O "site" oficial do futebol europeu

Depor travado na Noruega

Publicado: Sexta-feira, 19 de Setembro de 2008, 0.31CET
A formação da Corunha foi a única equipa espanhola a perder na Taça UEFA, enquanto o Sevilha entrou com o pé direito na prova. O Racing Santander teve uma estreia vitoriosa.
Depor travado na Noruega
Diego Capel (o segundo à direita) é congratulado após marcar para o Sevilha ©Getty Images
 
Publicado: Sexta-feira, 19 de Setembro de 2008, 0.31CET

Depor travado na Noruega

A formação da Corunha foi a única equipa espanhola a perder na Taça UEFA, enquanto o Sevilha entrou com o pé direito na prova. O Racing Santander teve uma estreia vitoriosa.

O Sevilla FC entrou com o pé direito na Taça UEFA, prova que procura vencer pela terceira vez em apenas quatro anos, ao bater, em casa, o FC Salzburg. O estreante Real Racing Club Santander também entrou a ganhar nas competições europeias, enquanto a má notícia da noite em Espanha ficou guardada para os adeptos do RC Deportivo La Coruña. Os galegos perderam na Noruega, com o SK Brann, por 2-0, e vão ter uma tarefa muito complicada na segunda mão da primeira eliminatória.

Sevilla FC 2-0 FC Salzburg
Um golo em cada parte foi o suficiente para o Sevilha, que venceu a Taça UEFA em 2005/06 e 2007/08 e que no ano passado não defendeu o troféu apenas por ter estado em acção na UEFA Champions League. Diego Capel deu vantagem aos andaluzes logo aos seis minutos, após cruzamento de Jesús Navas. Alexander Zickler esteve perto de empatar para o Salzburgo pouco depois, antes de Capel e Luis Fabiano desperdiçarem outras ocasiões para a equipa da casa. Andrés Palop ainda teve de se esforçar para travar uma tentativa de Christoph Leitgeb, aos 60 minutos, mas seria o Sevilha a garantir um resultado mais descansado, com Adriano a marcar já em período de compensação.

SK Brann 2-0 RC Deportivo La Coruña
Depois de ter atingido a fase de grupos da Taça UEFA na época passada, à custa do Club Brugge KV, o Brann parece estar bem encaminhado para repetir o feito, depois de uma extraordinária exibição de contra-ataque na Noruega. A equipa da casa chegou ao primeiro golo quando estavam decorridos 25 minutos, com Olafur Örn Bjarnason a converter uma grande penalidade a castigar falta sobre Erlend Hanstveit. Apenas 14 minutos depois, o remate de Jan Gunnar Solli iludiu, de alguma forma, o guarda-redes do Deportivo, Daniel Aranzubia, e o Brann chegou ao segundo golo. Ambas as equipas tiveram oportunidades na segunda parte, a melhor das quais a pertencer a Erik Huseklepp, enquanto o Depor, um dos vencedores da Taça Intertoto, ainda tentou responder por Alberto Lopo, mas Kenneth Udjus defendeu para canto. O português Zé Castro ficou no banco do Depor.

Real Racing Club Santander 1-0 FC Honka Espoo
O Racing conseguiu uma curta vantagem para defender na Finlândia, dentro de 15 dias, graças a um golo de Jonathan, aos 57 minutos, que ditou a estreia vitoriosa da equipa na Taça UEFA. O clube espanhol, com Jorge Gonçalves no "onze", apenas tinha participado da Taça Intertoto de 2003, enquanto o Honka, que teve de ultrapassar duas eliminatórias até chegar a este patamar, conseguiu ter muita posse de bola na primeira parte. No entanto, os finlandeses não encontraram o caminho para a baliza adversária e foram penalizados quando o avançado Jonathan deu o melhor seguimento a um passe de Juanjo.

Última actualização: 19-09-08 1.13CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/newsid=752328.html#depor+travado+noruega