O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Portugueses e brasileiros em alta na Europa League

Bruno Fernandes, Pizzi, Lucas Moura, Carlos Vinícius ou o contingente do Shakhtar: destacamos os portugueses e brasileiros na UEFA Europa League.

A UEFA Europa League regressou em grande em 2021! Os 59 golos apontados na primeira mão dos 16 avos-de-final, na passada quinta-feira, constituíram um novo máximo numa mesma noite da fase a eliminar desde 2009/10, o que dá uma média de 3,68. Apenas o jogo entre Slavia Praga e Leicester terminou em branco.

Para tal contribuíram alguns jogadores nascidos em Portugal e no Brasil – e por isso damos destaque aos protagonistas recentes da competição e que podem continuar a ser decisivos. Partilhe connosco as suas opiniões na nossa conta oficial do Twitter em @UEFAcom_pt.

Quem são os melhores do Brasil na UEFA?

Bruno Fernandes igual a si próprio

Resumo: Real Sociedad 0-4 Man. United

Em grande! Acabado de chegar esta época à Europa League, após ter disputado a fase de grupos da UEFA Champions League, o médio português do Manchester United esteve igual a si próprio ao marcar dois golos na vitória fora por 4-0 sobre a Real Sociedad e teve uma semana em cheio. Bruno Fernandes foi eleito Jogador da Semana, integrou a Equipa da Semana e manteve a liderança do ranking FedEx Performance Zone, detendo ainda uma estatística importante: teve participação directa em 24 golos na Europa League, mais do que qualquer outro jogador, desde que se estreou na competição em 2018. Com o internacional luso neste plano, o United, vencedor da Europa League em 2017, é novamente candidato, não?
Manchester United - Real Sociedad, quinta-feira, 25 Fev, 20h00

Pizzi, o homem-golo

Resumo: Benfica 1-1 Arsenal

Com sete golos apontados noutras tantas partidas realizadas na presente campanha da Europa League, o capitão do Benfica é o líder da tabela dos melhores marcadores. Autor do tento do empate (1-1) das "águias" diante do Arsenal, Pizzi só não festejou qualquer golo na igualdade a três diante do Rangers na fase de grupos e tem duas assistências. A precisar de marcar fora para continuar em prova, irá o Benfica conseguir dar a volta aos "gunners"?
Arsenal - Benfica, quinta-feira, 25 Fev, 17h55

Brasileiros impulsionam o Tottenham de Mourinho

Resumo: Wolfsberg 1-4 Tottenham

O confortável triunfo fora do Tottenham de José Mourinho frente ao Wolfsberger teve um toque brasileiro. Lucas Moura e Carlos Vinícius estiveram entre os autores dos golos no 4-1 registado na Áustria e ambos têm estado em destaque na prova. Vinícius soma quatro golos e três assistências em seis jogos, enquanto o mais experiente Lucas tem sete jogos, seis golos e uma assistência. Poderá o Tottenham conquistar a Europa League?
Tottenham - Wolfsberger, quarta-feira, 24 Fev, 17h00 GMT

Shakhtar "brasileiro" no bom caminho

Resumo: M. Telavive 0-2 Shakhtar Donetsk

A vitória do Shakhtar no campo do Maccabi Telavive, por 2-0, teve uma forte influência do Brasil. Alan Patrick e Tetê marcaram os golos e Fernando fez uma assistência. Nada que não fosse inesperado, dado que ao todo oito jogadores nascidos na país sul-americano participaram no encontro da equipa comandada pelo português Luís Castro. Poderão repetir ou ultrapassar o feito da temporada passada, quando chegaram às meias-finais?
Shakhtar - Maccabi Telavive, quinta-feira 25 Fev, 17h55 GMT

Braga à espera de Galeno e companhia

Resumo: Braga 0-2 Roma

Depois de ter sido o jogador com mais assistências (seis) nas duas competições de clubes da UEFA da época passada, Galeno também lidera a tabela da presente edição com cinco em sete jogos pelo Braga. O duelo da última quinta-feira entre os treinadores portugueses Carlos Carvalhal e Paulo Fonseca foi favorável ao segundo, vitorioso por 2-0 com a Roma na sua antiga casa, pelo que a tarefa dos homens do Minho não é fácil. Será que o extremo brasileiro e os seus companheiros vão despedir-se já da competição?
Roma - Braga, quinta-feira 25 Fev, 17h55 GMT