André Silva feliz por vencer "amigos" italianos

"Dentro de campo não há amigos", afirmou André Silva após fazer história ao marcar o primeiro golo de Portugal na UEFA Nations League.

Watch André Silva's winner for Portugal in Lisbon.

André Silva fez história ao marcar o primeiro golo de Portugal na UEFA Nations League. Um golo que valeu três pontos e uma vitória importante sobre a Itália, que coloca desde já a selecção portuguesa na frente do Grupo 3 da Liga A. E um golo que terá tido um sabor especial para o avançado que esta época actua no Sevilla FC, depois de ter passado a última temporada em terras italianas a representar o AC Milan.


"Tenho aqui alguns amigos na selecção italiana", reconheceu. "Mas dentro de campo não há amigos", salientou. "É lutar por Portugal e vencer". E foi o que André Silva fez. Num encontro em que Portugal beneficiou das melhores ocasiões de golo, o "camisola 9" da equipa das Quinas foi incansável, combinando na perfeição com os seus colegas da frente de ataque, e acabou por chegar merecidamente ao seu 13º golo em 28 jogos pela selecção principal portuguesa. "No geral, fomos a melhor equipa. Estamos contentes. É uma nova competição. Esperávamos uma Itália forte, mas estivemos à altura, portámo-nos bem", resumiu.

Também o seleccionador Fernando Santos teceu elogios à exibição portuguesa: “Estivemos muito bem na primeira parte e ao intervalo o resultado era injusto. Disse aos jogadores para manterem e melhorarem certas coisas, como a objectividade, e marcámos. Na parte final encolhemos um pouco e a Itália cresceu, mas estivemos globalmente bem”. Contudo, apesar do triunfo, Fernando Santos não pensa ainda na conquista desta nova competição da UEFA. “Vamos pensar jogo a jogo. É muito difícil este torneio. Mas acredito na minha equipa e queremos muito chegar à final four”, disse.

Já do lado italiano, o seleccionador Roberto Mancini lamentou os erros defensivos. "Temos de tentar limitá-los", disse. "Mas também precisamos encontrar soluções ofensivas: para vencer, precisamos marcar golos", acrescentou. Quanto às hipóteses de Itália nesta edição da UEFA Nations League, Mancini reconheceu que "agora fica difícil, com um único ponto em dois jogos", mas frisou: "o objectivo principal é levar a equipa à qualificação para a fase final do UEFA EURO 2020."

Topo