Europa League: ponto de situação

Com a Europa League de volta, o UEFA.com faz um ponto de situação.

Prepare-se para receber de volta a UEFA Europa League
Prepare-se para receber de volta a UEFA Europa League

A temporada da UEFA Europa League foi suspensa em Março, devido à pandemia COVID-19, numa altura em que já tinha sido realizada a primeira mão em seis dos oito embates dos oitavos-de-final.

Com o regresso da competição marcado para esta quarta-feira e os jogos dos quartos-de-final na Alemanha definidos, o UEFA.com faz o ponto de situação do que já aconteceu.

Quem ainda está em prova?

No recomeço da competição, esta quarta-feira, dia 5 de Agosto, Copenhaga, Inter, Manchester United e Shakhtar tornaram-se nos primeiros apurados para os quartos-de-final, conseguindo-o de forma concludente.

O lote de 16 participantes nos oitavos-de-final contou com equipas de 11 países: três da Alemanha, dois de Inglaterra, Itália e Espanha, e uma de Áustria, Dinamarca, Grécia, Escócia, Suíça, Turquia e Ucrânia.

Entre elas estavam seis vencedores da Taça UEFA ou UEFA Europa League: Eintracht (1980), Leverkusen (1988), Manchester United (2017), Shakhtar (2009), o tricampeão Inter (1991, 1994, 1998) e o pentacampeão Sevilha (2006, 2007, 2014, 2015, 2016).

Das oito equipas que transitaram da fase de grupos da UEFA Champions League, restam apenas quatro: Inter, Leverkusen, Olympiacos e Shakhtar.

Como posso ver?

Todos os jogos são à porta fechada. Saiba como pode ver com os nossos parceiros de transissão.

Qual é o calendário?

Veja os jogadores da Europa League a prepararem-se para o Regresso do Jogo
Veja os jogadores da Europa League a prepararem-se para o Regresso do Jogo

Oitavos-de-final:

Segunda mão

Quarta-feira, 5 de Agosto: 17h55 GMT
Copenhaga 3-0 İstanbul Başakşehir
(primeira mão: 0-1; total 3-1)
Shakhtar 3-0 Wolfsburgo (2-1; 5-1)

Quarta-feira, 5 de Agosto: 20h00 GMT
Manchester United 2-1 LASK
(5-0, 7-1)

Quinta-feira, 6 de Agosto: 17h55 GMT
Leverkusen - Rangers
(3-1)

Quinta-feira, 6 de Agosto: 20h00 GMT
Basileia - Eintracht Frankfurt
(3-0)
Wolves - Olympiacos
(1-1)

Eliminatórias a um só jogo

Quarta-feira, 5 de Agosto: 20h00 GMT
Inter 2-0 Getafe (Gelsenkirchen)

Quinta-feira, 6 de Agosto: 17h55 GMT
Sevilha - Roma (Duisburgo)

Dez dos melhores golos até agora na Europa League 2019/20
Dez dos melhores golos até agora na Europa League 2019/20

Quartos-de-final:

Segunda-feira, 10 de Agosto: 20h00 GMT
Manchester United - Copenhaga (Colónia)
Inter - Rangers/Leverkusen (Dusseldorf)

Terça-feira, 11 de Agosto, 20h00 GMT
Shakhtar - Eintracht Frankfurt/Basileia (Gelsenkirchen)
Olympiacos/Wolves - Sevilha/Roma (Duisburgo)

Meias-finais:

Domingo, 16 de Agosto: 20h00 GMT
Olympiacos/Wolves/Sevilha/Roma - Manchester United/Copenhaga (Colónia)

Segunda-feira, 17 de Agosto: 20h00 GMT
Inter/ Rangers/Leverkusen - Shakhtar/Eintracht Frankfurt/Basileia (Dusseldorf)

Final:

Sexta-feira, 21 de Agosto: 20h:00 GMT

Vencedor da primeira meia-final - Vencedor da segunda meia-final (Colónia)

Oitavos-de-final da Europa League: conheça os participantes

Facto: Desde que a Taça UEFA se transformou em UEFA Europa League, em 2009/10, nove das dez edições foram ganhas por equipas espanholas ou inglesas.

Houve alterações nos plantéis das equipas?

Alterações confirmadas na segunda-feira

• Cada plantel continua limitado a 25 jogadores da Lista A (podem ser retirados uns para entrarem outros);

• Os jogadores necessitam de estar inscritos e ser elegíveis para jogar pelo clube a nível nacional desde 3 de Fevereiro ou, em qualquer caso, o mais tardar antes da primeira mão dos oitavos-de-final inicialmente agendada para a equipa em questão.

• As equipas poderão efectuar cinco substituições mas, para limitar às interrupções no jogo, só poderão ser efectuadas em três momentos. Essas três ocasiões não incluem intervalo, entre o fim do tempo regulamentar e o prolongamento e ainda ao intervalo do prolongamento. É permitida uma substituição adicional durante o prolongamento.

• Os treinadores também terão mais suplentes por onde escolher: na ficha de jogo serão permitidos 23 jogadores em vez de 18, algo que habitualmente só acontecia na final.

Quem são os melhores marcadores?

Diogo Jota aponta "hat-trick" na goleada do Wolves ao Espanyol
Diogo Jota aponta "hat-trick" na goleada do Wolves ao Espanyol

Seis jogadores somam seis golos na edição 2019/20, sendo que cinco deles ainda estão em prova:

Bruno Fernandes (Sporting/Manchester United)
Daichi Kamada (Eintracht Frankfurt)
Andraž Šporar (Slovan Bratislava/Sporting)
Alfredo Morelos (Rangers)
Edin Višća (İstanbul Başakşehir)
Diogo Jota (Wolves)

O extremo Galeno, do Braga, é o jogador com mais assistências até ao momento (6), apesar de a sua equipa ter sido eliminada nos 16 avos-de-final. Juan Mata, do Manchester United, ocupa o segundo lugar, com cinco (mais uma do que Bruno Fernandes, que chegou a Old Trafford vindo do Sporting em Janeiro).

Facto: Todos os melhores marcadores na história da UEFA Europa League marcaram pelo menos oito golos. Radamel Falcao detém o recorde de mais golos numa época, com 17 na campanha vitoriosa do Porto em 2010/11. O goleador da época passada foi Olivier Giroud, do Chelsea, com 11.

Jogador da Semana: Todos os vencedores até agora

Como tem sido a qualidade do torneio até agora? 

Notável, como sempre. Esta época já se marcaram mais de 500 golos na UEFA Europa League (uma média de 2.8 por jogo). O futebol praticado também tem sido de calibre elevado: veja alguns dos resumos incluídos nesta peça para confirmar o que dizemos.

Facto: O Manchester United é a equipa com mais golos (23), remates (154) e remates à baliza (55) nesta edição da competição.

Quem se apurou na fase de grupos?

Resumo 5ª jornada: İstanbul Başakşehir 0-3 Roma
Resumo 5ª jornada: İstanbul Başakşehir 0-3 Roma

Grupo A: Sevilha (1º), APOEL (2º)
Grupo B: Malmö, Copenhaga
Grupo C: Basileia, Getafe
Grupo D: LASK, Sporting
Grupo E: Celtic, Cluj
Grupo F: Arsenal, Frankfurt
Grupo G: Porto, Rangers
Grupo H: Espanyol, Ludogorets
Grupo I: Gent, Wolfsburgo
Grupo J: İstanbul Başakşehir, Roma
Grupo K: Braga, Wolves
Grupo L: Manchester United, AZ Alkmaar

O que aconteceu nos oitavos-de-final?

Nos 16 avos-de-final, os 24 apurados tiveram a companhia das oito equipas que terminaram a fase de grupos da Champions League no terceiro lugar: Club Brugge, Olympiacos, Shakhtar Donetsk, Leverkusen, Salzburgo, Inter, Benfica e Ajax.

İstanbul Başakşehir (total: 5-4 Sporting)
Copenhaga (total: Celtic 4-2)
Wolves (total: 6-3 Espanyol)
Rangers (total: 4-2 Braga)
Wolfsburgo (total: 5-1 Malmö)
Getafe (total: 3-2 Ajax)
Sevilha (total: 1-1 Cluj, regra dos golos fora)
Roma (total: 2-1 Gent)
Eintracht Frankfurt (total: 6-3 Salzburgo)
Basileia (total: 4-0 APOEL)
LASK (total: 3-1 AZ Alkmaar)
Manchester United (total: 6-1 Club Brugge)
Olympiacos (total: 2-2 Arsenal, regra dos golos fora)
Shakhtar Donetsk (total: 5-4 Benfica)
Leverkusen (total: 5-2 Porto)
Inter (total: 4-1 Ludogorets)