Pedersen apura Dinamarca

Dinamarca 1-0 Ucrânia
O décimo golo de Merete Pedersen na fase de qualificação deu a vitória à Dinamarca no encontro que decidiu o primeiro lugar do Grupo 5.

O golo de Merete Pedersen garantiu a presença da Dinamarca no Europeu da Finlândia
O golo de Merete Pedersen garantiu a presença da Dinamarca no Europeu da Finlândia ©Getty Images

O décimo golo de Merete Pedersen na fase de qualificação para o UEFA WOMEN'S EURO 2009™ deu a vitória à Dinamarca sobre a Ucrânia no encontro que decidiu o primeiro lugar do Grupo 5, onde Portugal ficou no quinto lugar, garantindo a presença das nórdicas no Europeu do próximo ano.

Vitória fundamental
Depois de ter perdido na Ucrânia, por 1-0, em Junho, a Dinamarca era obrigada a ganhar o encontro de Viborg para ultrapassar as rivais na luta pelo primeiro lugar do Grupo 5 e evitar os "play-offs" do próximo mês. Pedersen marcou o único golo do encontro aos 63 minutos, com um golpe de cabeça, e levou ao delírio os 9.155 espectadores presentes no estádio. Com o triunfo no grupo, a Dinamarca vai entrar no sorteio da fase final do Europeu, que vai decorrer no dia 18 de Novembro, em Helsínquia, enquanto a Ucrânia terá de ultrapassar um "play-off" a duas mãos, que será disputado a 25/26 e 29/30 de Outubro, ficando a conhecer o seu adversário na segunda-feira.

Baranova defende
A Dinamarca, que chegou aos quartos-de-final de todos os Europeus, com excepção da edição de 1987, entrou muito bem no jogo, mas sem conseguir criar oportunidades claras. A Ucrânia, que lutava por marcar presença pela primeira vez numa grande competição no sector feminino, tinha menos posse de bola, mas foi a primeira a criar perigo, através de Darina Apanaschenko, que marcou o golo no embate entre as duas selecções em Junho. Cathrine Paaske Sørensen e Camilla Sand estiveram perto de facturar para a equipa da casa, mas a guarda-redes Nadezhda Baranova mostrou estar num grande momento de forma.

Tento decisivo
Na segunda parte, foi a vez de a Dinamarca ver a sua guarda-redes ser decisiva, com Heidi Johansen a negar o golo de Apanaschenko com uma excelente defesa. Gradualmente, as escandinavas começaram a tomar conta do jogo e, num período de intensa pressão durante o qual Pedersen e Olsen remataram à trave, a formação da casa ganhou vantagem. Johanna Rasmussen cruzou da esquerda e Pedersen cabeceou para golo. "Sonhava com isto desde o jogo na Ucrânia e foi espectacular poder decidir o encontro com este apoio fantástico do público", explicou a autora do tento. O Europeu feminino começa a 23 de Agosto e tem a final agendada para 10 de Setembro de 2009.