O "site" oficial do futebol europeu

Suécia dá a volta ao marcador e bate a Itália

Publicado: Quinta-feira, 18 de Junho de 2015, 19.50CET
Itália 1-2 Suécia
Um penalty à beira do fim consumou a reviravolta para a Suécia no Grupo B, com ambas as equipas a terminarem com dez jogadores.
por Kevin Ashby
de Ander Stadium

Estatísticas dos jogos

ItáliaSuécia

Golos marcados1
 
2
Total de tentativas12
 
3
Remates à baliza2
 
2
Remates para fora8
 
1
Remates defendidos2
 
0
nos postes0
 
0
Cantos5
 
2
Foras-de-jogo2
 
2
Cartões amarelos3
 
3
Cartões Vermelhos1
 
1
Faltas cometidas13
 
20
Faltas sofridas19
 
13

Classificação

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Última actualização: 30/11/2017 15:07 CET
Publicado: Quinta-feira, 18 de Junho de 2015, 19.50CET

Suécia dá a volta ao marcador e bate a Itália

Itália 1-2 Suécia
Um penalty à beira do fim consumou a reviravolta para a Suécia no Grupo B, com ambas as equipas a terminarem com dez jogadores.

• John Guidetti faz o empate e Isaac Kiese Theli dá vitoria à Suécia, de grande penalidade, perto do fim
Um penalty convertido por Domenico Berardi coloca a Itália a vencer ao intervalo, neste encontro do Grupo B
O sueco Alexander Milošević é expulso no lance da grande penalidade
• Stefano Sturaro vê o cartão vermelho e deixa a Itália também com menos um, a dez minutos do final, antes do golo do desempate
Próximos jogos: Suécia - Inglaterra, Portugal - Itália (domingo)

Conteúdos relacionados

A Suécia deu a volta ao marcador para começar a sua participação no Campeonato da Europa de Sub-21 da UEFA com uma vitória frente à Itália, em partida do Grupo B.

A segunda parte teve uma carga dramática bem maior do que a primeira, onde, tirando o lance em que o italiano Federico Viviani dispôs de uma ocasião soberana para bater o guardião sueco, Patrik Carigren, foi pouca a acção perto das balizas antes do tento inaugural da Itália, no minuto 29.

Berardi – destacado no programa oficial da prova como um dos jogadores a ter em conta do lado italiano, depois de ter chegado aos 30 golos pelo Sassuolo mais depressa do que Lionel Messi o fez pelo Barcelona (59 jogos comparados com os 71 do argentino) – fez um passe que rasgou a defesa da Suécia para Andrea Belotti, que seria derrubado por Alexander Milošević na altura em que se preparava para rematar.

Milošević viu o cartão vermelho directo e Berardi fez o resto, marcando a respectiva grande penalidade, silenciando também os adeptos vestidos de amarelo que estavam atrás da baliza de Carigren. O seleccionador sueco, Håkan Ericson, não mexeu na equipa no imediato, ordenando a Oscar Lewicki para recuar do meio-campo para jogar ao lado de Filip Helander, situação que possibilitou a Berardi ficar com o espaço necessário para pautar todo o jogo.

A Suécia precisou de 51 minutos para ganhar o primeiro canto, mas chegaria ao golo no segundo - e na primeira ocasião que dispôs - no minuto 56. Abdullah Khalili bateu o canto ao segundo poste, com Stefano Sturaro a falhar o corte e a bola a sobrar para Oscar Lewicki, que, depois de a controlar, assistiu Guidetti para o empate.

A Itália acusou o golo e mostrava-se sem soluções perante uma Suécia a conseguir encurtar os espaços criados após a expulsão de Milošević, apesar de, com o inevitável cansaço, quase sofrer o segundo, quando o recém-entrado Danilo Cataldi, num lance individual, atirou ligeiramente por cima.

Sturaro deixava as duas equipas com dez jogadores, ao ser expulso por atingir Filip Helander na cara e a Suécia dispôs, pouco depois, de uma ocasião perfeita para ganhar o encontro, quando Ishak é derrubado na grande área pelo guardião italiano Francesco Bardi. Isaac Kiese Theli assinou o golo da marca dos 11 metros e, apesar de a Itália ter tentado o tudo por tudo, o empate não chegou.

Última actualização: 18-06-15 22.35CET

http://pt.uefa.com/under21/season=2015/matches/round=2000408/match=2015369/postmatch/report/index.html#suecia+opera+reviravolta

Equipas

Itália

Itália

Suécia

Suécia

1
BardiFrancesco Bardi (GR)
Yellow Card85
1
CarlgrenPatrik Carlgren (GR)
2
SabelliStefano Sabelli
3
MilosevicAleksander Milosevic
Red Card28
5
RuganiDaniele Rugani
4
HelanderFilip Helander
Yellow Card24
7
VivianiFederico Viviani
Yellow Card43
5
AugustinssonLudwig Augustinsson
8
SturaroStefano Sturaro
Red Card80
6
LewickiOscar Lewicki
9
BelottiAndrea Belotti
Substitution78
7
HiljemarkOscar Hiljemark (C)
Yellow Card71
10
BerardiDomenico Berardi
Goal29
8
KhaliliAbdullah Khalili
13
BianchettiMatteo Bianchetti (C)
Yellow Card48
10
GuidettiJohn Guidetti
Goal56
Yellow Card64
Substitution76
16
BaselliDaniele Baselli
Substitution69
11
Kiese ThelinIsaac Kiese Thelin
Goal86
18
BattocchioChristian Battocchio
Substitution61
17
BaffoJoseph Baffo
22
ZappacostaDavide Zappacosta
19
LarssonSam Larsson
Substitution46

suplentes

14
SportielloMarco Sportiello (GR)
12
RinneJacob Rinne (GR)
3
BiraghiCristiano Biraghi
2
LindelöfVictor Lindelöf
Substitution46
4
CrisetigLorenzo Crisetig
9
HrgotaBranimir Hrgota
6
RomagnoliAlessio Romagnoli
13
ZeneliArber Zeneli
11
BernardeschiFederico Bernardeschi
14
IshakMikael Ishak
Substitution76
12
BarbaFederico Barba
15
OlssonKristoffer Olsson
15
BenassiMarco Benassi
16
TibblingSimon Tibbling
17
IzzoArmando Izzo
18
HolménSebastian Holmén
19
TrottaMarcello Trotta
Substitution78
20
QuaisonRobin Quaison
20
LealiNicola Leali (GR)
21
KonatePa Konate
21
CataldiDanilo Cataldi
Substitution69
22
GustafsonSimon Gustafson
23
VerdiSimone Verdi
Substitution61
23
LindeAndreas Linde (GR)

Treinador

Luigi Di Biagio (ITA) Håkan Ericson (SWE)

Árbitro

Tasos Sidiropoulos (GRE)

Árbitros assistentes

Damianos Efthimiadis (GRE), Polychronis Kostaras (GRE)

Quarto árbitro

Jan Paták (CZE)

Árbitros assistentes adicionais

Michael Koukoulakis (GRE), Stavros Tritsonis (GRE)

Legenda:

  • GolosGolos
  • Auto-goloAuto-golo
  • Grandes penalidadesGrandes penalidades
  • Penalties falhadosPenalties falhados
  • reds_cardCartões Vermelhos
  • yellow_cardsCartões amarelos
  • yellow_red_cardsDuplo amarelo
  • SubstituiçãoSubstituição