Brann luta pela honra norueguesa

O Brann vai procurar terminar com a decepcionante série de resultados das equipas norueguesas na fase de grupos da Taça UEFA quando receber o Hamburgo.

Sessão de treino do Brann
Sessão de treino do Brann ©Getty Images

O SK Brann vai procurar terminar com uma decepcionante série de resultados das equipas norueguesas na fase de grupos da Taça UEFA quando receber o Hamburger SV, um dos resistentes da Taça Intertoto, no Grupo D.

• As duas equipas nunca se defrontaram nas competições europeias de clubes.

• O Brann apenas por uma ocasião defrontou uma equipa alemã, quando, na primeira eliminatória da Taça UEFA de 1998/99, defrontou o Werder Bremen, tendo perdido fora por 4-0 e ganho em casa por 2-0.

• A única vez que o Hamburgo defrontou uma equipa norueguesa aconteceu na fase de grupos da Taça UEFA de 2005/06, onde venceu em casa o Viking FK, de Stavanger. Por isso, este será o primeiro jogo oficial em solo norueguês.

• O treinador do Brann, Mons Ivar Mjelde, nunca defrontou equipas da Bundesliga, mas como antigo ponta-de-lança tem um bom conhecimento do idioma alemão, por ter representado durante duas épocas os austríacos do FK Austria Wien.

• Dois dos jogadores do Brann possuem experiência do futebol alemão. O defesa Hassan El Fakiri, de origem marroquina mas internacional norueguês, passou as duas últimas temporadas no VfL Borussia Mönchengladbach, enquanto o também internacional Azar Karadas cumpriu igualmente a última campanha na Alemanha, actuando no 1. FC Kaiserslautern, emprestado pelo Benfica.

• O Brann é a terceira equipa norueguesa a chegar à fase de grupos da Taça UEFA, depois de, tanto o Viking como o Trømso IL terem competido na época 2006/07. O Viking venceu um jogo, empatou outro e perdeu dois encontros, ao passo que o Trømso venceu um e perdeu os restantes três jogos do seu grupo.

• O Brann tem sido mais perigoso fora de casa na presente edição da Taça UEFA, tendo ganho os três encontros que cumpriu na condição de visitante – e com um resultado total de 14-4 –, comparado com as duas vitórias e uma derrota registadas em casa, cujo total é de 8-5.

• Um triunfo por 1-0 no reduto do PFC Litex Lovech, na primeira eliminatória, terminou com uma série de nove desafios consecutivos do Hamburgo sem vencer fora de casa, desde que ganhou no campo do PFC CSKA Sofia, por 1-0, em jogo da primeira jornada da fase de grupos da Taça UEFA de 2005/06.

• No outro jogo do Grupo D, o FC Basel 1893 recebe o Stade Rennais FC.

Topo