O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Vencedores do EURO nas camadas jovens e nos seniores: Gomez, Rodri e Morata querem juntar-se a Quaresma, Moutinho e Iniesta

Seis jogadores de Espanha e dois de Inglaterra querem juntar-se aos 12 que ganharam o EURO nas camadas jovens e nos seniores.

Rodri com o troféu dos Sub-19 conquistado pela Espanha em 2015
Rodri com o troféu dos Sub-19 conquistado pela Espanha em 2015 SPORTSFILE

No domingo, seis jogadores da Espanha e dois da Inglaterra vão tentar juntar-se aos 12 que entraram em campo pela equipa vencedora de uma final do EURO depois de terem feito o mesmo no EURO Sub-19 (Sub-18 antes de 2001/02) ou no EURO Sub-17 (Sub-16 antes de 2001/02), em torneios que começaram princípio da década de 1980.

Antigos vencedores do EURO nas camadas jovens que poderão jogar a final do EURO 2024

Inglaterra
Joe Gomez (Sub-17 2014)
Aaron Ramsdale (Sub-19 2017)

Espanha
Alejandro Grimaldo (Sub-19 2012)
Mikel Merino (Sub-19 2015)
Álvaro Morata (Sub-19 2011)
Nacho (Sub-17 2007)
Rodri (Sub-19 2015)
Ferran Torres (Sub-17 2017, Sub-19 2019)

No total, os 12 que já alcançaram o feito são seis futebolistas da Espanha, sendo que a Inglaterra ainda não conquistou o título sénior, embora Joe Gomez, vencedor do EURO Sub-17 de 2014, e Aaron Ramsdale, campeão do EURO Sub-19 de 2017, possam corrigir essa situação se a equipa de Gareth Southgate triunfar em Berlim.

Final do EURO Sub-17 de 2017: Espanha bate Inglaterra

Ferran Torres marcou os dois golos na vitória da Espanha sobre Portugal, por 2-0, na final do EURO Sub-19 de 2019, enquanto o seu título do EURO Sub-17 aconteceu em 2017, quando fez parte de uma equipa espanhola que bateu a Croácia nos penáltis contra uma equipa inglesa que incluía Phil Foden e Marc Guéhi. A dupla deu depois a volta a Ferran Torres e à Espanha na final do Campeonato do Mundo de Sub-17, na Índia, com ambos a marcarem na vitória por 5-2. Outros jogadores com experiência de jogar numa final entre Inglaterra e Espanha nas camadas jovens é Nacho, que ajudou na vitória da La Roja por 1-0 no EURO Sub-17 de 2007, na Bélgica.

Thierry Henry e David Trezeguet foram os primeiros a alcançar a dupla façanha, já que ambos venceram o EURO 2000 com a França quatro anos depois do sucesso pela selecção Sub-18. Sete dos campeões espanhóis de 2008 e 2012 já haviam conquistado o título nos Sub-16 ou Sub-19: Fernando Torres marcou um golo nessas duas finais do EURO sénior, igualando o que fez nas decisões do Sub-16 de 2001 e do Sub-19 de 2002 (que, tal como a decisão do EURO 2008, foram ambas vitórias por 1-0).

No EURO 2016, Ricardo Quaresma fez parte da equipa vencedora de Portugal, 16 anos depois do triunfo nos Sub-16, enquanto João Moutinho deu seguimento à conquista nos Sub-17 em 2003. Vieirinha, que também participou na final de 2003 dos Sub-17 de Portugal, também esteve no EURO 2016, mas não entrou em campo na final do Stade de France contra os anfitriões.

Final de 2003 do EURO Sub-19: Itália 2-0 Portugal

Mais recentemente, Chiellini fez parte da formação da Itália que bateu a Inglaterra em Wembley para conquistar o UEFA EURO 2020. Em 2003, também jogou no triunfo dos Azzurri sobre Portugal na final do Campeonato da Europa de Sub-19, em Vaduz.

Jogadores de jogaram e venceram a final do EURO e em finais de competições de selecções jovens da UEFA

ITÁLIA 2020 (jogada em 2021)

Giorgio Chiellini Sub-19 2003

PORTUGAL 2016

João Moutinho Sub-17 2003
Ricardo Quaresma
Sub-16 2000

ESPANHA 2012

Veja Iker Casillas parar o penálti decisivo na final de Sub-16 em 1997

Iker Casillas Sub-16 1997
Andrés Iniesta
Sub-19 2002
Juan Mata Sub-19 2006
Gerard Piqué Sub-19 2006
Sergio Ramos Sub-19 2004
David Silva
Sub-19 2004
Fernando Torres Sub-16 2001, Sub-19 2002

ESPANHA 2008

Iker Casillas Sub-16 1997
Andrés Iniesta
Sub-19 2002
Sergio Ramos Sub-19 2004
David Silva Sub-19 2004
Fernando Torres Sub-16 2001, Sub-19 2002

FRANÇA 2000

Thierry Henry Sub-18 1996
David Trezeguet Sub-18 1996

O EURO Sub-21 não é classificado como sendo um torneio jovem pela UEFA.

Seleccionados para si