Portugal anuncia convocados para Croácia e Itália

Numa lista sem Cristiano Ronaldo, entre outras ausências, Cláudio Ramos, Pedro Mendes, Gerson Fernandes e Sérgio Oliveira são as novidades para os próximos jogos de Portugal.

Pizzi e Gedson, em grande forma no Benfica neste arranque de temporada, são duas das novidades da convocatória de Fernando Santos
Pizzi e Gedson, em grande forma no Benfica neste arranque de temporada, são duas das novidades da convocatória de Fernando Santos ©Getty Images

Fernando Santos divulgou esta sexta-feira a sua primeira convocatória pós-Mundial 2018. Portugal vai medir forças com a vice-campeã do mundo Croácia, num jogo amigável agendado para 6 de Setembro, recebendo depois, a 10 de Setembro, a Itália, na estreia na UEFA Nations League.

De fora dos convocados, em relação aos jogadores que estiveram no Campeonato do Mundo da FIFA realizado na Rússia no início do Verão, ficam Ricardo Quaresma, João Mário, João Moutinho, Adrien Silva, Manuel Fernandes, Ricardo Pereira, José Fonte, Bruno Alves e Anthony Lopes.

Em contrapartida, o seleccionador nacional optou por chamar quatro jogadores ainda sem internacionalizações, o guarda-redes Cláudio Ramos, o defesa Pedro Mendes e os médios Gedson Fernandes e Sérgio Oliveira. De regresso após terem ficado de fora em anteriores convocatórias estão João Cancelo, Luís Neto, Pizzi, Renato Sanches, Rúben Neves, Bruma e Rony Lopes.

Sobre a ausência de Ronaldo em particular, Fernando Santos explicou: "Depois de uma conversa com o jogador, já depois de ele ter ido para a Juventus, com todos os processos de adaptação que teria de ter, entendemos que nesta janela não estaria presente". Quanto aos outros ausentes, o seleccionador frisou: "continuam a contar todos."

Relativamente aos próximos compromissos, Fernando Santos afirmou que se tratava "de um início que abre agora e que se espera que termine na fase final do UEFA EURO 2020", mas destacou a qualidade da Croácia como adversário do primeiro jogo amigável deste ciclo e garantiu que Portugal vai encarar "com rigor e seriedade" a UEFA Nations League, onde se vai agora estrear com a Itália e onde medirá ainda forças com a Polónia na fase de grupos.

Convocados de Portugal

Guarda-redes

Beto (Goztepe), Cláudio Ramos (Tondela) e Rui Patrício (Wolverhampton)

Defesas

Cédric Soares (Southampton), João Cancelo (Juventus), Luis Neto (Zenit), Mário Rui (Nápoles), Pedro Mendes (Montpellier), Pepe (Besiktas), Raphael Guerreiro (Dortmund), e Rúben Dias (Benfica)

Médios

Bruno Fernandes (Sporting), Gedson Fernandes (Benfica), Pizzi (Benfica), Renato Sanches (Bayern), Rúben Neves (Wolverhampton), Sérgio Oliveira (FC Porto) e William Carvalho (Bétis)

Avançados

André Silva (Sevilha), Bernardo Silva (Manchester City), Bruma (Leipzig), Gelson Martins (Atlético Madrid), Gonçalo Guedes (Valência) e Rony Lopes (Mónaco)

Topo