O "site" oficial do futebol europeu

Históricos com tarefa difícil

Publicado: Quinta-feira, 20 de Agosto de 2009, 23.30CET
Algumas das melhores equipas do Velho Continente estiveram esta quinta-feira em acção no "play-off" da UEFA Europa League. AEK, Aston Villa e Estrela Vermelha perderam.
Históricos com tarefa difícil
Os jogadores do Brondby festejam ©Getty Images
 
Publicado: Quinta-feira, 20 de Agosto de 2009, 23.30CET

Históricos com tarefa difícil

Algumas das melhores equipas do Velho Continente estiveram esta quinta-feira em acção no "play-off" da UEFA Europa League. AEK, Aston Villa e Estrela Vermelha perderam.

Algumas das melhores equipas do Velho Continente estiveram esta quinta-feira em acção, na esperança de ascender à fase de grupos da UEFA Europa League. Enquanto se assistiram a alguns triunfos confortáveis, casos de AFC Ajax, Hamburger SV e FC Shakhtar Donetsk, vencedor da derradeira edição da Taça UEFA, outros, como AEK Athens FC, Aston Villa FC, FK Crvena Zvezda e AS Roma, tiveram uma jornada complicada.

Triunfo do Vaslui
Talvez a maior surpresa da noite tenha acontecido na Roménia, onde o SC Vaslui (do português Hugo Luz, não convocado) venceu o AEK, por 2-1, graças a golos em cada uma das partes, ambos da autoria do brasileiro Wesley (ex-Leixões), o último de penalty a sete minutos do fim. Fundado em 2002, a primeira experiência do Vaslui aconteceu na época passada, quando foi afastado na primeira eliminatória da Taça UEFA, mas agora vai tentar completar um sucesso histórico na capital grega, na próxima quinta-feira.

Oponentes ilustres
Na qualidade de antigos campeões europeus, as derrotas de Villa e Estrela Vermelha são ainda mais surpreendentes, sendo que enquanto a formação inglesa perdeu por apenas 1-0 em casa do SK Rapid Wien, o conjunto sérvio perdeu fora por 3-0 frente ao SK Slavia Praha. O Villa foi batido graças a um golo de Nikica Jelavić, de cabeça, logo aos 40 segundos, enquanto o Estrela Vermelha, vencedor da edição 1990/91 da Taça dos Clubes Campeões Europeus, permitiu dois golos a Zdeněk Šenkerik e um a Stanislav Vlček, suplente utilizado, já na parte final. Por seu lado, a Roma desperdiçou uma vantagem de dois golos na Eslováquia, com um "bis" na segunda parte de Ján Novák a valer ao MFK Košice um empate a três bolas, mantendo vivas as hipóteses de apuramento.

Alegria germânica
A S.S. Lazio, rival citadino dos "giallorossi", desfrutou de 90 minutos mais tranquilos, desembaraçando-se facilmente dos suecos do IF Elfsborg (que tinham eliminado o Sporting de Braga na ronda anterior), por 3-0. Os compatriotas do Genoa CFC também venceram, por 3-1, em casa, frente ao Odense BK, mas o sucesso da dupla italiana foi menor quando comparado com a eficácia dos alemães do Hamburger SV e do Werder Bremen. Mladen Petrić fez um "hat-trick" na vitória do Hamburgo por 5-1 em casa do EA Guingamp, enquanto o Bremen vergou o FK Aktobe a uma goleada por 6-3, com Hugo Almeida a fazer um dos golos. Sorte diferente teve o Hertha BSC Berlin, derrotado por 2-1 no terreno do Brøndby IF.

"Poker" de Suárez
Com o Guingamp a sofrer um enorme revés, coube a Toulouse FC e LOSC Lille Métropole salvar o orgulho francês, sendo que ambas as equipas estiveram à altura dos acontecimentos. André-Pierre Gignac marcou por duas vezes na vitória por 3-1 em casa do Trabzonspor, enquanto o Lille venceu por 2-1 os vizinhos belgas do KRC Genk. Os colossos holandeses PSV Eindhoven e Ajax também se exibiram a bom nível, com o PSV a vencer por 1-0 o Bnei Yehuda Tel-Aviv FC (que tinha eliminado o Paços de Ferreira) fora de casa e Luis Suárez a contribuir com quatro golos na goleada caseira do Ajax, por 5-0, frente ao ŠK Slovan Bratislava. Também na Holanda, o FC Twente (eliminado pelo Sporting na terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League) deu a volta a uma desvantagem madrugadora frente aos desconhecidos do FK Qarabağ, acabando por vencer por 3-1.

Vingança do Shakhtar
Tal como o Ajax, o Galatasaray AŞ também facturou por cinco vezes e não sofreu golos frente aos visitantes do FC Levadia Tallinn, verificando-se vitórias caseiras por 4-0 nos encontros entre Everton FC e SK Sigma Olomouc e NK Dinamo Zagreb e Heart of Midlothian FC. Afastado na terceira pré-eliminatória da UEFA Champions League, o Shakhtar respondeu com um triunfo por 3-0 em casa do Sivasspor, o mesmo sucedendo com o Valencia CF (Miguel alinhou os 90 minutos e Manuel Fernandes não foi convocado), que se deslocou até ao terreno do Stabæk IF. O Athletic Club Bilbao averbou uma vitória curta no seu próprio estádio, por 3-2, sobre o Tromsø IL, enquanto os compatriotas do Villarreal CF receberam e venceram o NAC Breda, por 3-1. Para saber todos os resultados desta noite, clique aqui.

Última actualização: 21-08-09 1.35CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/newsid=875838.html#historicos+tarefa+dificil