Bruno Varela faz sorrir Portugal

O guarda-redes de Portugal, Bruno Varela, disse estar entusiasmado por integrar uma "equipa muito unida", que está a evoluir bem na caminhada para a possível conquista do primeiro título de Sub-19.

Bruno Varela deseja alcançar sucesso nos Sub-19 com Portugal
©Sportsfile

Com a sua equipa pronta para a meia-final do Campeonato da Europa de Sub-19, frente à Sérvia, o guarda-redes de Portugal, Bruno Varela, despendeu algum tempo para conversar com o UEFA.com sobre o seu início de carreira, ídolos e a importância do espírito de equipa.

UEFA.com: Actualmente representa o SL Benfica, mas onde começou a sua carreira?

Bruno Varela: Comecei a jogar no meu bairro, quando os responsáveis da equipa local, o [UD] Ponte Frielas, me viram e perguntaram se queria representar o clube. Fiquei muito orgulhoso por vestir aquela camisola e possuo várias boas recordações do tempo que lá passei. Ajudaram-me imenso durante os primeiros passos da minha carreira.

UEFA.com: Quais são os seus ídolos?

Bruno Varela: O meu maior ídolo é o Petr Čech, do Chelsea FC. Observo-o há muito tempo e gosto da forma como joga. O meu modelo é o Artur, guarda-redes da equipa principal do Benfica. Trabalho com ele diariamente e é um verdadeiro prazer.

UEFA.com: O que significa representar o seu país num Campeonato da Europa Sub-19?

Bruno Varela: É uma motivação enorme participar neste torneio. Alcançar as fases finais dos torneios jovens é um grande feito e jogar aqui é incrível. É a melhor coisa que nos pode acontecer enquanto atletas.

UEFA.com: O que fazem entre jogos quando não estão a treinar aqui na Lituânia?

Bruno Varela: Eu gosto de jogar PlayStation com os meus colegas. Também ouvimos música e navegamos na internet. Ouço todo o tipo de música. Gosto de Kizomba [música angolana] e afro house, por exemplo. Há sempre uma pessoa diferente que coloca música no balneário antes dos jogos. O Carlos Mané e o Rudinilson [Silva] fizeram a selecção musical para o primeiro jogo, frente à Espanha.

UEFA.com: Quem é o brincalhão da equipa?

Bruno Varela: O João Cancelo é o pior; o Fábio Cardoso também. Eu também sou um pouco. Gosto de pôr os meus colegas a sorrir. Obviamente, tenho maior afinidade com os meus companheiros do Benfica, mas dou-me com toda a gente. Temos uma equipa muito unida nesta fase final.

UEFA.com: Quais são os seus objectivos futebolísticos?

Bruno Varela: Ainda estou em início de carreira, mas o meu objectivo é ir o mais longe possível na modalidade e vou trabalhar arduamente para o conseguir.

Topo