O "site" oficial do futebol europeu

Retrospectiva do Itália - Portugal

Publicado: Sábado, 20 de Junho de 2015, 14.08CET
Três dias após ter defrontado a Suécia, vítima na final de 1992, a Itália enfrenta Portugal, derrotado rumo à revalidação do título em 1994, a precisar de vencer no Grupo B.
Retrospectiva do Itália - Portugal
Rui Jorge defrontou três vezes a Itália, como jogador, pelos Sub-21 de Portugal ©FPF/Diogo Pinto

Estatísticas da prova

ItáliaPortugal

Golos marcados4
 
7
Total de tentativas37
 
82
Remates à baliza12
 
21
Remates para fora20
 
39
Remates defendidos5
 
22
nos postes1
 
3
Cantos16
 
30
Foras-de-jogo8
 
13
Cartões amarelos7
 
5
Cartões Vermelhos1
 
0
Faltas cometidas47
 
52
Faltas sofridas43
 
85
Publicado: Sábado, 20 de Junho de 2015, 14.08CET

Retrospectiva do Itália - Portugal

Três dias após ter defrontado a Suécia, vítima na final de 1992, a Itália enfrenta Portugal, derrotado rumo à revalidação do título em 1994, a precisar de vencer no Grupo B.

Três dias após ter defrontado a Suécia, primeira vítima na final do Campeonato da Europa de Sub-21 de 1992, a Itália enfrenta Portugal, selecção que bateu quando revalidou a conquista do troféu, dois anos depois, no segundo jogo do Grupo B.

• A Itália iniciou a sua campanha no Grupo B com uma derrota por 2-1 frente à Suécia, na quinta-feira. Está a três pontos do adversário deste domingo, após João Mário ter marcado o único golo, aos 57 minutos, com que Portugal derrotou a Inglaterra no mesmo dia.

• Os quatro semifinalistas na República Checa qualificam-se para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro em 2016. No entanto, caso um deles seja a Inglaterra, haverá um "play-off" entre os dois terceiros classificados a 28 de Junho para ocupar o lugar dos ingleses.

Confrontos anteriores
• Este será o 13º confronto entre ambos na competição, o mais importante dos quais aconteceu em 1994, quando a Itália defrontou Portugal na primeira final num só jogo.

• A Itália era detentora do troféu depois de ganhar à Suécia dois anos antes e, numa final repleta de futuras estrelas, derrotou Portugal por 1-0 em Montpellier graças a um golo do suplente Pierluigi Orlandini marcado no prolongamento.

• As equipas no Stade de la Mosson a 20 de Abril de 1994 foram as seguintes:
Itália
: Toldo; Cannavaro, Colonnese, Panucci, Berretta, Cherubini, Filippo Inzaghi (Orlandini 84), Marcolin, Scarchilli, Carbibem, Muzzi.
Portugal
: Brassard; Nélson, Rui Bento, Jorge Costa, Paulo Torres, Abel Xavier, Figo, João Pinto, Toni (Sá Pinto 79), Rui Costa, Capucho.

• Fernando Brassard, guardião derrotado nessa partida, é o treinador de guarda-redes da selecção portuguesa de Sub-21.

• As duas formações tinham-se defrontado também na qualificação e num desses encontros, em Pádua, a 18 de Novembro de 1993, a Itália ganhou por 2-1 e Rui Jorge foi expulso.

• O actual seleccionador Sub-21 de Portugal participou igualmente em ambas as mãos dos quartos-de-final de 1996 entre os dois países, quando o conjunto lusitano venceu por 1-0 em Lisboa e perdeu por 2-0 em Palermo.

• O mais recente desafio entre ambas as selecções a este nível aconteceu no jogo de atribuição do quinto lugar de 2007, num encontro para decidir a qualificação para os Jogos Olímpicos. Após empate 0-0 em Nijmegen, a Itália de Pierluigi Casiraghi ganhou por 4-3 no desempate por grandes penalidades e apurou-se para Pequim, na China, onde chegou aos quartos-de-final.

• Com o ponta-de-lança italiano Giuseppe Rossi a ver o segundo cartão amarelo aos 74 minutos, as conversões bem-sucedidas de Graziano Pellè, Riccardo Montolivo, Domenico Criscito e Raffaele Palladino deram o triunfo à Itália. João Moutinho, Nani e Miguel Veloso marcaram por Portugal, mas Manuel Fernandes e Vitorino Antunes falharam.

• As equipas no Gofferstadion a 21 de Junho de 2007 foram:
Portugal: Ribeiro; João Pereira (Djaló 106), Manuel Da Costa (Rolando 85), Antunes, Semedo, Miguel Veloso, Manuel Fernandes, João Moutinho, Nani, Silvestre Varela, Ricardo Vaz Tê (Moreira 70).
Itália: Viviano; Andreolli, Chiellini, Criscito, Nocerino, Motta, Montolivo, Aquilani, Rosina (Palladino 61), Rossi, Pazzini (Pellè 55). 

• Nos outros encontros na fase final, a Itália bateu Portugal por 3-1 nas meias-finais de 2004, em Bochum, a caminho da conquista do quinto título. Dois anos antes, em Basileia, houve igualdade 1-1 no jogo de abertura de ambos os países na fase de grupos; os "azzurrini" seguiram em frente.

• Dos 12 confrontos oficiais, a Itália ganhou sete e Portugal três, tendo havido dois empates. O registo de golos da Itália é de 21-9 e inclui a vitória de 6-0, em Piacenza, em Dezembro de 1987, resultado que continua a ser a maior derrota de Portugal num jogo oficial de Sub-21.

• Contando com partidas amigáveis, a Itália bateu Portugal em nove de 15 ocasiões, tendo perdido três desafios e empatado outros tantos. A Itália marcou 26 golos e Portugal apenas 11.

Retrospectiva
• O registo recorde de cinco títulos da Itália foi conseguido em 1992, 1994, 1996, 2000 e 2004.

• Os italianos foram também finalistas vencidos em 1986 e 2013, tendo chegado às meias-finais em 1984, 2002 e 2009. Não passaram da fase de grupos em 2006 e 2007.

• O melhor desempenho de Portugal aconteceu quando chegou à final em 1994. Terminou no terceiro lugar em 2004 e foi eliminado na fase de grupos em 2002, 2006 e 2007, na última vez que participou na fase final.

• Os seleccionadores Luigi di Biagio e Rui Jorge defrontaram-se na terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League de 2002/03. O Sporting de Rui Jorge empatou a zero em casa antes de perder fora por 2-0 frente ao Inter; Di Biagio apontou um dos golos.

Perfis dos seleccionadores
Itália: Luigi Di Biagio
Data de nascimento: 03/06/71
Di Biagio foi promovido do cargo de seleccionador Sub-20 em Junho de 2013 e substituiu Devis Mangia. Antigo médio da Roma e do Inter, estava na equipa dos "azzurri" derrotada pelo "golo de ouro" de David Trezeguet marcado pela França na final do UEFA EURO 2000, em Roterdão.

Portugal: Rui Jorge
Data de nascimento: 27/03/73
Rui Jorge sucedeu a Oceano Cruz em Novembro de 2010. Antigo defesa-esquerdo de Porto, Rio Ave, Sporting e Belenenses, fez 45 jogos pela selecção principal de Portugal, um dos quais no UEFA EURO 2004, em solo pátrio, e três no Campeonato do Mundo, dois anos volvidos.

Guia de forma
Itália
Últimos cinco jogos (mais recente em primeiro): DDEVD
Melhor marcador da qualificação: Andrea Belotti (6)

Portugal
Últimos cinco jogos (mais recente em primeiro): VDEDV
Melhor marcador da qualificação: Ricardo Pereira (5)

Últimas da Itália
• O médio italiano Stefano Sturaro foi punido com três jogos de suspensão na sequência da expulsão por ter atingido Filip Helander, da Suécia, na cara na quinta-feira. O jogador da Juventus falou à comunicação social italiana na tarde de sexta-feira: "Pedi desculpa aos meus colegas pela expulsão. Foi um grande erro e eu próprio fiquei surpreendido com o que fiz."

• Apesar de a Itália ser a única participante no EURO Sub-21 sem qualquer internacional sénior no plantel, Sturaro é um de três jogadores com experiência na UEFA Champions League. Os outros são Lorenzo Crisetig (fase de grupos de 2011/12, no jogo entre Inter e CSKA Moskva) e Cristiano Biraghi (fase de grupos de 2010/11, no jogo entre Inter e Twente).

• Os jogadores que não alinharam na derrota inaugural por 2-1 frente à Suécia fizeram treino normal na sexta-feira, enquanto os restantes efectuaram apenas aquecimento ligeiro.

• Francesco Bardi, Matteo Bianchetti e Federico Viviani viram um cartão amarelo na primeira jornada e serão castigados se virem outro frente a Portugal.

Últimas de Portugal
• O plantel reuniu-se para a foto oficial na manhã de sexta-feira, dia seguinte à vitória sobre a Inglaterra e antes de Rúben Neves, jogador mais jovem nesta fase final, falar em conferência de imprensa. O treino que se seguiu foi aberto a jornalistas e adeptos.

• Um desses adeptos foi Daniel, jovem checo portador de deficiência que é grande fã do futebol português e de Cristiano Ronaldo em particular. O rapaz de 18 anos conheceu os seus dois jogadores favoritos desta selecção, Paulo Oliveira e Ricardo, que tiraram fotografias com ele e lhe entregaram uma lembrança.

• Ivan Cavaleiro sofreu um toque na perna direita diante de Inglaterra e falhou o treino de sexta-feira. A equipa médica confirmou que o extremo do Deportivo La Coruña está em dúvida para defrontar a Itália.

• Bernardo Silva pode ter sido eleito Melhor em Campo na quinta-feira, mas William Carvalho também recebeu bastantes elogios nas redes sociais pela sua exibição impressionante – especialmente por parte de adeptos de clubes da Premier League inglesa, desejosos que a sua equipa contrate o médio do Sporting.

• Tiago Ilori teve o apoio do pai Kola, cidadão inglês de descendência nigeriana, em Uherske Hradiste, na quinta-feira, para assistir ao jogo ao lado do filho, Ricardo. Foi uma vitória especial para a família Ilori, tendo em conta que Tiago nasceu em Londres.

• João Mário e Bernardo viram um cartão amarelo na primeira jornada e cumprirão um jogo de suspensão caso vejam outro frente à Itália.

Última actualização: 20-06-15 19.16CET

http://pt.uefa.com/under21/season=2015/matches/round=2000408/match=2015375/prematch/background/index.html#italia+portugal+factos