O UEFA.com funciona melhor noutros browsers
Para a melhor experiência possível recomendamos a utilização do Chrome, Firefox ou Microsoft Edge.

Vitória derrotado na Turquia pelo Konyaspor

O Vitória perdeu por 2-1 no terreno do Konyaspor e continua numa série negativa em jogos fora na Europa.

Highlights: Konyaspor 2-1 Vitória SC
Highlights: Konyaspor 2-1 Vitória SC

O Vitória SC perdeu em casa do Konyaspor, por 2-1, na segunda jornada do Grupo I da UEFA Europa League, com os turcos a somarem o primeiro triunfo nas provas da UEFA.

Na tentativa de quebrar um longo jejum europeu por uma vitória fora nas provas da UEFA, o Vitória começou bem, com um cruzamento-remate de Helton desviado por Serkan Kırıntılı junto à base do poste (3). A resposta anfitriã surgiu aos oito minutos, num grande remate em arco de Deni Milošević à barra.

Após período de algum domínio, o Konyaspor acabou mesmo por marcar. Aos 24 minutos, na sequência de um lançamento lateral, Patrick Friday desvia para a pequena área e Moussa Araz, felino, aparece entre os centrais e com um toque subtil inaugura o marcador. Mais tarde, aos 35, Raphinha teve o empate nos pés, só que sozinho atira por cima na recarga a remate de Heldon que o guaridão não segurou.

O jogo não podia ter recomeçado pior para o Vitória, que no primeiro lance da segunda parte sofre o 2-0. Nejc Skubic sobe pela direita e cruza com precisão para o cabeceamento fulminante de Milošević ao ângulo (47).

Tal como na primeira parte, o Vitória não conseguiu reagir forte ao golo sofrido. Aos 73 minutos, Milošević podia ter bisado, novamente num remate de longe, que Miguel Silva afastou para canto. No entanto, segundos depois, um lance individual de Heldon na esquerda termina com um cruzamento atrasado para Paolo Hurtado, que remata de pronto e reduz a diferença. Quase a terminar, Francisco Ramos enche o pé à entrada da área e remata forte, só que à figura do guarda-redes.

Momento
O golo logo a abrir a segunda parte foi um murro no estômago para o Vitória, que viu a desvantagem aumentar e ditou uma reacção tardia.

Figura
Milošević mostrou ter um remate forte e causou perigo em dois lances, num dele acertando com estrondo na barra. Ironicamente, acabou por marcar de cabeça.