O "site" oficial do futebol europeu

Spasov quer surpreender PSV

Publicado: Quarta-feira, 5 de Agosto de 2009, 14.20CET
Outrora figura no campeonato português e agora treinador dos búlgaros do Cherno More, Nikola Spasov espera que a sua equipa "tenha a sorte do seu lado" quando receber o PSV Eindhoven.
por Stoyan Georgiev
de Sófia
Spasov quer surpreender PSV
Nikola Spasov: "Precisamos de boas exibições e alguma sorte" ©Meridian Match
 
Publicado: Quarta-feira, 5 de Agosto de 2009, 14.20CET

Spasov quer surpreender PSV

Outrora figura no campeonato português e agora treinador dos búlgaros do Cherno More, Nikola Spasov espera que a sua equipa "tenha a sorte do seu lado" quando receber o PSV Eindhoven.

Outrora figura no campeonato português e agora treinador do PFC Cherno More Varna, Nikola Spasov espera que, ao contrário do que aconteceu no passado, a sua equipa "tenha a sorte do seu lado" no confronto com o PSV Eindhoven.

Quase...
Quando Dirk Marcellis marcou, em tempo de desconto, o golo que deu a vitória caseira (1-0) ao PSV na passada quinta-feira, pareceu que a história se estava a repetir para o conjunto búlgaro. Na Taça Intertoto de 2007, o Cherno More empatou com a UC Sampdoria a zero, em casa, até que um golo tardio de Mario Gómez, deu a vitória por 2-1 ao VfB Stuttgart no jogo disputado na Alemanha.

Causar problemas
"Talvez a sorte esteja do nosso lado desta vez", afirmou o técnico de 51 anos ao uefa.com. "Pergunto-me porque sofremos estes golos tardios. Por norma, costumamos jogar bem na segunda mão, mas não sabíamos nada sobre o PSV antes desta primeira mão. Agora, temos uma ideia clara do que eles valem. Jogamos em casa e esperamos causar problemas".

"Necessário mais"
O antigo avançado abordou a derrota de Eindhoven: "O nosso guardião, Ilko Pirgov, fez algumas defesa incríveis, mas é necessário algo mais para bater o PSV. Trata-se de uma grande equipa, antiga campeã europeia. Ainda temos hipóteses de seguir em frente, mas precisamos de grandes exibições e alguma sorte".

Importância da experiência
O Cherno More ficou num excelente terceiro lugar na Bulgária, na passada temporada, sendo que muitos atribuem a Spasov o mérito de garantir a contratação de jogadores experientes como Aleksandar Alexandrov, Georgi Iliev, Atanas Bornosuzov e Milen Petkov. "O treinador apenas pode tentar orientar os jogadores; os lideres no relvado podem mudar as coisas", afirmou.

Continuidade
Spasov também beneficiou muito por se manter no clube desde 2007: "É raro que na Bulgária o treinador fique no clube por mais de dois anos. Talvez seja devido ao respeito existente entre os jogadores e eu. Todos querem melhorar e dar o melhor".

Experiência portuguesa
O técnico também sente que aprendeu bastante em Portugal, onde representou clubes como o Paços de Ferreira e o Beira-Mar. "Aprendi muito em Portugal. Aprendi a ser mais calmo, depois de ter problemas com treinadores e árbitros. Mudei ao longo dos anos e isso ajudou-me no banco".

Última actualização: 06-08-09 20.07CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/newsid=869816.html#spasov+quer+surpreender+psv