Assíduos e estreantes apontam a Varsóvia

Cinco antigos campeões europeus estão entre as 48 equipas, de 26 países, prontas para a acção no início da caminhada rumo à final da UEFA Europa League de 2014/15.

O PSV no jogo contra do Shakhtyor
O PSV no jogo contra do Shakhtyor ©Pressball

Os antigos campeões europeus FC Internazionale Milano, Celtic FC, PSV Eindhoven, FC Steaua Bucureşti e Feyenoord são os participantes ilustres, à medida que as equipas de 26 países se preparam para a primeira jornada da UEFA Europa League, na quinta-feira.

A fase de grupos com 48 equipas tem um alcance multinacional e físico que até mesmo a UEFA Champions League não consegue igualar, e também não faltam nomes de peso. Três antigos vencedores da Taça dos Clubes Campeões Europeus iniciam a campanha fora: o Inter desloca-se à Ucrânia para defrontar o FC Dnipro Dinpropetrovsk (do português Bruno Gama), o Celtic FC tem uma viagem complicada até ao terreno do FC Salzburg – que conta com Jonatan Soriano, melhor marcador da UEFA Europa League na época passada, com oito golos –, enquanto o Feyenoord visita o Sevilla FC (dos portugueses Beto, Diogo Figueiras e Daniel Carriço), detentor da UEFA Europa League.

O Steaua recebe o Aalborg BK, enquanto o PSV assinala o 40º aniversário da maior vitória europeia – a goleada por 10-0 frente ao Ards FC, da Irlanda do Norte, na Taça dos Vencedores de Taças de 1974/75 – quando servir de anfitrião ao Estoril Praia, presente na fase de grupos pela segunda época consecutiva. A presença de várias equipas com registo europeu notável empresta certo grau de distinção à UEFA Europa League, mas crucial para o prestígio do torneio é a forma como medem forças com equipas em ascensão, caso do Estoril.

Ari, do Krasnodar
Ari, do Krasnodar©AFP/Getty Images

Os russos do FK Krasnodar têm de ser levados em conta. Na deslocação ao reduto do LOSC Lille, presença regular na UEFA Champions League, nesta ronda inaugural, fazem estreiam-se nas competições europeias um ano após o vizinho FC Kuban Krasnodar ter embarcado na primeira campanha na fase de grupos da UEFA Europa League. Os romenos do FC Astra Giurgiu – que visitam o GNK Dinamo Zagreb (onde alinham Eduardo, Ivo Pinto, Paulo Machado, Gonçalo Santos e Wilson Eduardo) – já provaram que a falta de experiência europeia não impede o sucesso nesta competição, depois de terem eliminado FC Slovan Liberec e Olympique Lyonnais para chegar a esta fase.

Nos outros jogos, o HJK Helsinki inicia a primeira presença numa fase de grupos da UEFA desde 1998/99, na altura na UEFA Champions League, enquanto o Legia Warszawa – que enfrenta os belgas do KSC Lokeren OV pela primeira vez – tem motivação extra, pois a final realiza-se na cidade, a 27 de Maio do próximo ano. Pela primeira vez, o vencedor vai apurar-se automaticamente para a fase de grupos da próxima edição da UEFA Champions League, numa recompensa importante e que promete tornar a prova deste ano mais emocionante do que nunca.