Chelsea derrota Porto nos penalties e está na final

O Porto esteve perto da vitória, mas o Chelsea empatou perto do fim antes de superiorizar-se nos penalties e apurar-se para a final.

Semi-final highlights: Chelsea win dramatic penalty shoot-out

O Chelsea bateu o FC Porto no desempate por pontapés da marca de grande penalidade depois do empate 2-2 ao fim de 90 minutos e e apurou-se para a final da UEFA Youth League pela terceira vez em quatro anos.

O Porto foi o primeiro a visar a baliza contrária, mas o Chelsea respondeu, deixou um primeiro aviso e abriu mesmo o marcador. Diogo Costa não segurou um remate forte de McCormick, largou a bola para a frente e, na recarga, Redan foi mais rápido e fez o 1-0.

O Porto soube reagir e, já perto do intervalo, um belíssimo cabeceamento de Diogo Queirós após pontapé de canto de Diogo empatou o jogo, mas só uma grande defesa de Diogo Costa logo depois permitiu que a igualdade se mantivesse no final dos primeiros 45 minutos.

Na segunda parte St Clair chegou mesmo a acertou no poste da baliza de Diogo Costa, mas foi o Porto que marcou. João Mário, acabado de saltar do banco, colocou a formação portuguesa a vencer por 2-1 e pensou-se que tudo poderia estar decidido. Porém, seis minutos depois, no seguimento de um pontapé de canto, Grant fez o 2-2 e levou a decisão para o desempate por penalties.

Nas grandes penalidades, Diogo Costa defendeu dois dos disparos de jogadores do Chelsea, mas o guarda-redes dos londrinos, Cumming, fez ainda melhor, defendeu três dos disparos dos jogadores do Porto e é a turma inglesa que vai estar na final de segunda-feira.

MOMENTO: Golo de Grant perto do fim
O Porto parecia caminhar para o triunfo, mas o capitão do Chelsea surgiu para salvar a sua equipa aos 86 minutos e fixar o resultado em 2-2 no seguimento de um pontapé de canto, forçando o desempate por grandes penalidades.

FIGURA: Jamie Cumming
O jovem guarda-redes de 18 anos defendeu três grandes penalidades no desempate por penalties e fez a diferença.

Topo