As contas do apuramento

Seis das oito selecções do EURO Sub-21 vão conhecer o seu destino na última jornada da fase de grupos, pelo que haverá ainda bastante emoção antes da definição das meias-finais.

Espanha ou Alemanha vão acompanhar a Inglaterra como apuradas do Grupo B para as meias-finais
©Getty Images

Com apenas uma jornada por disputar na fase de grupos do Campeonato da Europa de Sub-21 de 2009, seis das oito selecções participantes ainda não conhecem o respectivo destino imediato. Apenas a Finlândia não tem qualquer hipótese de se apurar para as meias-finais, enquanto a Inglaterra é a única equipa com presença garantida, o que significa que haverá ainda bastante emoção antes de ficar definida a classificação dos dois grupos.

Grupo A
Itália (quatro pontos):
Os jogadores de Pierluigi Casiraghi podem qualificar-se em caso de vitória ou empate frente à Bielorrússia, na terça-feira, e até se podem dar ao luxo de perder, desde que evitem fazê-lo por três ou mais golos de diferença e que o jogo entre Suécia e Sérvia termine empatado.

Suécia (três pontos): O país anfitrião precisa de um ponto para seguir em frente, mas se perder não tem hipóteses de apuramento.

Sérvia (dois pontos): A vitória é imperativa se a Sérvia quiser alcançar as meias-finais, independentemente do que suceder no outro encontro do agrupamento.

Bielorrússia (um ponto): Se Suécia ou Sérvia triunfarem em Malmo, a Bielorrússia apura-se se vencer a Itália. No caso de o outro jogo terminar empatado, a actual última classificada precisa de um triunfo por três golos de diferença para se apurar.

Grupo B
Inglaterra (seis pontos): Já apurada para as meias-finais, a formação orientada por Stuart Pearce classifica-se no primeiro lugar do grupo com uma vitória ou um empate frente à Alemanha, na segunda-feira.

Alemanha (quatro pontos): Um empate é suficiente para a Alemanha seguir em frente e até a derrota a pode apurar, desde que a Espanha não consiga vencer a Finlândia por quatro golos de diferença. Caso Alemanha e Espanha terminem em igualdade pontual, com a mesma diferença de golos e o mesmo número de tentos marcados, a Espanha segue em frente graças a ter o coeficiente no ranking da UEFA.

Espanha (um ponto): Só a vitória interessa à Espanha no jogo frente à Finlândia. No entanto, terá de esperar que a Inglaterra derrote a Alemanha para, com essa combinação de resultados, ser suficiente para anular a diferença de golos superior por parte dos germânicos.

Finlândia (zero pontos): Os comandados de Markku Kanerva jogam apenas para defender o orgulho frente à Espanha, na esperança de conseguirem os primeiros pontos no Grupo B.

Topo