O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Leão afia as garras

O Sporting pode estar incluído num grupo complicado na Ronda de Elite da Taça UEFA de Futsal, mas na presente temporada ainda não perdeu qualquer ponto em Portugal e no estrangeiro.

Com a Ronda de Elite da Taça UEFA de Futsal a arrancar já no dia 4 de Dezembro, o uefa.com efectua uma análise mais aprofundada ao representante português na competição, o Sporting, equipa que, em 2001/02, chegou às meias-finais da primeira edição da prova por si organizada. Os "leões" viajam até à Rússia, onde enfrentarão o MFK Dinamo Moskva, que já alcançou a final em duas ocasiões, o conceituado FC Shakhtar Donetsk e os romenos do CIP Deva, num grupo onde apenas o primeiro classificado segue para a "final four", a disputar em Abril.

Registo perfeito
O Grupo B é assim, provavelmente, o mais forte dos quatro existentes, mas o excelente início de temporada do Sporting faz dos "leões" um dos principais candidatos ao apuramento. Para além de ter ultrapassado a Fase principal da Taça UEFA de Futsal só com vitórias (sobre FC Adana Yerevan, KMF Alfa Parf Skopje e Clearex Chorzów), com um total de 17 golos marcados, a turma de Alvalade venceu os sete jogos disputados até agora no campeonato português, entre eles um triunfo por 2-1 sobre o Benfica, arqui-rival e ex-finalista da Taça UEFA de Futsal. Na última semana, a turma leonina bateu o Boavista por 8-0, resultado que alcançou pela segunda vez nesta época.

Sucesso
A história do Sporting no futsal data de 1988, quando o consagrado clube fundado em 1906 se juntou à FIFA na decisão de reconhecer a modalidade. Desde então, o emblema de Lisboa venceu sete campeonatos nacionais (1992/93, 1993/94, 1994/95, 1998/99, 2000/2001, 2003/04 e 2005/2006), uma Taça de Portugal (2005/06) e duas SuperTaças (2001/02, 2003/04).

A chegada de Davi
Grande parte do êxito sportinguista deve-se ao treinador Paulo Fernandes. O técnico, de 41 anos, conquistou cinco troféus ao serviço do Sporting, depois de curtas passagens pelo Grupo Desportivo dos Bons Dias e pelo Brinca N'Areia FC. No que toca a jogadores-chave, o Sporting dispõe de talentos como Evandro, Zézito e Bibi, mas as atenções estão neste momento viradas para Davi, que ajudou o Action 21 Charleroi a vencer a edição de 2004/05 da Taça UEFA de Futsal, onde participou nos dois emocionantes jogos da final contra o Dínamo, depois de também ter marcado na vitória por 7-4 sobre o Sporting, na ronda anterior. O jogador de 27 anos deu seguimento às boas exibições em Portugal e já leva 12 golos apontados na presente época. O seu compatriota Adolfo Wulf, que também chegou ao clube no último Verão, tem revelado igualmente todo o seu talento.

Boa casta na baliza
A saída no final da última época do guarda-redes titular, João Benedito, para o bicampeão europeu Playas de Castellón FS, de Espanha, poderia ter representado um rude golpe nos campeões portugueses, mas Cristiano assumiu a posição e sofreu apenas dez golos nas sete partidas realizadas no campeonato, garantindo ao Sporting o melhor registo defensivo da prova.