O "site" oficial do futebol europeu

Nórdicos em boa forma

Publicado: Sexta-feira, 3 de Agosto de 2007, 0.25CET
Os clubes escandinavos estiveram em grande, com o Odense a conseguir a maior goleada da jornada na segunda mão da primeira pré-eliminatória da Taça UEFA.
 
Publicado: Sexta-feira, 3 de Agosto de 2007, 0.25CET

Nórdicos em boa forma

Os clubes escandinavos estiveram em grande, com o Odense a conseguir a maior goleada da jornada na segunda mão da primeira pré-eliminatória da Taça UEFA.

Os clubes escandinavos tiveram uma excelente jornada de encerramento da primeira pré-eliminatória da Taça UEFA. Os suecos do BK Häcken, os finlandeses do FC Haka e os dinamarqueses do FC Midtjylland garantiram um lugar no sorteio da próxima ronda, que está marcado para sexta-feira. A maior goleada da jornada no Norte da Europa foi conseguida pelo Odense BK que bateu o Saint Patrick's Athletic FC por 5-0

Odense BK 5-0 Saint Patrick's Athletic FC (total: 5-0)
A equipa da casa conseguiu uma excelente exibição e não teve dificuldades em golear o St. Patrick. Os dinamarqueses inauguraram o marcador aos 19 minutos, quando Hans Henrik Adreasen correspondeu da melhor forma a um cruzamento de Jonas Borring. Ao intervalo a vantagem do Odense já tinha subido para 3-0, já que Chris Sørensen marcou dois pontapés de canto que renderam dois golos. Os cabeceamentos certeiros pertenceram a Kim Christensen, aos 29 minutos, e a Borring, aos 44'. Christensen bisou aos 73 minutos e o resultado final de 5-0 foi estabelecido pelo suplente Peter Nymann, aos 88 minutos.

KR Reykjavík 0-1 BK Häcken (total: 1-2)
O empate a um golo que o KR conseguiu na Suécia revelou-se inútil para a equipa islandesa que, a jogar em casa, não evitou a derrota. As duas equipas nunca deixaram de procurar o golo, mas o encontro da segunda mão parecia condenado a terminar num nulo. Este cenário colocava a turma da casa na ronda seguinte, devido ao golo marcado fora, mas o sonho esfumou-se a sete minutos do final. O brasileiro Paulo José de Oliveira bateu o guarda-redes Stefán Logi Magnússon e colocou a formação sueca na segunda pré-eliminatória.

JK Trans Narva 0-3 Helsingborgs IF (total: 0-9)
Apesar de não contar com muitos dos habituais titulares, o Helsingborg venceu tranquilamente em Tallinn por 3-0, acumulando uma vantagem total de 9-0 na eliminatória. O defesa-direito Erik Wahlstedt, aproveitou um cruzamento de Fredrik Svanbäck para abrir o marcador aos 17 minutos. O médio Svanbäck também marcou, aos 32 minutos, e fez o 2-0 com um forte remate. O resultado final foi estabelecido pelo jovem Mathias Unkuri, de apenas 19 anos.

AIK Solna 4-0 Glentoran FC (total: 9-0)
O AIK, que já tinha marcado cinco golos na primeira mão, não sentiu dificuldades para voltar a golear o Glentoran. A equipa da Irlanda do Norte ficou em desvantagem aos sete minutos, devido a um golo de Gabriel Özkan. O jogo e a eliminatória ficaram totalmente decididos aos 23 minutos, quando Patrik Karlsson aumentou a vantagem da equipa da casa. Alexander Gerndt fez o 3-0 a três minutos do final e restou ainda tempo para Dulee Johnson marcar o quarto golo no último minuto. "Fizemos a nossa obrigação e com algum brilhantismo", comentou o treinador do AIK, Rikard Norling.

FK Ekranas 3-2 B36 Tórshavn (total: 6-3)
O Ekranas repetiu a proeza da primeira mão e voltou a marcar três golos ao B36. A equipa da casa ganhou vantagem no terceiro minuto da segunda parte, quando Andrius Sidiauskas fez um cruzamento que levou a bola a entrar na baliza da equipa das Ilhas Faroé. Numa boa jogada individual, Povilas Lukšys ultrapassou dois defesas e aumentou a vantagem da equipa lituana. Os visitantes reagiram e chegaram ao empate, os golos de Bergur Midjord e Fródi Benjaminsen pareciam levar o jogo para um empate. Lukšys teve ainda teve tempo para voltar a marcar e garantir o triunfo do B36.

Drogheda United FC 3-0 SP Libertas (total: 4-1)
Dois golos de Paul Keegan e um cabeceamento certeiro de Stuart Byrne garantiram uma vitória tranquila e apuraram o Drogheda para o sorteio de sexta-feira. Keegan tranquilizou os adeptos que estiveram no Dalymount Park quando, aos 12 minutos, inaugurou o marcador com um remate a mais de 20 metros da baliza. O centrocampista voltou a marcar, no quarto minuto do segundo tempo, na conclusão de uma bela jogada colectiva. A equipa de San Marino nunca conseguiu dar réplica aos anfitriões e ainda sofreu mais um golo, com Byrne a marcar num cabeceamento à queima-roupa.

FC Haka 2-0 Rhyl FC (total: 3-3, o Haka é apurado devido aos golos marcados fora)
O Haka conseguiu o resultado que precisava para passar à segunda pré-eliminatória, anulou a desvantagem que trouxe da primeira mão e garantiu o apuramento devido ao golo que tinha conseguido marcar no País de Gales. O jogo decidiu-se num período muito curto, aos 63 minutos Mikko Innanen colocou a equipa da casa em vantagem e, dois minutos depois, Valeri Popovits fez o 2-0 final. "Tudo correu como planeado", explicou o treinador Olli Huttunen.

SK Brann 6-3 Carmarthen Town AFC (total: 14-3)
A eliminatória tinha ficado decidida na primeira mão, quando o Brann foi ganhar ao País de Gales por 8-0 mas, no segundo jogo, os noruegueses voltaram a não ter piedade da defesa do Carmarthen. Petter Vaagan Moen abriu o activo aos nove minutos e a equipa da casa rapidamente chegou aos 4-0, Armann Björnsson marcou aos 18 minutos e Robbie Winters bisou aos 27 e aos 32. Os visitantes ainda tentaram responder e reduziram para 4-2, com golos de Danny Thomas e Tim Hicks. Rapidamente o marcador voltou a desequilibrar-se, o Brann fez dois golos num minuto, através de Kristjan Örn Sigurdsson e Erlend Hanstveit. Num jogo que teve nove golos, a contagem foi fechada por Hicks que, no último minuto, marcou o terceiro golo dos galeses.

Vålerenga IF 1-0 FC Flora (total: 2-0)
Um golo de Morten Berre, nos últimos minutos, confirmou a presença do Vålerenga no sorteio de sexta-feira. A equipa da casa estava em vantagem, depois de ter triunfado em Talin, na primeira mão, mas este jogo revelou-se competitivo e tenso, com poucas oportunidades de golo. Berre mostrou oportunismo na jogada do golo, foi o mais rápido a reagir a uma tentativa de chapéu de Freddy Dos Santos, que fez a bola esbarrar na trave. Anteriormente, Berre já tinha desperdiçado uma boa oportunidade quando, aos 87 minutos, não aproveitou uma espectacular jogada de Dos Santos.

EB/Streymur 1-1 Myllykosken Pallo-47 (total: 1-2)
O resultado deste jogo poderia ter sido bem diferente se o guarda-redes do MyPa, Janne Korhonen, não tivesse defendido uma grande penalidade de Hans Pauli Samuelsen à passagem dos 60 minutos. Curiosamente foi a equipa visitante que criou as primeiras oportunidades, o paraguaio Hugo Miranda atirou ao poste na execução de um livre e, aos 71 minutos, Tuomas Kuparinen inaugurou o marcador, dando aos finlandeses uma vantagem de dois golos na eliminatória. A equipa da casa ainda chegou ao empate, mas o golo de Karoly Potemkin foi insuficiente para os representantes das Ilhas Faroé discutirem a passagem à segunda pré-eliminatória.

FK Sūduva 4-0 Dungannon Swifts FC (total: 4-1)
O Sūduva, que tinha perdido por 1-0 na primeira mão, conseguiu dar a volta à eliminatória e tem de agradecer ao inspirado Andrius Urbsys. Os anfitriões controlaram todo o jogo, mesmo depois de terem ficado reduzidos a dez jogadores, devido à expulsão de Willer Souza Oliveira, a um minuto do intervalo. Nessa altura a equipa da casa já estava em vantagem pois Gvidas Grigas marcou aos 23 minutos. Na segunda parte surgiu o espectáculo de Urbsys. Aos 51 minutos, o avançado de 20 anos driblou Dwayne Nelson e fez o 2-0, cinco minutos mais tarde voltou a bater Nelson, desta vez com um remate rasteiro. A sete minutos do final, Urbsys completou o "hat-trick" com um remate da entrada da área.

FC Dinamo Brest 1-2 FHK Liepájas Metalurgs (total: 1-3)
O Metalurgs, que já tinha vencido na primeira mão, foi à Bielorrússia conseguir mais uma vitória e confirmar o apuramento. O trunfo dos letões começou a desenhar-se a quatro minutos do intervalo quando, contra a corrente do jogo, Andriy Kruglyak marcou num remate de longa distância. O Dínamo empatou logo após o descanso, com Viktar Sokal a marcar num canto directo. O Metalurgs reagiu bem e Girts Karlsons aproveitou um cruzamento de Kruglyak para fazer o resultado final com um espectacular pontapé de bicicleta. Sokal ainda enviou uma bola à trave mas os jogadores da equipa da casa acabaram por perder a cabeça e Roman Kots e Aleksey Shichigolev foram expulsos.

FC Midtjylland 2-1 Keflavík (total: 4-4, o Midtjylland é apurado devido aos golos marcados fora)
O Midtjylland afastou o Keflavík, devido aos golos marcados fora de casa, e vai juntar-se ao Aalborg e ao Odense no lote das equipas dinamarquesas que vão disputar a segunda pré-eliminatória. Contra a corrente do jogo, os visitantes ganharam vantagem aos 24 minutos com um golo de Baldur Sigurdsson. A equipa da casa deu a volta ao jogo no segundo tempo, Simon Poulsen fez o empate e Serghei Dadu marcou o golo que valeu o apuramento do Midtjylland.

FC Etzella Ettelbrück 0-1 HJK Helsinki (total: 0-3)
O apuramento dos finlandeses para a próxima ronda ficou confirmado quando Vili Sovolainen fez o único golo do jogo na conversão de um penalty. O Etzella entrou bem no encontro mas o esforço foi comprometido por erro defensivo. Hermanni Vuorinen foi derrubado dentro da grande área e Sovolainen não desperdiçou a oportunidade. Kabba Samura e Vuorinen desperdiçaram boas situações para aumentar a vantagem, mas o resultado foi suficiente para o Etzella deixar pelo caminho a equipa luxemburguesa.

FC Dinamo Minsk 2-0 Skonto FC (total: 3-1)
O jogo foi equilibrado, tal como tinha acontecido na primeira-mão, que terminou com uma igualdade a um golo. O avançado eslovaco Róbert Rák marcou dois golos e foi decisivo para o apuramento dos bielorrussos. O Dínamo ganhou vantagem aos 56 minutos, quando Rák aproveitou um passe fantástico do jogador-treinador Aliaksandr Khatskevich. A 14 minutos, o eslovaco recebeu uma assistência de Anton Putilo e fez o resultado final.

Última actualização: 03-08-07 11.17CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/newsid=567004.html#nordicos+forma