UEFA Europa League: época 2018/19 em números

Novos recordes da competição, factos insólitos e números surpreendentes: o UEFA.com analisa as principais estatísticas da época.

Alexandre Lacazette e Pierre-Emerick Aubameyang festejam um golo do Arsenal nas meias-finais
Alexandre Lacazette e Pierre-Emerick Aubameyang festejam um golo do Arsenal nas meias-finais ©Getty Images
Bacca começou a época a todo o gás
Bacca começou a época a todo o gás

7 Alexandre Lacazette e Pierre-Emerick Aubameyang marcaram os sete golos do Arsenal na meia-final com o Valência e os últimos oito dos “gunners” na caminhada até à final.

73 Unai Emery orientou 73 jogos da UEFA Europa League; o segundo treinador da lista é Jorge Jesus com 52.

44 Carlos Bacca, do Villarreal, que marcou nas finais de 2014 e 2016, precisou de apenas 44 segundos para marcar o primeiro (e talvez o melhor) golo da fase de grupos, um remate soberbo com a parte de fora do pé à entrada da área no encontro com o Rangers.

17 O Chelsea alargou a invencibilidade na UEFA Europa League para 17 jogos, superando o anterior máximo de 15 jogos, conseguido pelo Atlético Madrid em 2011 e 2012. Os "blues" não perdem na prova desde Abril de 2013.

39 O Luxemburgo tornou-se a 39ª federação a estar representada na fase de grupos da UEFA Europa League.

O Sevilha conseguiu uma goleada recorde
O Sevilha conseguiu uma goleada recorde

6 A vitória do Sevilla por 6-0 na recepção ao Akhisar Belediyespor, na terceira jornada, igualou o recorde da maior goleada na competição.

3 Esta é a terceira final da UEFA Europa League entre clubes do mesmo país, depois do Porto ter vencido o Braga por 1-0 (2011) e o Atlético ter batido por 3-0 Athletic Club (2012). Isto já tinha acontecido por sete vezes na era da Taça UEFA.

5 Arsenal e Villarreal conseguiram o recorde de cinco jogos sem sofrer golos esta época.

Resumo: Milan 5-2 Dudelange
Resumo: Milan 5-2 Dudelange

4 Número de vezes que caberia toda a população da cidade de Dudelange em San Siro. A equipa luxemburguesa esteve a vencer o Milan por 2-1, mas cedeu nos últimos 25 minutos.

13 A série de 13 eliminações consecutivas do Dínamo Zagreb numa fase de grupos das provas da UEFA terminou quando o clube, que já conquistou 19 títulos de campeão da Croácia, passou pela primeira vez aos 16 avos-de-final a duas jornadas do fim.

9 O Chelsea foi uma das nove equipas que se estrearam na fase de grupos da UEFA Europa League. Quando conquistou o título em 2013, foi transferido da UEFA Champions League para a fase a eliminar.

O emocionante Slávia Praga-Sevilha
O emocionante Slávia Praga-Sevilha

119 A combatividade do Slávia Praga parecia finalmente ter acabado quando Franco Vázquez marcou aos 98 minutos e deixou os modestos checos a precisarem de marcar dois golos ao Sevilha para passarem aos quartos-de-final. Mick van Buren respondeu rapidamente e um auto-golo de Simon Kjær, aos 119 minutos, permitiu o triunfo da equipa da capital checa com um total de 6-5.

8-1 O Zenit foi goleado por 4-0 no reduto do Dínamo Minsk na terceira pré-eliminatória, mas conseguiu uma sensacional reviravolta na Rússia ao vencer por 8-1 no prolongamento!

5 Olivier Giroud marcou em cinco jogos seguidos na UEFA Europa League até o Dínamo Kiev ter finalmente dado a sensação de possuir o segredo para anular o avançado francês. Tal não era verdade, Giroud fez um “hat-trick” perfeito na segunda mão.

Estrela em ascensão: Luka Jović
Estrela em ascensão: Luka Jović

10 Giroud, ponta-de-lança do Chelsea, e Luka Jović, do Frankfurt, alcançaram a dezena de golos, foram apenas o quinto e sexto jogador a conseguir tal proeza na UEFA Europa League, depois de Aritz Aduriz, Radamel Falcao (duas vezes), Giuseppe Rossi e Klaas-Jan Huntelaar.

21 O jogador mais velho a marcar esta época, David Català (38 anos, 224 dias) já tinha 21 anos quando nasceu o colega de equipa no AEK Larnaca Dimitris Raspas (17 anos, 186 dias), o mais jovem marcador em 2018/19.

7 Villarreal e Nápoles conseguiram registos perfeitos na fase de grupos ao passarem à fase a eliminar pela sétima vez em outras tantas tentativas.

Resumo: Rennes 3-1 Arsenal
Resumo: Rennes 3-1 Arsenal

90.000 O Rennes recebeu 90.000 pedidos de bilhetes para a recepção ao Arsenal na primeira mão dos oitavos-de-final, isto para um estádio com menos de 30.000 lugares. Os franceses venceram por 3-1.

3 O Salzburgo terminou a fase de grupos só com vitórias pela terceira vez, nenhum outro clube o conseguiu mais do que uma vez.

17 O Leipzig tornou-se no 17º clube alemão a disputar a fase de grupos da UEFA Europa League.

Topo