O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Ronda de elite da UEFA Futsal Champions League: Barça, Benfica, Palma, Sporting na fase final

Barça, Benfica, Palma (detentor do troféu) e Sporting estão na fase final a quatro, que pela primeira vez na história contará exclusivamente com equipas que já ergueram o troféu.

O Sporting foi a última equipa a garantir um lugar na fase final
O Sporting foi a última equipa a garantir um lugar na fase final Uroš Kokol

Um quarteto ibérico de quatro antigos vencedores da UEFA Futsal Champions League vai disutar a fase final em Maio, depois de Barça, Benfica, Mallorca Palma Futsal (actual detentor do troféu) e Sporting CP terem terminado na frente dos seus grupos da Ronda de Elite.

A fase final, será disputada a 2 ou 3 e 4 ou 5 de Maio no sistema de meias-finais e final, com o anfitrião e as datas definitivas ainda por confirmar. Nunca antes uma fase final a quatro da prova tinha sido composta exclusivamente por equipas que já ergueram o troféu.

Resultados

Grupo A

O Barça derrotou o anfitrião Riga Futsal Club, por 3-2, no sábado, regressando à fase final depois de ter ficado de fora pela primeira vez em dez tentativas na época passada. O Riga, dois pontos à frente no início do jogo, ainda ganhou esperança quando um autogolo anulou o tento inaugural de Adolfo, mas após o intervalo Catela e Mamadou Touré colocaram o Barça no controlo da partida.

Os catalães resistiram, apesar de Thalles ter reduzido com o seu 15º golo na temporada. O Riga terminou a campanha com 70 golos, o segundo maior total numa época, apenas superado pelo do Action 21 Charleroi em 2003/04.

O Riga já havia produzido duas vitórias dramáticas por 5-4, derrotando o Etoile Lavalloise apesar de se ter visto em desvantagem no último minuto, com Thalles a fechar o resultado a seis segundos do fim. Depois, os letões também conseguiram recuperar frente ao Città di Eboli, com Ricardinho a marcar a 31 segundos do final, tornando-se assim o primeiro jogador a atingir os 60 golos nas competições de futsal de clubes da UEFA.

O Barça empatou 2-2 ante o Eboli na quarta-feira, quando Fabricio Calderolli empatou a 11 segundos do fim, mas na quinta-feira derrotou o Etoile Lavalloise por 7-0, com Pito e Adolfo a fazerem três golos. O Etoile Lavalloise derrotou Eboli por 4-0 na luta pelo terceiro lugar.

Quartos-de-final de 2021: Kairat 6-2 Benfica (ap)

Grupo B

O Benfica apurou-se para a fase final pelo quarto ano consecutivo, a um jogo do fim. Na quarta-feira, o vencedor de 2010 derrotou o Dobovec por 4-3, com Jacaré a marcar a oito segundos do final frente a uma equipa que as águias derrotaram por 8-1 na ronda principal. No mesmo dia, o antigo bicampeão Kairat Almaty derrotou o anfitrião Prishtina 01 por 11-2, com oito jogadores diferentes a marcarem.

Isso tornou o encontro de quinta-feira entre os dois antigos campeões crucial e o Benfica, que derrotou o Kairat por 2-1 em Almaty na época passada para se qualificar para a fase final a caminho do bronze, venceu por 3-2, aproveitando ao máximo uma grande entrada no jogo. As águias beneficiaram, depois de um empate 3-3 entre Dobovec e Prishtina para garantirem desde já a sua vaga na fase final.

Os encarnados terminaram a sua campanha com uma goleada por 10-1 frente ao Prishtina 01, ao passo que o Kairat despediu-se da sua 20ª participação (um recorde) com um gordo triunfo por 7-0 sobre o Dobovec.

Meias-finais de 2023: Sporting 7-1 Anderlecht

Grupo C

Finalista vencido na época passada, o Sporting, tal como o Barça, garantiu a 10ª presença em fases finais ao vencer por 4-1 o Anderlecht em Lisboa, este domingo, na terceira e última jornada. A jogar em casa, os leões entraram para o encontro em vantagem graças ao saldo de golos, depois de terem derrotado o Loznica-Grad 2018 por 9-1 e o Haladás por 7-2, e agora pretendem tornar-se no primeiro clube a chegar à final por quatro anos consecutivos.

O Anderlecht, que chegou à fase final pela primeira vez em 2022/23 antes de perder para o Sporting nas meias-finais, procurava a desforra dessa derrota depois de ter vencido por 5-2 o Haladás e por 8-1 o Loznica-Grad. A equipa sérvia terminou em terceiro, após vencer os representantes húngaros por 3-2 na derradeira jornada.

Grupo D

Depois de ter conquistado o título na estreia na temporada passada, o Palma está novamente na fase final e empatou 2-2 no sábado ante o FC Hit Kyiv para garantir a sua vaga, isto num jogo onde a equipa ucraniana precisava de uma vitória por dois golos para superar os anfitriões. Na quarta-feira, o Palma recuperou de uma desvantagem de 2-0 para vencer o Olmissum por 5-3 e na noite seguinte bateu o Lubawa por 3-1.

Esse resultado acabou com as esperanças da equipa polaca, que tinha derrotado o Hit Kyiv por 6-5 no jogo inaugural apesar de estar a perder por 4-1 a menos de quatro minutos do fim. Os campeões ucranianos ainda estão na disputa, contudo, ao voltarem a bater, na segunda jornada, uma equipa que já tinham vencido na fase principal, o Olmissum. Desta vez venceram por 4-3, com Volodymyr Ponochovnyi a marcar o golo do triunfo a dois segundos do final.

No entanto, o Hit ficou de fora no sábado, apesar de ter assumido a liderança e de Ponochovnyi ter empatado a dois minutos do fim. Antes disso, o Lubawa venceu o Olmissum por 7-2 para terminar em segundo.

Factos das equipas

  • O Palma conquistou o título na sua estreia na época passada. Barça, Benfica, Kairat e Sporting, finalista vencido em 2023, já ganharam esta competição.
  • O Anderlecht chegou às meias-finais pela primeira vez na época passada, tendo perdido contra o Sporting. O antigo Halle-Gooik é o único participante, para além dos cinco vencedores anteriores, que chegou à fase final a quatro.
  • O Kairat é o primeiro clube a participar em 20 épocas de competições de futsal da UEFA. O último compromisso da fase principal tornou-o no primeiro a disputar 100 jogos na competição de clubes de futsal da UEFA.
  • A vitória do Sporting sobre o Olmissum no último jogo da fase principal, por 6-2, permitiu-lhe igualar o recorde de 68 vitórias do Inter FS nas competições de futsal da UEFA e ultrapassar o antigo máximo do Inter de 410 golos (o Benfica tem agora 409). Nuno Dias, do Sporting, tornou-se também no primeiro treinador a conseguir 50 vitórias oficiais pelo mesmo clube (Jesús Velasco tem 60 vitórias, mas ao comando de várias equipas).
  • Equipas que passaram a fase preliminar: Lubawa, Prishtina 01 e Riga. É a primeira vez, no formato actual (desde 2017/18), que três equipas chegam à ronda de elite a partir da fase preliminar. O Lubawa apenas se qualificou nessa fase como melhor segundo classificado, terminando atrás do Prishtina 01 no seu grupo devido aos golos marcados.
  • Etoile Lavalloise, Hit Kyiv, Lubawa e Prishtina 01 estão nas épocas de estreia na Europa.
  • O Riga Futsal Club, que participou anteriormente como Petro-w, passou pela primeira vez à ronda de elite. Na fase preliminar, Ricardinho, contratado no Verão, marcou seis golos e chegou aos 55 na competição, ultrapassando o anterior recordista André Vanderlei. O astro português soma agora 59 tentos, após ter feito dez esta temporada, menos um do que o seu recorde pessoal em 13 campanhas, estabelecido ao serviço do Benfica em 2007/08.
  • O Riga marcou 58 golos em seis jogos esta época, o número mais elevado desde que o FC Dynamo fez 66 quando foi finalista vencido em 2004/05 (na época anterior, o Charleroi apontou um recorde de 76 golos).
  • Croácia, Kosovo, Letónia, Polónia, Sérvia, Eslovénia e Ucrânia nunca tiveram uma equipa na fase final a quatro pós-2007 no formato actual (embora o Dobovec tenha jogado na final fase única de oito equipas em 2020/21, o Shakhtar Donetsk tenha chegado às meias-finais jogadas a duas mãos de 2005/06 e, tanto o MNK Split da Croácia (que chegou às meias-finais) como o Clearex Chorzów da Polónia (eliminado na fase de grupos), tenham estado na fase final inaugural de oito equipas em 2001/02).