Hora de decisões rumo à Suécia

Catorze países tentam garantir uma das sete vagas para se juntarem à anfitriã Suécia na fase final do Campeonato da Europa de Sub-21 de 2009, cujos jogos do "play-off" têm início esta sexta-feira.

Os ingleses defrontam os vizinhos galeses em Cardiff, esta sexta-feira
Os ingleses defrontam os vizinhos galeses em Cardiff, esta sexta-feira ©Getty Images

Catorze países tentam garantir uma das sete vagas para se juntarem à Suécia na fase final do Campeonato da Europa de Sub-21 de 2009, cujos jogos do "play-off" têm início esta sexta-feira à noite.

À prova
A Suécia qualificou-se automaticamente enquanto anfitriã, enquanto o acesso à prova atinge agora a sua fase intensa e decisiva, no que à qualificação diz respeito. Passaram-se 16 meses desde que a Finlândia deu o pontapé-de-saída no Grupo 6, então com uma vitória na Dinamarca. Agora, depois de terem dominado o respectivo grupo, os finlandeses esperam continuar a mostrar qualidades, desta feita ante a Áustria, em busca da sua primeira presença na fase final na prova.

França defronta Alemanha
A partida tem lugar em Pasching, esta sexta-feira, no mesmo dia em que outras seis formações entram em prova, antes do quadro da primeira mão ficar completo no sábado. A Turquia defronta a Bielorrússia em Antalaya, enquanto a Alemanha recebe a França em Magdeburg. O Ninian Park, em Cardiff, será o palco do País de Gales-Inglaterra.

Galeses confiantes
A formação liderada por Brian Flynn derrotou a França e a Roménia no Grupo 10, terminando na primeira posição. Depois de um percurso meritório, o guarda-redes Owain Fon Williams insiste que "não há nada a temer" relativamente à equipa inglesa. "De certa maneira, não temos nada a perder. Vemos os jogadores ingleses na televisão, a toda a hora, mas não nos deixaremos impressionar".

Espanha perfeita
Os outros encontros respeitantes a esta primeira mão têm lugar no sábado. Em Aarau, a Suíça - que suplantou a campeã Holanda na fase de grupos - recebe a Espanha, única formação só com vitórias na fase de apuramento. De resto, a Itália, campeã em cinco ocasiões, recebe Israel em Ancona, ao passo que a Dinamarca joga em Aalborg com a Sérvia, finalista vencida da última edição.

Topo