O "site" oficial do futebol europeu

Steaua sem problemas

Publicado: Sexta-feira, 30 de Setembro de 2005, 0.25CET
Ronda 2: O Steaua de Bucareste eliminou o Vålerenga, mas o outro clube norueguês, o Viking, teve melhor sorte e está na fase de grupos da Taça UEFA.
 
Publicado: Sexta-feira, 30 de Setembro de 2005, 0.25CET

Steaua sem problemas

Ronda 2: O Steaua de Bucareste eliminou o Vålerenga, mas o outro clube norueguês, o Viking, teve melhor sorte e está na fase de grupos da Taça UEFA.

O antigo campeão europeu, FC Steaua Bucuresti, garantiu o apuramento para a fase de grupos da Taça UEFA, graças a mais uma confortável vitória frente ao Vålerenga IF. A outra equipa norueguesa em prova, o Viking FK, foi mais feliz que o Vålerenga, apurando-se na Áustria, enquanto Suíça e Ucrânia vão ter duas equipas no sorteio da próxima terça-feira.

FC Steaua Bucuresti 3-1 Vålerenga IF (total: 6-1)
Depois de já ter vencido, por 3-0, na primeira mão, o Steaua sentenciou definitivamente a eliminatória aos 30 minutos, com um golo de Nicolae Dica. Gabriel Bostina ampliou a vantagem a quatro minutos do intervalo e Victoras Iacob assinou o 3-0 no início da segunda parte. Bernt Hulsker marcou, aos 56 minutos, o golo de honra do Vålerenga.

FC Lokomotiv Moskva 3-2 SK Brann (total: 5-3)
Os também noruegueses do Brann fizeram um boa exibição no terreno do campeão russo, Lokomotiv de Moscovo, mas a formação russa acabou por dar seguimento à vitória (2-1) obtida na primeira mão. O guarda-redes do Brann, Håkon Opdal, foi expulso aos 33 minutos, depois de cometer grande penalidade sobre Francesco Ruopolo, mas o seu substituto, Johan Thorbjørnsen, defendeu a tentativa de conversão de Francisco Lima. Os forasteiros acabariam por chegar ao intervalo em vantagem, com um golo de Dylan McAlliter, mas Dmitri Loskov empatou a partida aos 18 minutos da etapa complementar. À entrada do último quarto-de-hora, Charlie Miller empatou a eliminatória, mas Malkhaz Asatiani marcou para a equipa russa, que garantiu o triunfo já em período de compensação por intermédio de Diniyar Bilyaletdinov.

FK Austria Wien 2-1 Viking FK (total: 2-2, Viking apurado)
Já o Viking, que entrou na Taça UEFA via ranking Fair Play, continua em prova graças ao golo de Trygve Nygaard no terreno do Áustria de Viena, logo aos 10 minutos da partida. A formação austríaca chegou ao empate apenas nove minutos volvidos, com o norueguês Sigurd Rushfledt a marcar aos seus compatriotas. O segundo golo chegou logo no início da segunda parte, mas o Viking segurou a magra vantagem e celebrou o apuramento.

Debreceni VSC 0-2 FC Shakhtar Donetsk (total: 1-6)
O Shakhtar Donetsk confirmou o apuramento com um triunfo, por 2-0, na Hungria, depois de já ter vencido na primeira mão por 4-1. Brandão marcou o primeiro golo aos 20 minutos, com Blumer Elano a estabelecer o resultado final pouco depois.

FC Dnipro Dnipropetrovsk 5-1 Hibernian FC (total: 5-1)
Os também ucranianos do Dniepr aproveitaram o factor-casa para golearem o Hibernian, por 5-1, depois do nulo registado há duas semanas no País de Gales. O primeiro golo surgiu logo aos 15 segundos por intermédio de Serhiy Nazarenko, mas a equipa galesa virou a sua eliminatória a seu favor aos 24 minutos. No entanto, a reacção ucraniana foi rápida e o segundo golo surgiu num remate de Bohdan Shershun. O terceiro tento nasceu de uma grande penalidade convertida por Oleh Shelayev, com o suplente Olexandr Melashchenko a assinar os restantes dois tentos.

FC Metalurh Donetsk 2-2 PAOK FC (total: 3-3, PAOK apurado)
Também na Ucrânia, o guarda-redes do PAOK, Daniel Fernández, foi o herói da noite, com os gregos a garantirem o apuramento mesmo reduzidos a nove elementos. O avançado do Metalurh, Olexandr Kosyrin, abriu o marcador aos 38 minutos, mas Dimitrios Salpingidis empatou a partida pouco depois. Pantelis Konstantinidis deu ao PAOK um crucial segundo golo fora de casa logo no início da segunda parte, com Serhiy Shyshchenko a empatar a partida aos 57 minutos, lançando um final de jogo frenético. Christos Karipidis e Yiasoumi Yiasoumis, ambos do PAOK, foram expulsos, mas Daniel Fernández, com uma série de defesas quase impossíveis, segurou a vantagem até final.

NK Široki Brijeg 0-1 FC Basel 1893 (total: 0-6)
Depois do 5-0 da primeira mão, o Basileia limitou-se a confirmar o apuramento com mais um triunfo, desta vez por 1-0, no terreno do Široki Brijeg. E o campeão da Suíça precisou de apenas sete minutos para marcar, com Mladen Petric a desviar com sucesso um livre de Matías Delgado.

FC Zürich 2-1 Brøndby IF (total: 2-3)
Já o Zurique venceu esta quinta-feira o Brøndby por 2-1, mas os dinamarqueses apuraram-se graças ao triunfo, por 2-0, da primeira mão. Rafael Araújo deu vantagem ao Zürich à passagem do primeiro quarto-de-hora, mas, no início da segunda parte, Johan Elmander marcou o importante golo fora de casa do Brøndby. A equipa anfitriã ficou reduzida a dez elementos a seis minutos do final, devido à expulsão de Iulian Filipescu, mas ainda conseguiu garantir a vitória com mais um tento de Rafael.

Myllykosen Pallo-47 0-3 Grasshopper-Club (total: 1-4)
O Grasshopper garantiu, no entanto, que a cidade de Zurique tenha uma equipa presente na fase de grupos. O MyPa ainda marcou um golo, mas o tento de Sampsa Timoska foi anulado, já que Tuomo Könönem marcou o livre antes de o árbitro autorizar. A equipa finlandesa estava em vantagem graças ao empate (1-1) da primeira mão, mas o Grasshopper marcou três golos nos últimos 16 minutos, com Demba Touré, Veroljub Salatić e Rogério a assinarem os golos dos suíços.

RCD Espanyol 2-0 FK Teplice (total: 3-1)
Depois do empate a uma bola na República Checa, o Espanhol conformou em casa o seu favoritismo, mas apenas chegou ao primeiro golo, marcado por Fredson, a nove minutos do final. Jofre acabou com as esperanças do Teplice ao assinar o segundo tento já em período de compensações.

SC Heerenveen 5-0 FC Baník Ostrava (total: 5-2)
Já o Heerenveen ultrapassou a desvantagem de dois golos trazida da primeira mão, goleando os checos do Baník Ostrava por 5-0. Klaas Jan Huntelaar deu vantagem à equipa da casa, que empatou a eliminatória mesmo sobre o intervalo, graças a um remate de Larsse Nilsson. Os holandeses passaram para a frente aos 60 minutos com um cabeceamento de Huntelaar e, pouco depois, Ugur Yıldırım fez o 4-0. Segundos depois, Huntelaar completou o seu "hat-trick" e confirmou definitivamente o apuramento.

Cork City FC 1-2 SK Slavia Praha (total: 1-4)
O Slávia de Praga viajou até à República da Irlanda com uma vantagem de dois golos e, aos 27 minutos do jogo desta quinta-feira, Karel Piták sentenciou, de vez, a eliminatória a favor dos checos. Já na segunda parte, Stanislav Vlček fez o 2-0, mas a equipa irlandesa ainda chegou ao golo de honra, apontado por George O'Callaghan.

Última actualização: 30-09-05 1.52CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/newsid=347837.html#steaua+problemas