O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Portugal e Sérvia na segunda meia-final seguida

Portugal e Sérvia defrontaram-se na meia-final de 2013, decididas nas grandes penalidades, pelo que Veljko Paunović espera novo "duelo duro contra um adversário fenomenal".

O seleccionador da Sérvia, Veljko Paunović orienta treino antes da meia-final
O seleccionador da Sérvia, Veljko Paunović orienta treino antes da meia-final ©Sportsfile

Há doze meses, a Sérvia superou as meias-finais do Campeonato da Europa Sub-19, prevalecendo sobre Portugal nas grandes penalidades após um duelo emocionante na Lituânia. Aquela selecção acabaria por conquistar pela primeira vez o título; agora, no Puskás Akadémia Pancho Aréna, em Felcsut, terá novamente pela frente um adversário que conhece bem.

Portugal
Uma equipa de ataque criativo que venceu todos os nove jogos na presente competição, Portugal joga com Gelson Martins e Marcos Lopes abertos em esquemas tácticos de 4-2-3-1 ou 4-3-3. Fazem uma rápida circulação de bola à procura, sempre que possível, de André Silva, normalmente o único avançado. Portugal mostrou a sua flexibilidade táctica contra Israel e Áustria, recuando para conter a pressão antes de marcar em contra-ataque.

Como chegaram até aqui
Máximo goleador na fase de qualificação com 21 golos, Portugal manteve a veia na Hungria, vencendo por margem confortável Israel (3-0) e os anfitriões (6-1), num jogo em que André Silva se tornou no primeiro jogador a fazer quatro golos numa partida da fase final dos Sub-19. Esse desfecho valeu a qualificação à equipa de Hélio Sousa a uma jornada do fim, terminando por assegurar o primeiro lugar após bater a Áustria por 2-1.

O seleccionador de Portugal, Hélio Sousa durante um treino
O seleccionador de Portugal, Hélio Sousa durante um treino©Sportsfile

O que disseram
Neste tipo de competição, todos os jogos são finais. Tinhamos que vencer o primeiro jogo para começar bem, depois o seguinte para garantir a qualificação para o [Campeonato do Mundo] Sub-20 e, [contra a Áustria] tínhamos de vencer para ficar em primeiro lugar. Agora, temos de vencer o próximo jogo para atingir a final. E depois queremos vencer a final – queremos vencer sempre. A meia-final será, para nós, também uma final.  
Hélio Sousa, seleccionador

Sérvia
A selecção da Sérvia inclui três jogadores – o guarda-redes Predrag Rajković e a dupla de médios Nemanja Maksimović e Mijat Gačinović – que conquistaram o troféu no último Verão. Maksimović  joga no meio-campo central no apoio ao único avançado e marcou nas duas primeiras partidas; volta a estar disponível após cumprir um jogo de castigo na terceira jornada.

Predrag Rajković foi o herói da Sérvia na meia-final em 2013
Predrag Rajković foi o herói da Sérvia na meia-final em 2013©Sportsfile

Experiência em meias-finais
2013: Sérvia 2-2 Portugal (ap; Sérvia venceu 3-2 nos penalties)
2011: República Checa 4-2 Sérvia
2009: Sérvia 1-3 Ucrânia
2005: Sérvia e Montenegro 1-3 Inglaterra

O que disseram
Vamos defrontar um adversário formidável. Portugal tem feito uma caminhada fenomenal na prova e vai ser um jogo muito difícil. Foi a equipa mais eficiente em todas as fases da competição. Os números falam por si; nove pontos em ambas as fases de qualificação; nove pontos no Grupo A. Merecem estar na fase final. Jogam um futebol total, são fortes em todas as posições e merecem todo o nosso respeito.    
Veljko Paunović, seleccionador