Pesquisa na Internet dá dividendos ao Differdange

"Pesquisámos no youtube para ficar a saber um pouco mais sobre o nosso adversário", relatou o treinador adjunto do Differdange, Emilio Lobo, após uma soberba reviravolta contra o Utrecht.

Differdange celebra um dos golos da vitória por 2-1 sobre o Utrecht
Differdange celebra um dos golos da vitória por 2-1 sobre o Utrecht ©Philippe Lebresne

O FC Differdange 03 já olha para a terceira pré-eliminatória da UEFA Europa League – na qual vai defrontar o vencedor do duelo entre Tromsø IL e FC İnter Bakı, depois da notável recuperação de quinta-feira à noite que surtiu numa vitória sobre o FC Utrecht.

Depois de a primeira mão, no Estádio José Barthel, não ter começado de feição para a equipa luxemburguesa, com um golo do atacante Jacob Mulenga logo ao segundo minuto, a dupla resposta por parte de Omar Er Rafik, à entrada para o jogo de quinta-feira, colocou a equipa em vantagem para a segunda mão. Em seguida, o técnico-adjunto Emilio Lobo revelou uma investigação pouco comum e que tinha servido de sustentação para atingirem a vitória. "Fizemos uma pesquisa no YouTube para aprender um pouco mais sobre o nosso adversário", explicou. "O nosso treinador também pediu informações a uma série de colegas estrangeiros."

No entanto, o treinador Michel Leflochmoan recusa-se a embandeirar em arco. Apesar de reconhecer que a equipa holandesa é superior, mostrou-se surpreendido pela forma como os seus jogadores lidaram com a desvantagem inicial e colocaram em campo os seus princípios de jogo. "Eles são mais fortes do que nós", disse o técnico de 61 anos, em funções há um ano no Differdange. "Quando os meus atletas entraram em campo, sabiam que podiam ficar em desvantagem. Estavam mentalmente preparados para isso."

"Disse-lhes que, mesmo que sofrêssemos um golo, não teríamos perdido nada. Fomos capazes de nos organizar. O louvor deve ir para os jogadores. Foram maduros, unidos e estiveram muito motivados. Sempre que tivemos a bola causámos problemas ao adversário. Obrigámo-los a correr."