O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Edinson Cavani sobre Emery e um processo de aprendizagem constante

"Sempre disse que sou um estudante do futebol", diz o uruguaio, que vai tentar com que o United beneficie da sua experiência na final da UEFA Europa League.

Edinson Cavani ainda não conquistou nenhum título europeu
Edinson Cavani ainda não conquistou nenhum título europeu UEFA via Getty Images

Edinson Cavani esteve ausente quando o Paris Saint-Germain disputou a final da UEFA Champions League na época passada, mas o veterano de 34 anos ainda pode somar um título europeu, após alcançar a final da UEFA Europa League ao erviço do Manchester United.

O avançado uruguaio bisou nos dois jogos frente à Roma, nas meias-finais, e soma agora 54 golos nas competições de clubes da UEFA, e espera voltar a ter impacto, agora em Gdańsk, frente a uma equipa do Villarreal orientada por Unai Emery, seu antigo treinador no Paris.

Veja o bis de Cavani frente à Roma
Veja o bis de Cavani frente à Roma

Sobre aperfeiçoar qualidades

Podemos sempre aprender, consoante o nível de concentração e força de vontade que se tem. Podemos sempre melhorar e preparar-nos melhor, não só a nível pessoal como também futebolístico.

Jogo futebol há muitos anos e experimentei estilos diferentes: futebol italiano, futebol francês e quando jogo pela selecção, seja frente a adversários sul-americanos ou de outros continentes. Ganha-se experiência que podemos usar depois, apercebemo-nos de coisas às quais antes não estávamos atentos. Faz tudo parte da nossa evolução e de tentarmos fazer melhor de cada vez.

Edinson Cavani inspirou o colega Marcus Rashford
Edinson Cavani inspirou o colega Marcus RashfordGetty Images

sobre inspirar jovens jogadores

Competir é algo que faz parte de nós mas também se pode aprender. Sempre disse que sou um estudante do futebol. Ao longo da carreira tentei absorver coisas positivas que pudessem tornar-me melhor jogador e melhor colega.

Sou o mais velho da equipa e isso é uma grande motivação para mim. Faz com que dê o melhor nos treinos e depois quando jogo. A melhor forma de dar o exemplo é pelo comportamento que se tem e pela forma como se encara o trabalho e a competição

Unai Emery e Cavani no Paris em 2017
Unai Emery e Cavani no Paris em 2017AFP via Getty Images

Sobre Unai Emery, treinador do Villarreal

Quando nos cruzámos no Paris percebi a sua paixão pelo futebol e gostei muito da forma como trabalha. Por isso sei que ele vai preparar a final da Europa League ao pormenor. Este tipo de jogos podem decidir-se por detalhes, por isso a concentração precisa de ser máxima. Vai ser preciso realizar uma exibição perfeita. O Unai vai trabalhar muito para isso, pois foi assim que ganhou títulos nos clubes por onde passou.

Caminhada rumo à final: todos os golos do Man. United
Caminhada rumo à final: todos os golos do Man. United

Sobre a presença de adeptos na final

Sempre disse que o futebol tem a ver com as pessoas que lhe dão vida e que o vivem com paixão, uma paixão que depois nos transmitem no estádio. A ligação entre jogadores e espectadores é incrível, por isso estes meses com estádios vazios têm sido difíceis de suportar. Por isso o regresso gradual dos adeptos vai ajudar bastante e é uma parte da essência do futebol que se recupera. Esperamos que a normalidade regresse rapidamente.