O "site" oficial do futebol europeu

Portugal diz adeus, Inglaterra na luta

Publicado: Sexta-feira, 3 de Setembro de 2010, 2.45CET
Portugal 0-1 Inglaterra
Daniel Sturridge apontou o único golo do jogo em Barcelos e aproximou os ingleses da Grécia, líder do Grupo 9.
Portugal diz adeus, Inglaterra na luta
Daniel Sturridge (ao centro) festeja o golo de Inglaterra frente a Portugal ©Getty Images

Estatísticas dos jogos

PortugalInglaterra

Golos marcados0
1
Remates à baliza3
 
1
Remates para fora7
 
4
Cantos6
 
4
Faltas cometidas16
 
9
Cartões amarelos2
 
2
Cartões Vermelhos0
 
0

Classificação

Legenda:

J: Jogados   
Pts: Pontos   
Última actualização: 30/11/2017 15:07 CET
Publicado: Sexta-feira, 3 de Setembro de 2010, 2.45CET

Portugal diz adeus, Inglaterra na luta

Portugal 0-1 Inglaterra
Daniel Sturridge apontou o único golo do jogo em Barcelos e aproximou os ingleses da Grécia, líder do Grupo 9.

A Inglaterra derrotou Portugal, por 1-0, em jogo do Grupo 9 de apuramento para o Campeonato da Europa de Sub-21 de 2011, terminando de vez com as aspirações dos comandados de Oceano Cruz, que assim mantiveram o terceiro lugar mas agora a quatro pontos de distância da segunda classificada, Inglaterra, quando falta somente a recepção, na terça-feira, à ARJ da Macedónia.

Conteúdos relacionados

Portugal apresentou-se no Estádio Cidade de Barcelos com a necessidade imperiosa de vencer caso pretendesse estar presente na fase final, mas iniciou o encontro numa toada bastante lenta, algo que apenas Bebé, que se estreou como titular, e Ukra, baseado no flanco esquerdo, tentaram contrariar através de algumas iniciativas em velocidade.

A Inglaterra controlou as tímidas iniciativas portuguesas (excepção feita a um remate de Ukra por cima da trave e a outro de David Simão, defendido com segurança por Frank Fielding) e, fruto de uma maior velocidade dos seus dianteiros e objectividade de processos, colocou a bola por duas vezes no fundo das redes à guarda de Rui Patrício. Aos 25 minutos, Ryan Walker cruzou rasteiro do lado direito para a zona frontal, onde apareceu Daniel Sturridge a empurrar para o fundo da baliza. Contudo, o lance seria anulado por fora-de-jogo do dianteiro. A segunda tentativa seis minutos volvidos já contou, com o avançado do Chelsea FC a bater (novamente) Rui Patrício com um toque em habilidade, depois de uma desmarcação de Tom Cleverley, que recuperara uma bola perdida por André Santos.

Na segunda parte, Oceano mudou a disposição táctica da equipa com o lançamento de Yazalde em campo, que rendeu David Simão. O dianteiro dos quadros do Braga foi posicionar-se como jogador mais avançado, passando Bebé a jogar no seu apoio. O dianteiro do Manchester United FC libertou-se e teve mesmo uma belíssima jogada individual, que apenas não resultou em golo porque Fielding defendeu com dificuldade.

Até final, só aos 89 minutos os portugueses voltaram a importunar o último reduto inglês, com André Pinto a rematar à meia-volta para defesa segura de Fielding, antes de Nathan Delfouneso falhar o 2-0 nos descontos com a baliza à mercê e após ultrapassar o guardião lusitano. A Inglaterra assegurou, pelo menos, o segundo lugar, mas a Grécia pode garantir o primeiro lugar caso empate este sábado com a Macedónia.

Última actualização: 27-03-13 4.42CET

http://pt.uefa.com/under21/season=2011/matches/round=2000006/match=2000221/postmatch/report/index.html#portugal+adeus+inglaterra+luta