Estágios dos sub-21: Quarta-feira

A Espanha bateu a Noruega e venceu o Grupo B, a Alemanha despediu-se com uma vitória e a Noruega aproveitou para passear por Jerusalém: o UEFA.com resume o último dia da fase de grupos.

A Espanha bateu a Holanda por 3-0 e venceu o Grupo B
©Getty Images

Grupo B
Alemanha
Os jogadores alemães afirmaram que queriam divertir-se na última noite juntos, depois de terminarem a campanha na fase final com um triunfo por 2-1 sobre a Rússia, em Netanya, embora o médio Sebastian Rode tivesse destacado que "não há motivos para grandes comemorações". O último encontro do Grupo B foi equilibrado, mesmo com a Rússia reduzida a dez jogadores, e o seleccionador Rainer Adrion explicou que ia fazer um "discurso de despedida aos jogadores" com quem trabalhou durante dois anos, ao regressar ao hotel. A equipa parte para Munique esta quinta-feira.

Holanda
A derrota por 3-0 com Espanha igualou o recorde do desaire mais pesado na fases finais de um Campeonato da Europa de Sub-21, mas o seleccionador Cor Pot defendeu a decisão de mudar completamente a equipa inicial em relação ao jogo anterior e explicou, após um resultado que custou aos holandeses o primeiro lugar do Grupo B, que prefere ter os melhores jogadores frescos para a meia-final. "A Espanha é uma equipa muito experiente e hoje alinhámos com futebolistas inexperientes", justificou. "Estou muito satisfeito por ter escolhido estes jogadores, foi muito importante para nós."

Rússia
Sentiu-se uma desilusão natural na selecção da Rússia após a terceira derrota consecutiva no Grupo B, mas também existia um sentimento, manifestado por treinador e jogadores de que existiram melhorias em relação à derrota por 5-1 com a Holanda. A equipa vai regressar quinta-feira a Moscovo dividida em dois grupos principais, mas na quarta-feira houve alguns jogadores que partiram rumo a destinos diferentes.

Espanha
O triunfo sobre a Holanda igualou a vitória mais folgada de Espanha na fase final de um Campeonato da Europa de Sub-21 e permitiu alargar a série de invencibilidade para 24 jogos. Além disso assegurou um encontro dos vencedores do Grupo A com a Noruega nas meias-finais. O seleccionador Julen Lopetegui fez sete alterações no desafio de quarta-feira, incluindo a estreia nos Sub-21 de Álvaro, o jogador mais velho da equipa, que substituiu Marc Bartra no eixo da defesa. O único contratempo para os espanhóis foi a saída de Ignacio Camacho a coxear na segunda parte, com o médio a deixar o estádio de Ha Moshava com o tornozelo envolvido em gelo.

Grupo A
Inglaterra
Os "young lions" estão de regresso a casa e determinados em esquecer a presença em Israel. A Inglaterra vai iniciar a 5 de Setembro, na República Moldava, a campanha de qualificação para o próximo Europeu, que vai ser disputado na República Checa em 2015.

Israel
Guy Luzon fez questão de destacar que a sua equipa superou as expectativas ao ficar no terceiro lugar do Grupo A, com quatro pontos em três jogos. O seleccionador explicou: "Se eu tivesse dito que iríamos empatar com a Noruega, vencer a Inglaterra e perder com Itália, não teria havido ninguém em todo o país que acreditasse em mim." Luzon vai agora partir para a Bélgica, para treinar o R. Standard de Liège, enquanto Israel inicia a campanha de qualificação para o Europeu de Sub-21 de 2015, frente ao Azerbaijão, a 7 de Setembro.

Itália
Os jogadores que defrontaram a Noruega no último jogo do Grupo A fizeram apenas um treino ligeiro e massagens, mas os restantes membros da equipa treinaram à noite. O lesionado Luca Marrone vai continuar em Israel, depois de o seu clube, a Juventus, ter autorizado o jogador a ficar com a selecção até ao final da participação no Europeu.

Noruega
Os jogadores utilizados na terça-feira no empate com Itália ficaram de manhã no ginásio, enquanto os restantes treinaram-se normalmente. Da parte da tarde, jogadores e equipa técnica tiveram oportunidade de fazer um passeio por Jerusalém, no qual participou a maior parte da comitiva nórdica. A Noruega vai defrontar nas meias-finais a Espanha, que foi o seu carrasco em 1998, na única participação do país numa fase final de um Europeu de Sub-21.

Topo