Jogos decisivos com incentivo extra

A perspectiva de embates na UEFA Europa League frente a clubes históricos como Juventus ou Liverpool dão um incentivo extra a algumas equipas envolvidas nos jogos da segunda mão da 2ª pré-eliminatória.

O Shamrock festeja com a mascote Hooperman, depois do golo tardio de Robert Bayly frente ao Bnei Yehuda
O Shamrock festeja com a mascote Hooperman, depois do golo tardio de Robert Bayly frente ao Bnei Yehuda ©Sportsfile

A segunda pré-eliminatória da UEFA Europa League conclui-se esta quinta-feira, com o sorteio da terceira pré-eliminatória, na passada sexta-feira, a fornecer um incentivo extra a algumas equipas, perante a perspectiva de defrontarem clubes históricos como Juventus e Liverpool FC.

Uma deslocação a Anfield é o prémio para o vencedor do embate entre FK Rabotnicki e FC Mika, que se realiza esta quinta-feira na Arménia, com o visitante Rabotnicki a ter uma magra vantagem de 1-0 depois da primeira mão na semana passada, em que jogou mais de 45 minutos reduzido a dez jogadores. A Juve, bicampeã europeia, também vai ter que esperar antes de fazer qualquer plano de viagem, já que o Shamrock Rovers FC desloca-se até Israel para jogar com o Bnei Yehuda Tel-Aviv FC, depois do empate (1-1) na primeira mão, com Robert Bayly a marcar já em tempo de compensação.

O Shamrock sonha remotamente com a final deste ano, que tem lugar em Dublin, tal como o Sporting Fingal FC. Criado há apenas três anos, o detentor da Taça da Irlanda esteve perto de alcançar uma vitória surpreendente na primeira mão, frente ao Marítimo, na Madeira. Empatado à entrada para o tempo de compensação, acabou por perder por 3-2 já em cima do apito final. Ainda assim, mantém a esperança de se apurar, jogando agora no Dalymount Park, casa emprestada pelo Bohemian FC. Na eliminatória seguinte o adversário será o FC Honka Espoo, da Finlândia, ou o Bangor City FC, do País de Gales, eles que empataram a um golo em Vantaa, na semana passada.

De facto, à partida para a segunda mão, na quinta-feira, 21 dos 40 jogos da segunda pré-eliminatória estão empatados, ou apenas com um golo de diferença. Apenas alguns, como o treinador Miroslav Koubek, do FC Baník Ostrava, podem "pensar na fase seguinte", depois de vitórias folgadas. PFC Levski Sofia, Olympiacos FC, FC Utrecht e FC Dinamo Minsk também podem sentir a necessidade de gerir esforços, mas todos sabem que relaxamento em demasia pode custar caro.

Topo