Benfica derrotado pelo Dínamo em Zagreb

Uma grande penalidade de Bruno Petković fez a diferença na vitória do Dínamo Zagreb sobre o Benfica, por 1-0, na primeira mão dos oitavos-de-final.

Bruno Petković deu a vitória do Dínamo Zagreb na conversão de uma grande penalidade
Bruno Petković deu a vitória do Dínamo Zagreb na conversão de uma grande penalidade ©AFP/Getty Images

Uma grande penalidade apontada por Bruno Petković, perto do intervalo, fez a diferença na vitória do Dínamo Zagreb sobre o Benfica, por 1-0, na primeira mão dos oitavos-de-final.

As "águias" criaram a primeira jogada de perigo logo aos sete minutos, com Filip Krovinović a desmarcar Alex Grimaldo, mas Dominik Livaković evitou o golo com uma boa defesa. A equipa da casa respondeu com dois remates de meia-distância, por Mislav Oršić e de Dani Olmo, antes de Odisseas Vlachodimos mostrar bons reflexos aos 29 minutos ao desviar um livre de Damian Kądzior.

A oito minutos do intervalo, Olmo caiu em luta com Rúben Dias no limite da grande área Bruno Petković não perdoou na conversão da grande penalidade, deixando o Dínamo Zagreb a vencer por 1-0 à saída para os balneários.

©Getty Images

O segundo tempo foi menos animado e muito jogado a meio campo, sem lances de grande perigo para ambas as balizas. Grimaldo tentou o empate para o Benfica de livre e, nos descontos, o suplente Mario Šitum, de cabeça, ficou perto de fazer o segundo golo do Dínamo. O resultado de 1-0 deixa tudo em aberto para a segunda mão na Luz.

FIGURA: Odysseas Vlachodimos (Benfica)

O guarda-redes grego fez um punhado de boas intervenções e foi o grande responsável por a equipa de Bruno Lage regressar a Lisboa com desvantagem tangencial, perfeitamente anulável na segunda mão.

MOMENTO: Grande penalidade

Foi o momento que acabou por decidir o encontro. Chamado à conversão, Petković atirou ao centro da baliza e marcou o seu segundo golo europeu.

Topo