Apuramento histórico para o Ouriense

Portugal vai ter pela primeira vez uma equipa na fase a eliminar, após o Ouriense ter ganho o seu grupo de qualificação, enquanto Raheny e Medyk Konin também seguem em frente.

Milena Nikolić (à esquerda) fixou um novo recorde de golos na competição pelo Spartak
©Bojan Arsić/ŽFK Spartak

Portugal vai ter pela primeira vez uma equipa na fase a eliminar da UEFA Women's Champions League, isto depois do Clube Atlético Ouriense, actual campeão e vencedor da Taça de Portugal, ter garantido o primeiro lugar no respectivo grupo de qualificação, ao fim de apenas dois jogos. Feito idêntico foi também assegurado pelas irlandesas do Raheny United FC e pelas polacas KKPK Medyk Konin, que irão estar também pela primeira vez na sua história na fase seguinte da prova.

Os grupos concluem-se esta quinta-feira, com todo os jogos agendados para as 16h00 (de Portugal Continental). Os vencedores dos oito grupos, mais os dois segundos classificados com melhor registo frente ao primeiro e terceiro do respectivo grupo, juntam-se às 22 equipas automaticamente apuradas para o sorteio dos 16 avos-de-final e oitavos-de-final, agendado para 22 de Agosto.

A jogar em casa, o Clube Atlético Ouriense selou o apuramento para a fase seguinte graças ao triunfo por 2-1 sobre o ASA Tel-Aviv University SC. O equilíbrio revelou-se a nota dominante da partida que colocou frente-a-frente as duas equipas que tinham vencido os respectivos encontros da primeira jornada do Grupo 8, no sábado. No entanto, a expulsão de Arava Shahaf aos 51 minutos, por acumulação de cartões amarelos, facilitou a tarefa das portuguesas, que viram a missão ainda mais simplificada com nova expulsão do lado das adversárias, com Moran Levi, desta feita, a ver o cartão vermelho 15 minutos mais tarde.

Mariana Coelho saltou então do banco de suplentes para fazer o 1-0 três minutos depois e, apesar de Danielle Leige Paz ainda ter restabelecido a igualdade à passagem do minuto 79, na recarga a um livre cobrado por Sarit Shenar, o Ouriense acabou mesmo por fazer valer a superioridade numérica. À entrada do tempo de compensação, Pisco rematou de fora da área e bateu a guarda-redes contrária, Hanit Schwarz.

O triunfo do Ouriense chegou para garantir desde logo a qualificação, uma vez que o R. Standard de Liège, derrotado pela equipa lusitana há dois dias, bateu o Cardiff Met LFC por 10-0, num jogo em que Aline Zeller assinou cinco golos. O conjunto da Bélgica dominou o desafio graças ao seu futebol de passes longos para as costas da defesa do Cardiff Met e à técnica apurada de Tessa Wullaert.

Resultados e classificações
Grupo 1

Grupo 2

Grupo 3

Grupo 4

Grupo 5

Grupo 6

Grupo 7

Grupo 8

Topo