O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Segunda mão do play-off da Europa League: Sporting e Benfica empatam e apuram-se, Braga ganha mas cai

Sporting e Benfica seguem para os oitavos-de-final após empatarem os respectivos jogos na segunda mão, enquanto o Braga ganhou no Azerbaijão mas foi eliminado.

Play-off da fase a eliminar da Europa League: Veja todos os golos da segunda mão

Sporting e Benfica fizeram valer a vantagem alcançada na primeira mão e, com empates na segunda mão, garantiram um lugar nos oitavos-de-final, ao contrário do Braga, que venceu no Azerbaijão mas não conseguir virar a eliminatória frente ao Qarabag. Nos outros jogos, destaque para Rafael Leão, que voltou a marcar ao Rennes, e Pierre-Emerick Aubameyang, que fez história ao tornar-se no melhor marcador de sempre da UEFA Europa League, com 31 golos.

O UEFA.com resume toda a acção de quinta-feira.

Quem está apurado?

Benfica (POR)
Friburgo (GER)
Marselha (FRA)
Milan (ITA)
Qarabağ (AZE)
Roma (ITA)
Sparta Praga (CZE)
Sporting (POR)

Qarabağ 2-3 Braga (total: 6-5)

Nariman Akhundzade marcou nos instantes finais do prolongamento o golo que acabou por decidir a eliminatória a favor da equipa do Azerbaijão. O Braga, que trazia uma desvantagem de 4-2 da primeira mão, em sua casa, aproveitou a expulsão de Elvin Jafarguliyev nos anfitriõ9es a meio do segundo tempo e, com com golos de Roger Fernandes e Álvaro Djaló, levou a decisão para o tempo extra.

Aí, Matheus Silva aproveitou uma bola perdida na primeira parte do prolongamento para recolocar os donos da casa na frente da eliminatória, mas Simon Banza voltou a deixar tudo empatado na transformação de uma grande penalidade. Só que já não houve, depois, tempo para o Braga responder golo decisivo de Akhundzade em cima do minuto 120.

Estatística: O Qarabağ apurou-se em 12 dos 13 embates das provas europeias de clubes em que venceu fora na partida da primeira mão.

Resumo: Qarabağ 2-3 Braga

O que se segue?

Os vencedores dos oito embates deste play-off seguem para o sorteio de sexta-feira dos oitavos-de-final, onde serão emparelhados com um dos cabeças-de-série. Os não cabeças-de-série jogarão em casa os encontros da primeira mão.

Cabeças-de-série
Atalanta (ITA)
Brighton (ENG)
Leverkusen (GER)
Liverpool (ENG)
Rangers (SCO)
Slavia Praga (CZE)
Villarreal (ESP)
West Ham (ENG)

Toulouse 0-0 Benfica (total: 1-2)

Thijs Dallinga cabeceou ao poste na segunda parte para o Toulouse e Anatoliy Trubin, guarda-redes do Benfica, negou de forma brilhante o golo a Stijn Spierings, com as águias a segurarem assim a preciosa vantagem de um golo trazida da primeira mão, em Lisboa, apesar da pressão dos anfitriões. A melhor oportunidade dos campeões portugueses surgiu à beira do intervalo, com Guillaume Restes a brilhar na baliza do Toulouse para defender um remate de António Silva.

Estatística: O Benfica levou a melhor nas últimas cinco eliminatórias a duas mãos contra equipas francesas.

Resumo: Toulouse 0-0 Benfica

Sporting 1-1 Young Boys (total: 4-2)

Com uma vantagem de 3-1 trazida da primeira mão, o Sporting colocou-se na frente também no jogo da segunda mão quando Viktor Gyökeres marcou após receber um passe de Francisco Trincão. O avançado sueco teve depois a oportunidade de ampliar a vantagem da sua equipa, mas viu a sua grande penalidade, após a falta sobre Trincão, ser defendida por David von Ballmoos. E depois, com o Sporting a aproximar-se da 13ª vitória consecutiva em casa em todas as competições, foi o Young Boys a beneficiar de uma grande penalidade, a castigar mão na bola de Marcus Edwards na grande área dos leões, a qual Silvère Ganvoula converteu com êxito, ditando o empate no encontro.

Estatística: O Sporting só perdeu dois dos seus últimos 14 jogos nas provas da UEFA (V5 E7).

Resumo: Sporting 1-1 Young Boys

Rennes 3-5 Milan (total: 3-5)

Um hat-trick de Benjamin Bourigeaud não foi suficiente para a equipa da Ligue 1 dar a volta à desvantagem de 3-0 que trazia da primeira mão. O médio abriu o marcador com um remate certeiro e rasteiro aos 11 minutos, antes de Luka Jović empatar com um cabeceamento poderoso. Bourigeaud recolocou os gauleses na frente do jogo na cobrança de um penálti no início do segundo tempo, mas os rossoneri empataram logo depois num belo lance individual de Rafael Leão. Ainda houve tempo para Bourigeaud voltar a marcar, uma vez mais de penálti, aos 68 minutos.

Estatística: O Rennes venceu o jogo da segunda mão em sete das suas últimas oito eliminatórias europeias.

Resumo: Rennes 3-2 Milan

Outros destaques

  •  O Friburgo está pela segunda temporada seguida nos oitavos-de-final depois de vencer o Lens em casa por 3-2, após o nulo da primeira mão em França.
  • Aubameyang tornou-se no melhor marcador de sempre da competição, com o Marselha a virar o jogo frente ao Shkahtar Donetks e a vencer em casa por 3-1, seguindo em frente com um total de 5-3.
  • O Sparta virou a eliminatória depois da derrota por 3-2 da primeira mão na Turquia e com um triunfo por 4-1 afastou um Galatasaray que acabou reduzido a dez jogadores.
  • Mile Svilar defendeu dois penáltis e a Roma voltou a levar a melhor sobre o Feyenoord, desta feita no desempate por pontapés da marca de grande penalidade.
Prognósticos: Como se portou?

Seleccionados para si