Combata a COVID-19 seguindo as indicações da Organização Mundial de Saúde e os cinco passos da FIFA para travar a propagação da doença.

1. Lavar as mãos 2. Tossir para o antebraço 3. Não tocar no rosto 4. Manter a distância física 5. Ficar em casa.
Mais informação >
 

Žalgiris quer continuar a fazer magia

"Desde a primeira ronda que nos dão como eliminados e chegámos até aqui", disse Andrius Skerla, numa altura em que o Žalgiris procura voltar a causar sensação frente ao Salzburgo.

O Žalgiris tem superado todas as expectativas na UEFA Europa League esta temporada
O Žalgiris tem superado todas as expectativas na UEFA Europa League esta temporada ©Valdas Knyzelis

Após surpreender tudo e todos ao deixar para trás o KKS Lech Poznań na terceira pré-eliminatória, o VMFD Žalgiris prepara-se agora para enfrentar o FC Salzburg no "play-off" da UEFA Europa League apostado em voltar a causar sensação.

Vencedor da Taça da Lituânia em 2013, o Žalgiris tinha já deixado pelo caminho o Saint Patrick's Athletic FC e o FC Pyunik antes de afastar o Lech. O Salzburgo constitui agora, porém, um obstáculo ainda maior, mas o defesa e treinador-adjunto Andrius Skerla não mostra qualquer tipo de receio. "Um adversário espanhol ou alemão seria bem mais complicado", frisou. "Desde a primeira eliminatória que todos nos dão como fora da prova e ainda aqui estamos!".

A euforia entre a formação lituana ainda é grande depois do êxito obtido frente ao Lech. Com uma vantagem de apenas 1-0 para a partida da segunda mão, na Polónia, o Žalgiris silenciou por completo os adeptos da casa presentes em Poznan quando Rytis Leliūga inaugurou o marcador à passagem do minuto 29. O Lech ainda reagiu e conseguiu dar a volta ao marcador, vencendo o encontro por 2-1, resultado insuficiente para evitar o apuramento do Žalgiris.

"Trata-se de um feito enorme para nós", destacou Skerla ao UEFA.com. "Estamos a fazer história, porque esta é a primeira vez que uma equipa da Lituânia chega tão longe. Em Vilnius deixámos o nosso coração em campo e em Poznan também jogámos muito bem. Sabíamos que se marcássemos iríamos seguir em frente."

O médio Mantas Kuklys também mostra confiança, apesar de na época passada ter estado na derrota por 6-2 frente a outra equipa austríaca, o VfB Admira Wacker. "Temos hipóteses, mesmo sabendo que vai ser muito complicado", afirmou. "O Salzburgo é, talvez, mais forte do que o Admira Wacker, mas nós também estamos mais fortes esta temporada."

Topo