O "site" oficial do futebol europeu

Escandinavos com pontaria afinada

Publicado: Sexta-feira, 1 de Agosto de 2008, 8.00CET
Ronda de jogos Norte: Os clubes escandinavos estiveram em destaque, com Kalmar, Midtjylland e Copenhaga a revelarem uma enorme fome de golos.
Escandinavos com pontaria afinada
Christian Seargeant (à esquerda) luta com Christian Sivabæk, do Midtjylland ©AFP
 
Publicado: Sexta-feira, 1 de Agosto de 2008, 8.00CET

Escandinavos com pontaria afinada

Ronda de jogos Norte: Os clubes escandinavos estiveram em destaque, com Kalmar, Midtjylland e Copenhaga a revelarem uma enorme fome de golos.

Os clubes escandinavos estiveram em destaque nesta ronda, com o Kalmar FF, o FC Midtjylland e o FC København a conseguirem atingir a dezena de golos nos dois jogos da primeira pré-eliminatória da Taça UEFA. Os dinamarqueses do Midtjylland e os suecos do Kallmar, que lideram o campeonato local, conseguiram marcar dez golos, mas nem assim conseguiram atingir a capacidade goleadora do Copenhaga, que bateu o FC Cliftonville por 7-0, conseguindo um resultado total de 11-0.

Manchester City FC 2-0 EB/Streymur (total: 4-0)
A extraordinária exibição do guarda-redes do EB/Streymur, René Torgard, não foi suficiente para a equipa das Ilhas Faroé evitar a derrota no encontro que teve lugar no recinto do Barnsley FC. A equipa orientada por Mark Hughes criou inúmeras oportunidades de golo, mas só ganhou vantagem aos 2 minutos do segundo tempo, quando Martin Petrov, que marcou na primeira mão e tinha enviado uma bola ao poste antes do intervalo, correspondeu da melhor forma a um cruzamento de Darius Vassell. Os ingleses continuaram a dominar o encontro e o segundo golo surgiu quando Vassell contornou Torgard e fez o resultado final, numa eliminatória fácil para a equipa que só garantiu a presença na prova devido ao ranking Fair Play da UEFA.

FC Midtjylland 4-0 Bangor City FC (total: 10-1)
O Midtjylland apresentou uma equipa profundamente renovada em relação à que alinhou na primeira mão, mas isso não impediu que os dinamarqueses voltassem a golear os galeses do Bangor City. Depois de uma vitória por 6-1 na primeira mão, o treinador do Midtjylland, Thomas Thomasberg, optou por poupar alguns dos habituais titulares e foi Jude Ikechukwu Nworuh, um dos jogadores menos utilizados, que aproveitou para brilhar, marcando os dois primeiros golos do encontro, aos 3 e aos 36 minutos. Christian Sivebæk, que há poucos dias regressou de um empréstimo ao Skive IK, fez o 3-0 (56'), antes de Babjide Collins Babatunde (77') marcar o décimo golo do Midtjylland na eliminatória.

FC København 7-0 Cliftonville FC (total: 11-0)
José Junior marcou dois golos no Parken Stadium, num encontro em que o Copenhaga voltou a ser implacável para os visitantes da Irlanda do Norte. Os anfitriões, que atingiram a fase de grupos da UEFA Champions League em 2006/07, marcaram três golos nos primeiros 30 minutos, graças a Ailton Almeida, Júnior e Atiba Hutchinson. No reinício, os dinamarqueses voltaram a ser demolidores e com golos de William Kvist, Morten Nordstrand, Thomas Kristensen e Junior, nos primeiros 15 minutos, ofereceram mais uma goleada ao treinador Ståle Solbakken.

CS Grevenmacher 1-5 FH Hafnarfjördur (total: 3-8)
O Hafnarfjördur marcou quatro golos sem resposta na segunda parte e afastou o Grevenmacher, que foi o vencedor da Taça do Luxemburgo. Após um triunfo por 3-2, os islandeses tinham apenas um golo de vantagem da primeira mão e o equilíbrio manteve-se até ao intervalo, com Matthias Vilhjalmsson a inaugurar o marcador para a equipa da casa, mas com Sébastien Hoffmann a restabelecer o empate. No segundo tempo, o Hafnarfjördur aumentou o ritmo e conseguiu um triunfo fácil, com um golo de Atli Gudnason, um bis de Tryggvi Gudmundsson e um remate certeiro de Björn Daniel Sverrisson ao cair do pano.

Viking FK 2-0 FK Vėtra (total: 2-1)
O capitão Nicolaj Stokholm marcou dois golos e permitiu ao Viking dar a volta à eliminatória. Depois de terem perdido o jogo da primeira mão, por 1-0, na Lituânia, os noruegueses precisaram apenas de três minutos para igualar a eliminatória, com Stokholm a marcar na execução de um livre directo. O Viking continuou a pressionar e foi recompensado a 11 minutos do intervalo, quando Alexander Ødegaard foi derrubado na área e Stokholm converteu a grande penalidade. O Vėtra teve algumas oportunidades no segundo tempo, mas nunca conseguiu bater Thomas Myhre na baliza do Viking.

Kalmar FF 7-1 FC Racing Union Luxembourg (total: 10-1)
O Kalmar, que lidera o campeonato sueco, conseguiu mais uma goleada, não sentindo dificuldades em passar à próxima ronda. David Elm colocou a equipa da casa em vantagem aos três minutos, com o defesa Marcus Lindberg a aumentar a vantagem logo a seguir e Erik Israelsson a fazer subir o resultado para 3-0 nos últimos instantes do primeiro tempo. No reinício, Abiola Dauda fez o quarto golo dos suecos, que marcaram mais três golos em cinco minutos, à passagem da hora de jogo, através de Stefan Larsson e de Daniel Sobralense, que bisou. O golo de honra dos visitantes do Luxemburgo foi marcado por Sully Bilon já em tempo de compensação.

ÍA Akranes 2-1 FC Honka Espoo (total: 2-4)
O triunfo do Akranes não foi suficiente para garantir a continuidade na prova, pois, há duas semanas, os islandeses tinham perdido por 3-0 na primeira mão. Helgi Pétursson colocou a equipa da casa em vantagem aos 15 minutos e as esperanças da qualificação cresceram quando Björn Bergmann Sigurdsson, com mais um cabeceamento, fez o 2-0 no início do segundo tempo. O Akranes pressionou em busca do terceiro golo que lhe permitiria igualar a eliminatória, mas o último tento do encontro foi marcado pelos visitantes, com Jussi Vasara a confirmar o apuramento do Honka.

SK Liepajas Metalurgs 2-0 Glentoran FC (total: 3-1)
O guarda-redes suplente do Metalurgs, Viktors Spole, defendeu uma grande penalidade e Girts Karlsons marcou dois golos, levando os vice-campeões da Letónia a passarem à ronda seguinte, isto apesar de terem terminado o encontro com dez jogadores. Aleksejs Krucs foi expulso aos três minutos de jogo, devido a uma falta sobre Jason Hill, mas o seu substituto, Spole, defendeu o penalty de Hill, evitando que a equipa da casa ficasse em desvantagem na eliminatória. Motivada pela sua capacidade de resistência, a equipa da casa ganhou vantagem aos 21 minutos, com Karlsons a marcar num cabeceamento na sequência de um pontapé de canto. No segundo tempo, os visitantes da Irlanda do Norte tentaram assumir o controlo do jogo, mas sem sucesso, com Karlsons a fazer o 2-0 aos 86 minutos e a garantir o apuramento do Metalurgs. O Glentoran terminou o jogo com nove jogadores, depois de Mateus Burrows e Shane McCabe terem sido expulsos nos últimos minutos.

B36 Tórshavn 0-2 Brøndby IF (total: 0-3)
O Brøndby conseguiu uma vitória fácil sobre o B36, graças aos golos de Daniel Wass e Samuel Holmén, no encontro disputado num relvado sintético na capital das Ilhas Faroé. O Torshavn adoptou uma postura defensiva no primeiro tempo, mas teve de mudar a táctica depois de ter sofrido o primeiro golo seis minutos depois do intervalo, quando o guarda-redes Meinhardt Joensen avaliou mal um livre de Wass, que entrou no ângulo superior da sua baliza. A equipa da casa só conseguiu criar algum perigo com um livre de Magnus Olsen a 25 metros da baliza, mas a três minutos do final o Brøndby aumentou a vantagem com um remate à queima-roupa de Holmén.

Saint Patrick's Athletic FC 2-0 JFK Olimps (total: 3-0)
O St Patrick conseguiu uma passagem fácil à segunda pré-eliminatória da Taça UEFA com uma vantagem de 3-0 sobre os letões do Olimps. Depois de ter triunfado por 1-0 na primeira mão, em Riga, o clube de Dublin controlou todo o jogo em Richmond Park e ganhou vantagem aos 41 minutos, quando o capitão Jamie Harris aproveitou um cruzamento de Keith Fahey para marcar um golo de cabeça. O Olimps foi quase inofensivo e só testou o guarda-redes Barry Ryan aos 53 minutos, quando Igors Tarasovs tentou a sorte na marcação de um livre. Quando faltavam 20 minutos para o final, Alens Snelnikovs derrubou Glenn Fitzpatrick e Mark Quigley converteu a grande penalidade, confirmando o apuramento dos irlandeses.

FC Flora 2-2 Djurgårdens IF (total: 2-2, Djurgården apurado devido aos golos marcados fora)
O guarda-redes Pa Dembo Touray realizou uma defesa soberba já em período de compensação, negando o "hat-trick" ao suplente Sander Post e impedindo o triunfo do Flora, possibilitando que o Djurgården continuasse em prova devido aos golos marcados fora de casa. Depois do nulo na primeira mão, o Djurgården ganhou vantagem aos 23 minutos, com Jones Kusi-Asare a fazer o cruzamento que permitiu ao avançado brasileiro Enrico Cardoso Nazaré inaugurar o marcador. No nono minuto do segundo tempo, Prince Ikpe Ekong fez o 2-0 na conclusão de uma boa jogada colectiva. A resposta da equipa da Estónia começou aos 71 minutos, quando Post tentou Touray com um cabeceamento, mas o avançado conseguiu marcar dois golos em 90 segundos e provocou incerteza quanto ao desfecho da eliminatória. Nos instantes finais, o guarda-redes venceu mais um duelo com o atacante e salvou a equipa sueca.

The New Saints FC 0-1 FK Sūduva (total: 0-2)
O Sūduva repetiu a proeza da primeira mão e afastou o New Saints das competições europeias. O extremo Ivans Lukjanovs fez o único golo do encontro a cinco minutos do final do encontro disputado em Latham Park, em Newtown, possibilitando o apuramento dos lituanos com um resultado total de 2-0. O Sūduva também viu uma jogada de golo iminente ser anulada sobre a linha de baliza, mas tem de agradecer a qualificação ao guarda-redes Armantas Vitkauskas, que evitou os golos de Thomas Holmes e Alfonso Carter. Os antigos campeões galeses nunca conseguiram ultrapassar uma eliminatória em dez participações nas competições europeias.

FC Haka 4-0 Cork City FC (total: 6-2)
O Haka marcou dois golos nos primeiros 15 minutos e partiu para um triunfo tranquilo sobre o Cork. Toni Lehtinen foi o arquitecto dos golos de Janne Mahlakaarto (10') e Valeri Popovich (15') , que colocaram a equipa da casa com dois golos de vantagem na eliminatória. A equipa finlandesa manteve o domínio no segundo tempo e conseguiu uma goleada em Valkeakoski graças a mais dois golos de Mikko Manninen e Valeri Minkenen.

Conteúdos relacionados
Última actualização: 01-08-08 10.08CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/newsid=736202.html#escandinavos+pontaria+afinada