Reacções ao sorteio: jogadores e treinadores

"Não temos medo, podemos defrontar qualquer adversário" é uma das reacções incluídas no resumo do UEFA.com ao sorteio do "play-off" da UEFA Europa League.

O Astana deseja causar uma surpresa no "play-off"
O Astana deseja causar uma surpresa no "play-off" ©Vladimir Shapovalov

FC Dnipro Dnipropetrovsk (UKR) - HNK Hajduk Split (CRO)

©Getty Images

Myron Markevych, treinador do Dnipro: "O Hajduk é uma boa equipa e que pratica futebol ofensivo. Marcou cinco golos em dois jogos com o Shakhter Karagandy, apesar de ter sofrido quatro. Já o tinha visto em acção, mas agora precisamos de o estudar melhor porque todos os anos tem vários jogadores novos. Um deles, bem conhecido na Ucrânia, é Artem Milevskiy, que se transferiu recentemente para lá. Penso que serão jogos interessantes para as duas equipas".
Sven Tino Sušić, médio do Hajduk: "É um nome ilustre do futebol ucraniano e não será fácil para nós. São uma equipa de qualidade, muito forte. Mas se estivermos ao nosso melhor, não devemos ter receio deles. Precisamos de ser heróicos no primeiro jogo, tentar obter um bom resultado e depois na segunda mão tentar garantir o apuramento para a fase de grupos. Se conseguirmos um bom resultado no primeiro jogo, os nossos fiéis adeptos podem ajudar-nos a seguir em frente".

Olympique Lyonnais (FRA) v FC Astra (ROU)

Hubert Fournier, treinador do Lyon: "Queria disputar o segundo jogo em casa, no Gerland, mas não será assim. Penso que podemos esperar um jogo interessante na Roménia". Fournier também disse que o central Henri Bedimo, um dos jogadores mais importantes da equipa, estará ausente da competição durante três semanas, devido a uma lesão sofrida na noite passada.

©UEFA.com

IF Elfsborg (SWE) - Rio Ave FC (POR)
Klas Ingesson, treinador do Elfsborg: "É óptimo. Esta era a equipa que eu gostaria de defrontar. Sinto que está tudo nas nossas mãos; se perdermos não há desculpa. É bom que o Blåvitt [IFK Göteborg] já a tenha defrontado. Espero falar com o Stahre [treinador do IFK] para ter alguma ajuda extra".
António Silva Campos, presidente do Rio Ave: "O Elfsborg é uma equipa com experiência europeia. Temos de a respeitar e reunir mais informações. Temos de acreditar nas nossas capacidades. É a segunda equipa sueca com quem nos cruzamos, e se tivermos a mesma sorte vamos alcançar o nosso objectivo, que é chegar à fase de grupos".

Panathinaikos FC (GRE) - FC Midtjylland (DEN)

©Getty Images

Giannis Anastasiou, treinador do Panathinaikos: "O Midtjylland é relativamente desconhecido para o público grego, mas sei que as equipas escandinavas nunca são fáceis. Vamos observá-los, uma vez que o seu campeonato já começou, e estudá-los com o objectivo de estarmos bem preparados para os dois jogos. A este nível tudo pode acontecer, por isso devemos estar atentos e aproveitar ao máximo as nossas oportunidades".
Glen Riddersholm, treinador do Midtjylland: "Preferíamos defrontar o Sheriff, ao mesmo tempo que queríamos evitar Inter e Real Sociedad, por isso diria que o Panathinaikos está no meio dessas hipóteses. Não há dúvida de que será um desafio difícil, e neste momento tenta reaparecer no panorama grego após algum tempo na sombra do Olympiacos. Também não há dúvidas de que neste momento tem uma equipa superior à nossa, mas nós podemos ganhar algo aos estarmos melhor preparados. Este é um embate interessante, e a tarefa não é impossível".

Apollon Limassol FC (CYP) - FC Lokomotiv Moskva (RUS)

©Getty Images

Roman Shishkin, defesa do Lokomotiv: "Já ouvi falar do Apollon, mas para ser sincero não sei muito sobre eles. E penso que o resto do plantel sente o mesmo. Creio que somos favoritos e temos tudo para seguir em frente. É bom termos a primeira mão fora. Em casa, existe sempre mais hipóteses de alterar a situação para melhor".

©Getty Images

FC Petrolul Ploieşti (ROU) - GNK Dinamo Zagreb (CRO)
Zoran Mamić, treinador do Dínamo: "Vamos enfrentar uma das melhores equipas da liga romena, com a qual perdemos um amigável realizado na Eslovénia, mas isso conta pouco. Tratam-se de jogos de preparação, mas sem dúvida que impõem respeito. O seu triunfo sobre o Viktoria Plzeň na pré-eliminatória anterior mostra que é uma equipa forte. Vamos tentar preparar-nos da melhor forma possível".

Trabzonspor AŞ (TUR) - FC Rostov (RUS)
Miodrag Božović, treinador do Rostov: "Vamos defrontar uma das melhores equipas da liga romena, com a qual perdemos um amigável realizado na Eslovénia, mas isso conta pouco. Tratam-se de jogos de preparação, mas sem dúvida que impõem respeito. O seu triunfo sobre o Viktoria Plzeň na pré-eliminatória anterior mostra que é uma equipa forte. Vamos tentar preparar-nos da melhor forma possível".

FC Aktobe (KAZ) - Legia Warszawa (POL)
Almat Bekbaev, guarda-redes do Aktobe: "Eu e o resto dos jogadores queríamos que tivesse calhado o Internazionale Milano, mas em vez disso foi o Legia. É provável que nos subestimem".