O "site" oficial do futebol europeu

Empate apura Portugal e Suécia

Publicado: Quarta-feira, 24 de Junho de 2015, 22.59CET
Portugal 1-1 Suécia
Simon Tibbling anulou a vantagem dada pelo golo de Gonçalo Paciência e a igualdade apurou as duas equipas para as meias-finais.
por Nuno Tavares
de City Stadium

rate galleryrate photo
1/0
counter
  • loading...

Estatísticas dos jogos

PortugalSuécia

Golos marcados1
 
1
Total de tentativas15
 
9
Remates à baliza5
 
5
Remates para fora5
 
4
Remates defendidos5
 
0
nos postes0
 
0
Cantos6
 
1
Foras-de-jogo2
 
4
Cartões amarelos1
 
1
Cartões Vermelhos0
 
0
Faltas cometidas10
 
13
Faltas sofridas13
 
9

Classificação

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Última actualização: 30/11/2017 15:07 CET
Publicado: Quarta-feira, 24 de Junho de 2015, 22.59CET

Empate apura Portugal e Suécia

Portugal 1-1 Suécia
Simon Tibbling anulou a vantagem dada pelo golo de Gonçalo Paciência e a igualdade apurou as duas equipas para as meias-finais.

Portugal e Suécia empatam 1-1 em Uherske Hradiste e apuram-se para as meias-finais
Gonçalo Paciência adianta Portugal aos 82 minutos, Simon Tibbling empata sete minutos depois
Equipa portuguesa atinge as meias-finais pela primeira vez desde 2004 e a Suécia desde 2009
Defesas-centrais Tiago Ilori (Portugal) e Joseph Baffo (Suécia) saem lesionados
Nas meias-finais de sábado, Portugal mede forças com a Alemanha (17h00), enquanto a Suécia defronta a Dinamarca (19h45)

Um empate 1-1 em Uherske Hradiste foi suficiente para Portugal e Suécia garantirem o apuramento para as meias-finais do Campeonato da Europa de Sub-21 de 2015 como primeiro e segundo classificados do Grupo B, respectivamente, bem como confirmarem a presença nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

Portugal entrou melhor na partida, de forma personalizada e a trocar bem a bola, com o arranque inspirado a resultar numa excelente oportunidade para inaugurar o marcador logo aos sete minutos. William Carvalho penetrou na área sueca e tabelou bem com Ivan Cavaleiro, isolando-se perante Patrik Carlgren. No entanto, o guardião levou a melhor e manteve o nulo no marcador.

O cenário não se alterava e Sérgio Oliveira voltou a ficar perto do 1-0 para Portugal aos 14 minutos, quando recebeu a bola de Cavaleiro e rematou forte de pé esquerdo, levando o esférico a passar muito perto da barra sueca. Mais dois minutos e era a vez de Ricardo imitar o seu colega de equipa e errar, também ele, o alvo por escassos centímetros. A equipa de Rui Jorge sofreu, porém, um percalço mesmo em cima da meia-hora de jogo, altura em que Tiago Ilori saiu lesionado e foi substituído por Tobias Figueiredo.

Esse momento coincidiu com uma ligeira subida de rendimento dos suecos, que começaram a equilibrar o encontro, fruto também de alguns passes falhados por parte do meio-campo português. Contudo, José Sá apenas foi chamado a intervir uma vez na primeira parte, quando Abdullah Khalili rematou rasteiro e de fora da área, mas sem grande perigo.

Sérgio Oliveira abriu as hostilidades na etapa complementar com um remate por cima e Portugal parecia apostado em repetir o domínio exercido nos primeiros 45 minutos, mas a Suécia tinha outras ideias e quase chegou ao golo quando um bom cruzamento de John Guidetti na direita a proporcionar um cabeceamento muito perigoso ao segundo poste de Isaac Kiese Thelin.

Contudo, o equilíbrio foi a nota dominante a partir desse lance, com as duas equipas a controlarem-se mutuamente e optando por não correr grandes riscos, já que o desfecho garantia o tão desejado apuramento para as meias-finais e para os Jogos Olímpicos.

No entanto, a oito minutos do fim, Gonçalo Paciência, entrado no decorrer da segunda parte, recebeu a bola na meia-lua da grande área de Iuri Medeiros, igualmente suplente neste encontro, tirou do caminho Alexander Milošević e rematou rasteiro com êxito. O desaire e a vitória de Itália sobre Inglaterra deixavam então de fora a Suécia, que também perdeu o central Joseph Baffo por lesão. Os nórdicos arriscaram tudo e coube também a um jogador que iniciou a partida no banco, Simon Tibbling, espoletar os festejos da equipa ao marcar a um minuto dos 90.

Última actualização: 25-06-15 0.05CET

http://pt.uefa.com/under21/season=2015/matches/round=2000408/match=2015379/postmatch/report/index.html#portugal+meias+finais