Herrera recorda vitória de 2011 sobre a Suíça

Com a nova geração de Sub-21 de Espanha a medir forças com a Suíça, numa reedição da final de 2011, Ander Herrera recorda o golo com que inaugurou o marcador e fala das suas expectativas.

Ander Herrera apontou o primeiro golo do triunfo da Espanha sobre a Suíça, por 2-0, na final do Campeonato da Europa de 2011 e, numa altura em que a nova geração de espanhóis na categoria se prepara para voltar a encontrar a selecção helvética, na quinta-feira, em jogo do Grupo 5 de qualificação, o médio recorda o seu memorável cabeceamento.

O jogador, agora com 23 anos, correspondeu da melhor forma a um cruzamento de Dídac Vilà perto do final da primeira parte do encontro disputado em Aarhus, antes de Thiago Alcântara selar a vitória, a nove minutos dos 90. Mas o que Herrera melhor recorda é a experiência vivida e a forma como se exibiu a Espanha.

"Jogar ao lado dos melhores jogadores Sub-21 do país, partilhar com eles tantas experiências e, depois, acabar por erguer o troféu cria um laço muito especial entre nós", afirmou. "Quando se actua com jogadores como aqueles as recordações são incríveis; tivemos grandes momentos, dos quais desfrutámos imenso, e acima de tudo praticámos um futebol fantástico."

O atleta do Athletic Club admite que as expectativas sobre as equipas espanholas são agora mais elevadas, fruto de todos os êxitos recentes, mas sente que a selecção de Espanha deve usar esse aspecto em seu proveito. "Trata-se de uma pressão positiva, porque nós queremos sempre jogar bem e ganhar", acrescentou. "E é igualmente positivo que exista um determinado grau de expectativas, pois isso significa que as pessoas esperam algo de nós, o que é sempre motivador."

Para ver a entrevista na íntegra clique na caixa de vídeo acima.

Topo