Estatísticas EURO Sub-21: quão importante é vencer o jogo de estreia?

As estatísticas dizem que quem ganha o respectivo primeiro jogo em fases finais do EURO Sub-21 segue para as meias-finais em 77 por cento dos casos; o UEFA.com olha para algumas curiosidades antes do arranque da prova.

A República Checa perdeu no seu jogo de estreia em 2002 mas acabou por erguer o troféu nesse ano
©Getty Images

Quão importante é somar uma vitória na jornada inaugural?

Uma vitória no arranque de uma fase final do Campeonato da Europa Sub-21 da UEFA é, por norma, um bom prenúncio para uma boa campanha na prova.

  • Desde 2000, aproximadamente 77 por cento das selecções que venceram o primeiro jogo ultrapassaram a fase de grupos.
  • Com um empate no jogo de estreia, a percentagem de selecções que ultrapassaram a fase de grupos desce para os 50 por cento.
  • Apenas 23 por cento das selecções derrotadas no seu primeiro jogo na competição conseguiram, depois, seguir em frente na prova.
Postiga, Frei, Malbranque: Recorde os melhores golos do Europeu Sub-21 de 2002
Postiga, Frei, Malbranque: Recorde os melhores golos do Europeu Sub-21 de 2002

Ainda assim, caso a sua selecção escorregue no arranque, não é caso para desesperar. Nos últimos nove Europeus de Sub-21, apenas quatro das selecções que acabaram por se sagrar campeãs triunfaram no primeiro jogo e três acabaram mesmo por se sagrar campeãs apesar de sofrerem uma derrota logo a abrir.

Com o novo formato, composto por 12 selecções finalistas, a ditar que apenas os vencedores de cada um dos grupos têm 100 por cento garantida a passagem às meias-finais, os primeiros 90 minutos em campo poderão desta feita, na Polónia, ser ainda mais cruciais.

Fases finais do EURO Sub-21 em números

Melhores momentos da final de 2015: Recorde o triunfo nos penalties da Suécia sobre Portugal
Melhores momentos da final de 2015: Recorde o triunfo nos penalties da Suécia sobre Portugal

0 - apenas duas finais de Europeus Sub-21 terminaram sem golos: em 2002, em Basileia, a República Checa bateu a França no desempate por penalties após um nulo ao fim de 120 minutos e na final da última edição, em 2015, em Praga, a Suécia derrotou Portugal igualmente nos penalties, depois de as duas selecções terem ficado "em branco" os 120 minutos de jogo.

4 - o número de jogadores que assinaram "hat-tricks" em fases finais do EURO Sub-21: Aris Karasavvidis (Grécia, 1988), Marcus Berg (Suécia, 2009), Thiago Alcântara (Espanha, 2013) e Jan Kliment (República Checa, 2015).

5 - número de Europeus Sub-21 conquistados pelo país mais bem-sucedido na competição, a Itália, que vai este ano disputar a sua 19ª fase final da prova. A selecção italiana conquistou quatro desses cinco títulos de campeã europeia de sub-21 entre 1992 e 2000.

7 - número de golos marcados pelo sueco Marcus Berg na fase final de 2009, um recorde da competição que lhe valeu, naturalmente, a conquista da Bota de Ouro adidas dessa edição da prova.

10 - número de golos marcado nas meias-finais em 2015, registo que constitui um recorde de golos apontados nessa etapa da competição. Ironicamente, na final registou-se um nulo.

13 - número recorde de jogos disputados em fases finais, fixado pelo defesa Branislav Ivanović, que marcou presença em três torneios: em 2004 e 2006 pela Sérvia e Montenegro e em 2007 pela Sérvia.

Os melhores golos do Europeu Sub-21 de 2004, com Ivanović e Hleb em destaque
Os melhores golos do Europeu Sub-21 de 2004, com Ivanović e Hleb em destaque

38 - número de golos marcados na fase de grupos da edição de 2004, a fase de grupos que teve mais golos em toda a história da competição; uma média de 3,16 golos por jogo.

58 - número de total de golos que as 12 selecções apuradas para a Polónia terão de apontar na fase de grupos para superarem a média de registada em 2004.

63 - o pouco desejado recorde do número total de golos sofridos em fases finais do EURO Sub-21, actualmente detido pela Inglaterra.

89 - o recorde do número total de golos marcados em fases finais do EURO Sub-21, detido pela Itália, selecção que é presença habitual nessa etapa da competição.

Topo