Cardiff acolhe Real Madrid e Sevilha

A SuperTaça Europeia de 2014 vai opor o vencedor da UEFA Champions League, Real Madrid, aos compatriotas do Sevilha no Cardiff City Stadium, a 12 de Agosto.

José Antonio Reyes (esquerda) e Cristiano Ronaldo num jogo da Liga espanhola em Março
José Antonio Reyes (esquerda) e Cristiano Ronaldo num jogo da Liga espanhola em Março ©AFP/Getty Images

O Real Madrid CF vai defrontar os compatriotas espanhóis do Sevilla FC a 12 de Agosto, no Cardiff City Stadium, na decisão da SuperTaça Europeia.

Após 15 temporadas, entre 1998 e 2012, no Stade Louis II, do AS Monaco FC, o palco anual do encontro entre os vencedores da UEFA Champions League e da UEFA Europa League passou a mudar todos os anos. No ano passado, a honra coube ao Estádio Eden. Agora, será a vez de Cardiff acolher a sua primeira final europeia, numa data mais cedo do que a habitual.

O Real Madrid, que se superiorizou ao rival citadino Club Atlético de Madrid para erguer a sua décima Taça dos Clubes Campeões Europeus, fará a sua quarta presença na prova, à procura da segunda vitória. Em 1998, na primeira final no Mónaco que substituiu as finais a duas mãos, os "merengues" perderam por 1-0 frente ao vencedor da Taça dos Clubes Vencedores de Taças, o Chelsea FC, e, dois anos depois, perderiam por 2-1 no prolongamento, frente ao Galatasaray AŞ, a primeira equipa a disputar a SuperTaça Europeia como detentora da Taça UEFA.

Contudo, à terceira foi de vez para o Real Madrid, que, em 2002 – com Iker Casillas entre os postes – bateu o Feyenoord, por 3-1. Ancelotti, depois de ter vencido em 2003 e em 2007 com o AC Milan, poderá juntar-se a Josep Guardiola como único vencedor da prova em três edições.

O Sevilha, acabado de derrotar o SL Benfica na final da UEFA Europa League, estará presente pela terceira vez na SuperTaça Europeia, tendo as duas anteriores decorrido no Mónaco. Em 2006, bateu o vencedor da UEFA Champions League, o FC Barcelona, por 3-0, mas 12 meses depois, após manter a Taça UEFA na sua posse impondo-se ao RCD Espanyol, perderia por 3-1 frente ao AC Milan [de Carlo Ancelotti], numa ocasião manchada pela recente morte do seu jogador Antonio Puerta.

Independentemente do que acontecer a 12 de Agosto, a Espanha aumentará a sua vantagem como país mais bem-sucedido na SuperTaça Europeia. Já conta com mais triunfos (12) e o maior número de presenças (20), registos que aumentarão decididamente para 13 e 22, respectivamente. Nos 14 encontros desde que os vencedores da Taça UEFA/UEFA Europa League começaram a competir, o resultado é de 7-7, tendo o FC Bayern München "empatado" para a competição principal no ano passado, quando derrotou, em Praga, o Chelsea FC no desempate por grandes penalidades.

O UEFA.com terá todos os pormenores da SuperTaça Europeia de 2014, incluindo a venda de bilhetes, em data a anunciar.

Topo