EURO Sub-21: todos os convocados

Todos os finalistas apresentaram os seus convocados: veja que jogadores pode ver em acção este Verão.

Dani Ceballos, melhor jogador da edição de 2017, voltou a ser chamado por Espanha
Dani Ceballos, melhor jogador da edição de 2017, voltou a ser chamado por Espanha ©Getty Images

São conhecidas as listas finais de 23 convocados das selecções que vão disputar o Campeonato da Europa de Sub-21 da UEFA. 

TUDO O QUE PRECISA SABER

Clique nas ligações individuais abaixo para ver a lista completa de jogadores de cada país.

GRUPO A

Bélgica

O seleccionador Johan Walem não pode contar com os habituais titulares Zinho Vanheusden e Landry Dimata, vítimas de lesões nos joelhos. No entanto, Dion Cools, que está a recuperar uma fractura num maxilar e já voltou aos treinos, faz parte da lista final. O médio Yari Verschaeren, de 17 anos, que se destacou esta época no Anderlecht, foi chamado pela primeira vez, isto apesar de ter falhado os trabalhos até agora devido aos exames escolares.

Itália

Veja golos clássicos da Itália nos sub-21
Veja golos clássicos da Itália nos sub-21

Luigi Di Biagio convocou vários jogadores já com experiência da selecção sénior: Gianluca Mancini, Alessandro Bastoni, Lorenzo Pellegrini, Federico Chiesa, Moise Kean (que marcou dois golos nas três primeiras internacionalizações) e Nicolò Zaniolo. O guarda-redes Gianluigi Donnarumma, guardião da selecção principal, ficou de fora. Davide Calabria, que é seu colega de equipa no Milan, não conseguiu recuperar a tempo de um problema numa coxa.

Polónia

Sem grandes surpresas. Com Bartosz Kapustka afastado por lesão, haverá ainda maior pressão sobre o capitão Dawid Kownacki, que terminou a época em boa forma a jogar por empréstimo na Bundesliga ao serviço do Fortuna Düsseldorf. Kownacki, da Sampdoria, é um dos quatro jogadores com contrato com clubes italianos, juntamente com Bartłomiej Drągowski, Szymon Żurkowski (ambos na Fiorentina) e Filip Jagiełło (Génova). 

Espanha

Dani Ceballos, melhor jogador na edição de 2017 e já com seis internacionalizações pela selecção principal, voltou a ser chamado, tal como o colega do Real Madrid, Jesús Vallejo, e Borja Mayoral, que na época de 2018/19 jogou no Levante por empréstimo do clube da capital. Na lista estão Mikel Oyarzabal e Pablo Fornals, que também já alinharam pela selecção sénior, mas Carles Aleñá e Marc Cucurella ficaram de fora. 

GRUPO B

Áustria

Guia das cidades anfitriãs do EURO de Sub-21
Guia das cidades anfitriãs do EURO de Sub-21

Kevin Danso (Augsburg), Philipp Lienhart (Freiburg, ex-Real Madrid), Stefan Posch (Hoffenheim), Xaver Schlager (Salzburgo) e Hannes Wolf (Salzburgo) foram convocados, apesar de já todos terem jogado pela selecção principal. Valentino Lázaro (Hertha Berlim) Konrad Laimer (Leipzig) e Maximilian Wöber (Sevilha) foram preteridos.

Dinamarca

O defesa-central da Sampdoria Joachim Andersen, que está a ser muito cobiçado, foi convocado, apesar de não estar nas melhores condições físicas e de ir falhar o último jogo de preparação frente à Croácia. Victor Nelsson e Robert Skov regressam aos sub-21 depois de terem jogado pelos seniores frente à República da Irlanda e à Geórgia na Qualificação Europeia. 

Alemanha

Levin Öztunali, Mahmoud Dahoud, Waldemar Anton e Nadiem Amiri continuam na equipa depois de já terem conquistou o título pela Alemanha na Polónia em 2017. Na lista estão também Alexander Nübel - que é apontado por alguns como o próximo Manuel Neuer - o internacional sénior Jonathan Tah e os irmãos Maximilian e Johannes Eggestein. Mas Cedric Teuchert, que apontou sete golos na qualificação, não foi chamado.

Sérvia

Veja golos clássicos da Sérvia nos sub-21
Veja golos clássicos da Sérvia nos sub-21

Luka Jović, que foi recentemente contratado pelo Real Madrid e foi o segundo melhor marcador da UEFA Europa League desta época pelo Eintracht Frankfurt, e Andrija Živković, do Benfica, são os nomes mais sonantes da selecção da Sérvia. O avançado Marko Grujić, que já representou a selecção principal, ficou de fora, enquanto Nemanja Cálasan, Dušan Vlahović, Filip Stuparevic, Petar Mićin, Nemanja Mihajlović e Luka Ilic também não figuram na lista. 

GRUPO C

Croácia

Nikola Vlašić (CSKA Moscovo), Alen Halilović (Standard Liège) e Josip Brekalo (Wolfsburgo) são talvez os nomes mais sonantes entre os eleitos. Ante Ćorić, da Roma, não foi chamado, já que fez apenas dois jogos como suplente na Serie A durante toda a época. Duje Ćaleta-Car não faz parte da lista uma vez que o seu clube, o Marselha, quer contar com ele para os trabalhos da pré-época no início de Julho.

Inglaterra

Angus Gunn (Southampton), Tammy Abraham (Chelsea) e Demarai Gray (Leicester) são os resistentes da equipa que há dois anos atingiu as meias-finais na Polónia. Phil Foden, do Manchester City, deverá impressionar no meio-campo, enquanto Aidy Boothroyd decidiu chamar pela primeira vez outro jovem de 19 anos, Morgan Gibbs-White, médio dos Wolves.

França

Veja golos clássicos da França nos sub-21
Veja golos clássicos da França nos sub-21

A grande novidade é a ausência do capitão Abdou Diallo. o defesa do Dortmund vai ter de ser operado. No entanto, como sinal da qualidade dos jogadores ao dispor do seleccionador, Mouctar Diakhaby (Valência), Allan Saint-Maximin (Nice) e Maxime Lopez (Marselha) estão ainda na lista de espera, enquanto Jean-Kevin Augustin já sabe que vai ficar de fora. O filho de Lilian Thuram, Marcus, foi chamado à última hora para substituir Martin Terrier, que está doente. 

Roménia

O médio Răzvan Marin, que brevemente vai passar a representar o Ajax, é a ausência mais notada, vai alinhar pela selecção sénior na Qualificação Europeia antes de se mudar para Amesterdão. Todos os 23 convocados participaram na qualificação. "Não fazia sentido chamar jogadores que não estão habituados a trabalhar com este grupo e que não conhecem os meus métodos”, explicou o seleccionador Mirel Rădoi.

Topo