O "site" oficial do futebol europeu

Equipas alemãs mostram o caminho

Publicado: Sexta-feira, 1 de Outubro de 2004, 0.06CET
Outros jogos 1: Schalke 04, Estugarda e Alemannia Aachen passaram à fase de grupos.
 
Publicado: Sexta-feira, 1 de Outubro de 2004, 0.06CET

Equipas alemãs mostram o caminho

Outros jogos 1: Schalke 04, Estugarda e Alemannia Aachen passaram à fase de grupos.

As equipas alemãs lideram o caminho para a fase de grupos da Taça UEFA, com o FC Schalke 04, VfB Suttgart e TSV Alemannia Aachen a protagonizarem as vitórias mais dilatadas.

"Hat-trick" de Hanke
O Schalke 04, na competição depois de ter vencido a Taça Intertoto pela segunda vez consecutiva, venceu o FHK Liepajas Metalurgs, por 5-1, há duas semanas, e na viagem à Letónia conseguiu um triunfo confortável de 4-0. O Metalurgs derrotou o FK Auda por 10-1, no fim-de-semana, mas concedeu um golo a Ebbe Sand mesmo antes do intervalo. Depois, Mike Hanke substituíu Sand e marcou aos 69, 75 e 90 minutos, confirmando a presença da sua equipa no sorteio de terça-feira.

Alegria alemã
O Estugarda também venceu por 4-0, aumentando a vantagem de 3-1 frente aos visitantes húngaros do Újpesti TE. Andreas Hinkel colocou o Estugarda em vantagem aos 14 minutos e Cacau bisou no espaço de cinco minutos, à passagem da hora de jogo, com Horst Heldt a fazer o 3-0 depois do primeiro golo do brasileiro. O Aachen, finalista vencido da Taça da Alemanha da época passada, empatou em casa com o FH Hafnarfjördur, mas a equipa da 2. Bundesliga havia triunfado na Islândia, por 5-1, no seu primeiro encontro de sempre nas competições europeias.

Sucesso do Sochaux
O FC Sochaux-Montbéliard e o SC Heerenveen marcaram mais um do que o Schalke 04 e o Estugarda, vencendo a segunda mão por 5-0. O Sochaux já estava com quatro golos de vantagem quando viajou até à Noruega para defrontar o Stabæk IF, cujo novo treinador, Pål Berg, viu a sua equipa perder graças a dois golos do suplente Ilan e um de Santos, Jaouad Zairi e Jérémy Mathieu.

PAOK pelo caminho
Entretanto, o Heereveen disputou uma eliminatória de apenas um encontro com o Maccabi Petach-Tikva FC, depois de o primeiro jogo ter sido cancelado. A formação holandesa seguiu em frente graças a golos de Arnold Bruggink, Mika Väyrynen, Petter Hansson, Victor Sikora e do suplente Stefan Selakovic. Ainda na Holanda, o AZ Alkmaar também seguiu em frente, eliminando o PAOK, apesar de ter sofrido um golo cedo, marcado por Dimitrios Salpingidis. Michael Buskermolen empatou a eliminatória, para Joris Mathijsen selar a vantagem de 5-3 no conjunto das duas mãos, a 19 minutos do final.

Rusol decisivo
A noite decepcionante de Israel continuou na Ucrânia, com o Maccabi Haifa FC, que defendia uma vantagem de um golo, a perder, por 2-0, com o FC Dnipro Dnipropetrovsk. Dmytro Mykhaylenko empatou a eliminatória mesmo à passagem da meia hora de jogo e Andriy Rusol marcou o golo da vitória, a 13 minutos do fim.

Sortes idênticas
Um caso semelhante aconteceu na Turquia, onde Ibrahim Üzülmez marcou o único golo da noite, aos 45 minutos, para dar ao Besiktas JK uma vantagem de 2-1 frente aos noruegueses do FK Bodø/Glimt. Num cenário idêntico, Jacek Dembinski também marcou em cima do intervalo, na Polónia, pelo KS Amica Wronki, decidindo a eliminatória frente ao FK Ventspils, depois de um empate na Letónia.

Braga fica pelo caminho
Os golos reinaram nos jogos do SC Braga e do SK Sigma Olomouc - mas foram os respectivos visitantes, o Heart of Midlothian FC e o Real Zaragoza, que aproveitaram as vantagens da primeira mão. O Hearts havia vencido o primeiro jogo, por 3-1, e empatou a duas bolas em Braga, graças a dois golos de Mark de Vries, que recuperou de uma lesão num pé para jogar. João Tomás marcou o primeiro para a equipa da casa e Jaime fechou a contagem.

Vitória do Saragoça
O Saragoça teve uma tarefa mais complicada, ao ver uma vantagem de 1-0 passar para uma derrota, por 2-1, na República Checa, graças a um "penalty" de David Kobylík, aos 52 minutos, depois de Martin Hudec ter aberto o activo. Mas, a 12 minutos do final, Fernando Soriano colocou o Saragoça em vantagem e, pouco depois, Hudec marcou na própria baliza. A cinco minutos do fim, Javi Moreno completou um triunfo, por 4-2, no conjunto das duas mãos, para a equipa espanhola.

Última actualização: 01-10-04 0.02CET

Informação relacionada

Perfis das equipas

http://pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/newsid=241850.html#equipas+alemas+mostram+caminho