronze ao baterem o Japão por 2-0, enquanto os Estados Unidos derrotaram o Brasil na luta pelo ouro. A Alemanha vai tentar conquistar o terceiro título mundial consecutivo frente aos seus adeptos, pois recebeu a organização do Campeonato do Mundo de 2011.

Escalões jovens
Em Maio, a Alemanha conquistou em Nyon a primeira edição do Campeonato da Europa Feminino de Sub-17 mas, dois meses depois, não conseguiu renovar o título de Sub-19, com a Itália a bater a Noruega na final disputada em França. A Nova Zelândia acolheu a primeira edição do Campeonato do Mundo Feminino de Sub-17. A Coreia do Norte conquistou o título e a Alemanha bateu a Inglaterra, por 3-0, na discussão do terceiro lugar. As norte-coreanas quase repetiam a proeza no Mundial de Sub-20, que foi organizado pelo Chile, mas foram batidas na final pelos Estados Unidos, com a Alemanha a derrotar a França no encontro de atribuição da medalha bronze.

Women's Champions League
Nas provas de clubes, foi anunciado em Dezembro que a Taça UEFA Feminina vai ser substituída pela Women's Champions League a partir da época de 2009/10. A nova prova terá mais participantes, mais eliminatórias e a final será decidida num único jogo, a disputar na véspera, e na mesma cidade, da UEFA Champions League. A Taça UEFA Feminina de 2007/08 também proporcionou grandes momentos, com o 1. FFC Frankfurt e o Umeå IK a chegarem à final depois de eliminarem o ASD CF Bardolino Verona e o Olympique Lyonnais nas meias-finais.

Enchente em Frankfurt
Ambos os finalistas lutavam pela honra de se tornarem na primeira equipa a conquistar por três vezes o troféu. Na Suécia, a brasileira Marta colocou o Umeå em vantagem nos segundos iniciais do encontro da primeira mão, mas o Frankfurt conseguiu regressar a casa com um empate a um golo. Duas semanas mais tarde, 27.640 espectadores bateram um novo recorde de assistência na prova e vibraram com o triunfo das alemãs por 3-2. Na edição de 2008/09, o Frankfurt foi eliminado pelas rivais do FCR Duisburg nos quartos-de-final. As representantes alemãs vão medir forças com o Lyon na próxima Primavera enquanto, na outra meia-final, as estreantes russas do Zvezda-2005 vão ter de defrontar o Umeå.