O "site" oficial do futebol europeu

Anji ambicioso quer cimentar alicerces

Publicado: Quarta-feira, 22 de Agosto de 2012, 19.13CET
A querer afirmar-se após o forte investimento efectuado, o Anji procura ultrapassar o AZ de modo a atingir, pela primeira vez, a fase de grupos de uma prova da UEFA.
por Dmitri Rogovitski
de Moscovo
Anji ambicioso quer cimentar alicerces
Arseni Logashov é um exemplo dos talentos locais que se estão a desenvolver no Anji ao lado das várias estrelas estrangeiras ©FC Anzhi Makhachkala
 
Publicado: Quarta-feira, 22 de Agosto de 2012, 19.13CET

Anji ambicioso quer cimentar alicerces

A querer afirmar-se após o forte investimento efectuado, o Anji procura ultrapassar o AZ de modo a atingir, pela primeira vez, a fase de grupos de uma prova da UEFA.

Até há pouco mais de um ano, poucas pessoas fora da Rússia tinham ouvido falar do FC Anji Makhachkala, mas agora, para a maior parte das pessoas, será uma surpresa se o clube não levar a melhor sobre o AZ Alkmaar e marcar presença na fase de grupos de uma prova da UEFA pela primeira vez na sua história.

O Anji recebe esta quinta-feira o AZ na primeira mão do "play-off" da UEFA Europa League, depois de ter passado de um mero clube de província a uma das potências do futebol russo num curtíssimo espaço de tempo. Pode não ter a história ou o estatuto de um Manchester City FC ou de um Paris Saint-Germain FC, mas o investimento financeiro tem estado à altura desses clubes: 70 milhões de euros só no Verão de 2011 e a capacidade de seduzir nomes como Roberto Carlos, Diego Tardelli, Balasz Dszudszak, Yuri Zhirkov e Samuel Eto'o.

Dadas as restrições existentes na Liga russa face à utilização de jogadores estrangeiros, o Anji vê-se também obrigado a apostar na caça a jovens talentos russos. Entre as caras novas encontram-se o lateral Arseni Logashov, o médio Oleg Shatov e os avançados Fedor Smolov e Serder Serderov. Estes jogadores tiveram já considerável impacto no clube, com Logashov a somar recentemente a primeira internacionalização pela selecção principal da Rússia, frente à Costa do Marfim, e Shatov a assinar o importante golo que valeu o empate 1-1 diante do campeão FC Zenit St Petersburg, em jogo da Liga russa.

A aposta no antigo seleccionador da Rússia, Guus Hiddink, para orientar a equipa também deu frutos, pois o técnico holandês guiou-a de imediato ao quinto lugar da Liga russa e, consequentemente, à segunda presença em provas da UEFA.

Actualmente, o Anji treina em Kratovo, perto de Moscovo, e apenas viaja para Makhachkala na véspera dos jogos em casa, mas pretende num futuro próximo fixar-se em Makhachkala, nas instalações junto à novíssima Anzhi Arena, com capacidade para 30 mil espectadores.

"Trabalhamos não só para melhorar a qualidade do clube mas também para aumentar a popularidade do futebol na região", salientou o vice-presidente do Anji, German Chistyakov. "Investimos alguns fundos e esperamos também começar a formar os nossos próprios jogadores. A nossa missão não se resume ao futebol profissional; passa também por contribuir para as 'raízes' do desporto e, através delas, promover a paz e a estabilidade na região."

"Na última época já nos conseguimos aproximar bastante dos primeiros lugares da Liga", realça Hiddink. "Estivemos na luta pelo segundo ou terceiro posto e acabámos por terminar no quinto lugar. Agora, estar na fase de grupos da Europa League é um dos nossos grandes objectivos. Vai ser o palco perfeito para potenciar a imagem internacional do nosso jovem clube, nesta sua fase de crescimento."

Última actualização: 27-09-12 16.54CET

Informação relacionada

Perfis dos jogadores
Perfis dos treinadores
Perfis das equipas
Jogo relacionado
  • SSI Err

http://pt.uefa.com/uefaeuropaleague/news/newsid=1849319.html#anji+ambicioso+quer+cimentar+alicerces