Factos e estatísticas: Inglaterra - Alemanha

Inglaterra e Alemanha vão escrever uma nova página na sua longa rivalidade no escalão de Sub-21 quanto se encontrarem no Estádio Tychy, na terça-feira, na luta por um lugar na final de 2017.

A Alemanha derrotou a Inglaterra na final de 2009 por 4-0
A Alemanha derrotou a Inglaterra na final de 2009 por 4-0 ©Getty Images

A Inglaterra vai entrar na meia-final do EURO de Sub-21 frente à Alemanha com um melhor registo no confronto directo, mas atrás no que toca a encontros em fases finais – com destaque para o triunfo fantástico da Alemanha em 2009, que lhe deu o único triunfo a este nível.

Encontros anteriores

• As equipas disputaram dez jogos oficiais nos Sub-21, tendo a Alemanha ganhou dois e a Inglaterra quatro.

• A Inglaterra nunca perdeu nos seis jogos entre as equipas em fases de qualificação para um EURO Sub-21, ganhando três e empatando outros três.

• A Inglaterra averbou um triunfo por um total de 3-0 no "play-off" de acesso à fase final de 2007. Um golo de Leighton Baines deu à Inglaterra uma vantagem de 1-0 antes da segunda mão na Alemanha, onde Theo Walcott bisaria para carimbar o passaporte para o torneio realizado na Holanda.

• No entanto, em fases finais, a Alemanha leva a melhor. Em quatro encontros, a Alemanha venceu dois e a Inglaterra um.

Veja a vitória da Alemanha sobre a Inglaterra em 2009
Veja a vitória da Alemanha sobre a Inglaterra em 2009

• O último deles foi na final de 2009, em Malmo, Suécia. Gonzalo Castro (23), Mesut Özil (48) e Sandro Wagner (79 84) marcaram os golos no triunfo por 4-0 para o conjunto de Horst Hrubesch.

• As equipas que começaram a partida, a 29 de Junho de 2009, foram:
Inglaterra
: Loach; Cranie (Gardner 79), Richards, Onuoha (Mancienne 46), Gibbs; Cattermole, Muamba (Rodwell 78), Noble; Milner, Johnson; Walcott.
Alemanha: Neuer; Beck, Höwedes, Boateng, Boenisch; Hummels (Aogo 83); Johnson (Schwaab 69), Castro, Khedira, Özil (Schmelzer 89); Wagner.

• As formações também se haviam encontram na fase de grupos na Suécia, tendo-se registado um empate 1-1.

• A Inglaterra venceu por um total de 5-4 na final a duas mãos em 1982. Depois de um triunfo por 3-1 em Bramall Lane no final de Setembro, a Inglaterra defendeu a vantagem na partida de volta em Bremen, a meio de Outubro, onde um "hat-trick" de Pierre Littbarski daria o triunfo à Alemanha por 3-2.

• O jogo mais recentes foi um particular a 24 de Março desde ano, em Wiesbaden, onde um tento no minuto 23 de Nadiem Amiri deu à Alemanha um triunfo por 1-0.

• Nesse jogo, as equipas começaram da seguinte forma:
Alemanha: Pollersbeck (Schwäbe 46); Jung, Stark, Kempf; Weiser (Toljan 39), Amiri (Öztunali 46), Ginter, Arnold (Philipp 68), Gerhardt; Meyer (Haberer 68), Selke (Kehrer 86).
Inglaterra: Pickford; Holgate, Stephens, Mawson, Chilwell; Chalobah, Baker; Gray (Loftus-Cheek 58), Murphy, Winks (Swift 72); Abraham.

• Oito dos 11 jogadores que começaram pela Alemanha também começaram cada jogo da fase final na Polónia. Gideon Jung foi também suplente utilizado nos três encontros, enquanto Amiri veio do banco também em duas ocasiões. Dessa equipa apenas, Matthias Ginter não está na Polónia. Dez dos 13 jogadores da Inglaterra que jogaram nesse dias também estão na fase final.

A Inglaterra venceu o Europeu de Sub-21 em 1984
A Inglaterra venceu o Europeu de Sub-21 em 1984©Bob Thomas/Getty Images

Retrospectiva

Inglaterra
• A Inglaterra procura o terceiro título europeu depois dos triunfos consecutivos em 1982 e 1984.

• Esta é a nona meia-final da Inglaterra no escalão de Sub-21 e o seu registo é de: V3 D5.

• Afastada na fase de grupos nas últimas três últimas vezes que esteve numa fase final de um EURO Sub-21, a Inglaterra chega à meia-final como vencedora do Grupo A. Empatou com a Suécia (0-0), tendo depois batido Eslováquia (2-1) e Polónia (3-0).

Alemanha
• A Alemanha sagrou-se campeã da Europa de Sub-21 apenas uma vez, quando derrotou a Inglaterra na final de 2009.

• A Alemanha perdeu 5-0 com Portugal nesta fase em 2015 e disputou três meias-finais no total, com um registo de V2 D1, incluindo-se aqui a presença em 1982 como Alemanha Ocidental. Por seu lado, a Alemanha Oriental venceu as duas meias-finais que disputou, em 1978 e 1980. 

• A Alemanha marcou presença em cinco dos últimos sete torneios, mas apenas passou da fase de grupos em 2009 e 2015 antes deste ano.

• Atingiu esta meia-final como melhor dos segundos classificados dos três grupos, tendo ficado atrás da Itália no Grupo C depois de derrotar a República Checa (2-0) e Dinamarca (3-0), sendo depois batida pelos "azzurrini" (0-1).

Ligações de treinadores e jogadores

• Stefan Kuntz apenas disputou um encontro contra a Inglaterra, naquele que terá sido o maior jogo da sua carreira. Foi dele o golo do empate (16) depois de Alan Shearer ter inaugurado o marcador (3) e, mais tarde, marcou o penalty decisivo para a Alemanha, no desempate durante a meia-final do EURO '96.

Mahmoud Dahoud em acção no jogo contra a Itália
Mahmoud Dahoud em acção no jogo contra a Itália©Sportsfile

• Mahmoud Dahoud e o entrado Amiri jogaram pelos Sub-19 da Alemanha que empataram 1-1 num particular contra uma Inglaterra que tinha nas suas fileiras Ben Chilwell, Angus Gunn e o entrado Demarai Gray, em Setembro de 2014.

• Yannick Gerhardt, Odisseas Vlachodimos e Dominik Kohr foram titulares na equipa de Sub-19 da Alemanha que ganhou 3-1 em Lubeck, em Setembro de 2012, frente à Inglaterra de Jordan Pickford, Nathaniel Chalobah e James Ward-Prowse. Nathan Redmond foi suplente utilizado.

• Vlachodimos e Mitchell Weiser participaram na vitória por 3-2 sobre a Inglaterra que contava com Pickford, Chalobah e o entrado Redmond, nos quartos-de-final do Campeonato do Mundo de Sub-17, em Julho de 2011.

• Aidy Boothroyd era o treinador da Inglaterra de Sub-19 que venceu a Alemanha por 3-2 em Setembro de 2015. Tammy Abraham foi suplente utilizado pela Inglaterra.

• Serge Gnabry foi titular para no empate 2-2 do Arsenal em partida da Premier League contra o Southampton, em Janeiro de 2014; Ward-Prowse foi suplente utilizado nos "saints".

Perfil dos treinadores

Aidy Bothroyd, Inglaterra
Defesa nas divisões secundárias e que passou a maior parte da sua carreira no Mansfield Town, Boothroyd tornou-se treinador em 1998, nos escalões de formação do Peterborough. Passou depois pela formação do Norwich City e West Bromwich Albion, chegando à primeira equipa do Leeds United em 2004.

Aidy Boothroyd, seleccionador da Inglaterra, na Polónia
Aidy Boothroyd, seleccionador da Inglaterra, na Polónia©AFP/Getty Images

No ano seguinte rumou ao Watford, tendo orientado, aos 34 anos, uma equipa numa temporada completa, em 2005/06, mas saiu em 2008, com o clube de regresso ao Championship. Passagens curtas por Colchester United, Coventry City e, entre 2011–13, Northampton Town seguiram-se. Em Fevereiro de 2014 entrou no corpo técnico da Inglaterra, chegando à selecção de Sub-21 em Outubro de 2016, depois da promoção de Gareth Southgate à equipa principal.

Stefan Kuntz, Alemanha
Influente por onde passou, Kuntz teve maior sucesso nos seis anos que jogou no Kaiserslautern, com o qual ergueu dois troféus – a Bundesliga em 1990/91 e a Taça da Alemanha em 1989/90 – tendo sido ainda eleito futebolista do ano na Alemanha, em 1991. Duas vezes melhor marcador da Bundesliga, teve uma curta passagem de quatro anos pela selecção – tendo feito parte da equipa que venceu o EURO '96.

A sua carreira como treinador começou nas equipas amadoras e Kuntz nunca treinou uma equipa acima da 2. Bundesliga. Depois de cinco anos em quatro clubes diferentes, foi director-geral no Koblenz e depois do Bochum. Depois, após uma passagem de oito anos como director-executivo do Kaiserslautern, Kuntz sucedeu a Horst Hrubesch como seleccionador da Alemanha de Sub-21.

Topo