Braga sofre derrota tardia, United volta a desiludir

O Braga esteve a segundos de somar um empate notável frente ao Porto, mas perdeu, enquanto o Manchester United voltou a atrasar-se na luta pelo título e em Itália o derby da capital sorriu à Roma.

Kevin Strootman marcou o primeiro golo da Roma frente à Lázio
Kevin Strootman marcou o primeiro golo da Roma frente à Lázio ©Getty Images

O triunfo por 2-0 da Roma no derby com a Lázio foi o destaque do fim-de-semana entre os participantes na UEFA Europa League, que prepararam a derradeira jornada da fase de grupos. Em Portugal, o Braga, único participante luso, sucumbiu a uma derrota no reduto do Porto.

A formação orientada por José Peseiro, que está na luta pelo apuramento com os belgas do Gent, esteve muito perto de somar um ponto frente ao Porto, mas sucumbiu a uma finalização de classe do jovem avançado Rui Pedro. Numa partida em que jogaram reduzidos a dez jogadores desde os 34 minutos, por expulsão de Artur Jorge, os "arsenalistas" tiveram no guarda-redes Marafona um obstáculo quase intransponível, só cedendo já em tempo de compensação.

Os "giallorossi" precisavam de uma vitória para manter a perseguição à Juventus, líder da Serie A, e conseguiram-na após uma primeira parte equilibrada, com Kevin Strootman a aproveitar um erro para inaugurar o marcador, aos 64 minutos. Danilo Cataldi, médio da Lázio, foi expulso do banco de suplentes pouco depois, e coube a Radja Nainggolan selar o resultado final, que deixa a Roma a quatro pontos do topo.

Entretanto registaram-se sete golos no embate entre Feyenoord e Sparta, com o líder da Eredivisie a marcar seis deles, alcançando um triunfo-recorde e moralizador. Foi apenas o segundo do clube nos últimos sete jogos, todas as competições incluídas, e garantiu o primeiro lugar devido à diferença de golos, à frente do Ajax, também ele participante na UEFA Europa League, e que bateu o Groningen por 2-0.

Por outro lado, a recente recuperação do Schalke sofreu um revés, já que perdeu por 2-1 no reduto do Leipzig, líder surpreendente da Bundesliga – foi o primeiro desaire dos "royal blues" nos últimos 13 jogos de todas as competições. Noutros campeonatos, o Manchester United continua a marcar passo, e desta vez a equipa de José Mourinho empatou a um golo na visita ao Everton. Por fim, o Nice de Ricardo Pereira, líder da Ligue 1 mas já eliminado no Grupo I, venceu o Toulouse por 3-0.

Grupo A
Fenerbahçe 0-0 Beşiktaş
Everton 1-1 Manchester United
Feyenoord 6-1 Sparta
Zorya 2-3 Dnipro

Grupo B
Omonia 1-4 APOEL
Olympiacos 4-0 Levadiakos
Young Boys 3-1 Basileia
A época nacional do Astana terminou

Grupo C
Kortrijk 1-3 Anderlecht
Rennes 2-0 St-Étienne
Mainz 1-3 Bayern
Gabala 2-2 Zaqatala (Taça do Azerbaijão, segunda eliminatória – Gabala vence por 4-1 nos penalties)

Grupo D
Rostov 0-0 Zenit
Excelsior 3-3 AZ
A temporada nacional do Dundalk terminou
Maccabi Telavive 0-0 Hapoel Ashkelon

Group E
Lázio 0-2 Roma
Voluntari 1-2 Astra Giurgiu
Admira 0-2 Austria Viena
Bohemians 1905 - Viktoria Plzeň (adiado)

Grupo F
Genk 1-2 Lokeren
Athletic 3-1 Eibar
Rapid Viena 1-0 St Pölten
Sassuolo 3-0 Empoli

Grupo G
Ajax 2-0 Groningen
Charleroi - Standard (suspenso)
Bétis 3-3 Celta
Panathinaikos 1-0 PAOK

Grupo H
Shakhtar Donetsk 2-0 Stal
Porto 1-0 Braga
Westerlo 0-0 Gent
Alanyaspor 2-3 Konyaspor

Grupo I
Leipzig 2-1 Schalke
Krasnodar - Krylya Sovetov (Segunda-feira, 16h00)
Salzburgo 4-1 Altach
Nice 3-0 Toulouse

Grupo J
Fiorentina 2-1 Palermo
Qarabağ 5-0 Sabail (Taça do Azerbaijão, segunda eliminatória)
Panathinaikos 1-0 PAOK
Jihlava 1-0 Liberec

Grupo K
Sparta Praga 2-1 Teplice
Hapoel Beer-Sheva 5-0 Ashdod
Crystal Palace 3-0 Southampton
Nápoles 3-0 Inter Milão

Grupo L
Osmanlıspor 2-1 Karabükspor
Steaua 3-1 Pandurii
Zurique 2-0 Wil (Taça Challenge)
Leganés 0-0 Villarreal

Topo