O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Factos e números do EURO Sub-17

Confira os factos e números desde 2001/2002.

Adil Aouchiche quebrou um recorde na fase final de 2019
Adil Aouchiche quebrou um recorde na fase final de 2019 ©Sportsfile

Os recordes aplicam-se ao Campeonato da Europa de Sub-17 (apenas a partir de 2001/02). Fases finais: 16 equipas em 2001/02 e a partir de 2014/15, nas outras épocas oito. A temporada de 2019/20 não foi concluída devido à COVID-19 e a edição de 2020/21 não se realizou devido aos mesmos motivos.

Vencedor (anfitrião)
2019: Países Baixos (República da Irlanda)
2018: Países Baixos (Inglaterra)
2017: Espanha (Croácia)
2016: Portugal (Azerbaijão)
2015: França (Bulgária)
2014: Inglaterra (Malta)
2013: Rússia (Eslováquia)
2012: Países Baixos (Eslovénia)
2011: Países Baixos (Sérvia)
2010: Inglaterra (Liechtenstein)
2009: Alemanha (Alemanha)
2008: Espanha (Turquia)
2007: Espanha (Bélgica)
2006: Rússia (Luxemburgo)
2005: Turquia (Itália)
2004: França (França)
2003: Portugal (Portugal)
2002: Suíça (Dinamarca)

Maiores vitórias
Fase de qualificação antes de 2002: República Checa 7-0 Luxemburgo e Suíça 7-0 Ilhas Faroé, 2001/02
Pré-eliminatórias depois de 2002: Bielorrússia 12-0 Liechtenstein, 2010/11; San Marino 0-12 Países Baixos, 2013/14
Ronda de elite: França 9-0 Bielorrússia, 2010/11; Alemanha 10-1 Arménia, 2016/17
Fase final: França 7-0 Ilhas Faroé, 2016/17, República da Irlanda 0-7 Alemanha, 2016/17

Melhores marcadores num único jogo
Qualificação: Nikola Kalinic (Croácia), 5 golos frente a Andorra, 2004/05; Fabian Himcinschi (Roménia) 5 golos frente ao Liechtenstein, 2010/11, Viktor Fischer (Dinamarca) 5 golos frente à Lituânia, 2010/11; Timo Werner (Alemanha) 5 golos frente a Andorra, 2012/13; Ezra Walian (Países Baixos) ante San Marino, 2013/14; Raz Yizhak (Israel) contra Liechtenstein, 2013/14
Fase final: Morten Rasmussen (Dinamarca), 5 golos frente à Finlândia, 2001/02

Melhores marcadores por edição
2018/19: Adil Aouchiche (França) 12
2017/18: Daishawn Redan (Países Baixos) 10
2016/17: Jann-Fiete Arp (Alemanha), Amine Gouiri (França), Abel Ruiz (Espanha) 10
2015/16: José Gomes (Portugal) 12
2014/15: Odsonne Edouard (França) 13
2013/14: Adam Armstrong (Inglaterra), Dominic Solanke (Inglaterra) 9
2012/13: Timo Werner (Alemanha) 13
2011/12: Gergely Bobál (Hungria) 8
2010/11: Samed Yesil (Alemanha) 11
2009/10: Paco Alcácer (Espanha) 14
2008/09: Muhammet Demir (Turquia) 7
2007/08: Danijel Aleksić (Sérvia) e Geoffrey Castillion (Países Baixos) 9
2006/07: Toni Kroos (Alemanha), Vitali Rushnitski (Bielorrússia) e Kolbein Sigthórsson (Islândia) 7
2005/06: Manuel Fischer (Alemanha) 13
2004/05: Nikola Kalinić (Croácia) 11
2003/04: Fausto Lourenço (Portugal) 8
2002/03: David Rodríguez (Espanha) 9
2001/02: Collins John (Países Baixos) e Simon Vukčević (Jugoslávia) 8

Melhores marcadores nas fases finais
2018/19: Adil Aouchiche (França) 92017/18: Edoardo Vergani (Itália), Yorbe Vertessen (Bélgica) 4
2016/17: Amine Gouiri (França) 8
2015/16: José Gomes (Portugal) 7
2014/15: Odsonne Edouard (França) 8
2013/14: Jari Schuurman (Países Baixos), Dominic Solanke (Inglaterra) 3
2012/13: Elio Capradossi (Itália), Robin Kamber (Suíça), Mario Pugliese (Itália), Martin Slaninka (Eslováquia) 2
2011/12: Max Meyer (Alemanha) 3
2010/11: Kyle Ebecilio (Países Baixos), Hallam Hope (Inglaterra), Tonny Trindade de Vilhena (Países Baixos), Samed Yesil (Alemanha) 3
2009/10: Paco Alcácer (Espanha) 6
2008/09: Luc Castaignos (Países Baixos), Lennart Thy (Alemanha) 3
2007/08: Yannis Tafer (França) 4
2006/07: Toni Kroos (Alemanha) e Victor Moses (Inglaterra) 3
2005/06: Manuel Fischer (Alemanha), Bojan Krkić (Espanha) e Tomáš Necid (República Checa) 5
2004/05: Tevfik Köse (Turquia) 6
2003/04: Hatem Ben Arfa (França), Bruno Gama (Portugal), Shane Paul (Inglaterra) e Marc Pedraza (Espanha) 3
2002/03: David Rodríguez (Espanha) 6
2001/02: Jonathan Soriano (Espanha) 7

Melhores marcadores de sempre (fases finais)
Adil Aouchiche (França) 9
Abel Ruiz (Espanha) 8
Amine Gouiri (França) 8
Odsonne Edouard (França) 8
Jann-Fiete Arp (Alemanha) 7
José Gomes (Portugal) 7
Bojan Krkić (Espanha) 7
David Rodríguez (Espanha) 7
Jonathan Soriano (Espanha) 7

Melhores marcadores de sempre (incluindo qualificação)
José Gomes (Portugal) 16
Abel Ruiz (Espanha) 16
Paco Alcácer (Espanha) 14
Adam Idah (República da Irlanda) 14
Daishawn Redan (Países Baixos) 14
Brian Brobbey (Países Baixos) 13
Odsonne Edouard (França) 13
Manuel Fischer (Alemanha) 13
Timo Werner (Alemanha) 13

Maiores assistências
Pré-eliminatória: Bielorrússia - Portugal, Minsk, 2004/05, 12,50 espectadores 
Ronda de Elite: Ucrânia - Geórgia, Tbilisi, 2011/12, 12,000
Fase final: Azerbaijão - Portugal, Baku, 2015/16, 33.000

Participações na fase final (máximo 16) 
14 Inglaterra, Países Baixos*, Espanha*
13 França*, Alemanha*
10 Itália*
9 Portugal*
8 Bélgica*, Sérvia (incluindo Jugoslávia / Sérvia e Montenegro), Turquia, Suíça
6 Áustria, República Checa, Escócia*, Dinamarca*, Ucrânia
5 Hungria, República da Irlanda, Suécia*
4 Croácia, Israel, Rússia 
3 Bósnia e Herzegovina, Grécia, Islândia, Polónia*, Eslovénia
2 Bulgária*, Geórgia, Luxemburgo*, Noruega
1 Azerbaijão, Bielorrússia, Ilhas Faroé, Finlândia, Malta, Moldávia, Irlanda do Norte, Roménia, Eslováquia

*inc 2022