Vitória volta a acreditar após triunfo sobre o Marselha

O conjunto minhoto somou os três preciosos pontos graças a um golo de Hurtado perto do fim, voltando a entrar na luta pelo apuramento.

Watch the best of the action from UEFA Europa League 2017/18 matchday four

O Vitória SC levou de vencida o Marselha em casa (1-0) na quarta jornada do Grupo I da UEFA Europa League, tendo relançado a esperança na luta pelo apuramento.

Após um primeiro tempo equilibrado e pouco emotivo, a equipa minhota arriscou mais na segunda parte e acabou por chegar à vitória aos 80 minutos. Rafael Martins dispôs de uma boa ocasião depois de ganhar o duelo com Adil Rami, mas acertou com estrondo na trave, aos 64 minutos. O atacante brasileiro galgou terreno e podia ter assistido um dos dois colegas que o acompanharam mas optou pelo remate e não foi feliz por pouco. Mas o melhor estava guardado para os 80, quando Hurtado, com um remate de cabeça, desfez o empate.

Na primeira parte, o espectáculo só animou na reta final, com Rafael Martins a estar perto do golo em duas situações, primeiro após uma excelente jogada de N’Clomande Konan e depois após um cruzamento de João Aurélio. O Marselha respondeu com perigo, mas Clinton Njie, na grande área, rematou enrolado e fraco à figura de Miguel Silva e Morgan Sanson, em boa posição, cabeceou muito torto. Até aí, o jogo foi morno, com o Marselha a ter uma posse de bola inócua e o Vitória SC a mostrar-se sempre organizado defensivamente.

Luiz Gustavo aplicou a meia distância, aos 35 minutos, e Clinton Njie rematou para as mãos de Miguel Silva um pouco antes. O Vitória SC entrou mais dinâmico e Marcos Valente, aos seis minutos, falhou o desvio à boca da baliza. Heldon, a meio do primeiro tempo, apareceu com perigo na grande área mas a defesa francesa reagiu a tempo.

Perto do final, mais precisamente aos 80 minutos, os vitorianos chegaram merecidamente ao golo após excelente cruzamento de Heldon, com Hurtado a antecipar-se à defesa do Marselha e, de cabeça, a bater Mandanda. 

Momento: Golo de Hurtado
Depois de muito procurar, os minhotos chegaram ao tão ambicionado golo perto do fim, num merecido prémio para os vitorianos. 

Figura: Hurtado (Vitória SC)
O herói vitoriano, de cabeça, deu os três pontos à sua equipa a dez minutos dos 90, num golo pleno de oportunidade.
 

Topo